68% apoiam impeachment de Dilma, diz pesquisa Datafolha

Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (19) no jornal “Folha de S.Paulo” indica os seguintes percentuais, na opinião dos entrevistados, sobre como os deputados deveriam votar em relação ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT):
– Sim: 68%
– Não: 27%
– Indiferente: 3%
– Não sabe: 2%
Na pesquisa anterior, de fevereiro, 60% se disseram a favor do impeachment, contra 33% que eram desfavoráveis.
Esta reportagem está sendo atualizada com os dados da pesquisa.
O Datafolha realizou o levantamento nos dias 17 e 18 de março. O instituto ouviu 2.794 eleitores em 171 municípios de todo o país. As somas podem passar ou ficar abaixo dos 100% por conta de arredondamentos, informou o instituto.
A pesquisa quis ainda saber se os entrevistados entendem que Dilma deveria renunciar. Os resultados foram:
– Sim: 65%
– Não: 32%
– Não sabe: 3%
Com relação à avaliação do governo, o resultado foi:
– Ótimo/bom: 10%
– Regular: 21%
– Ruim/péssimo: 69%

O Datafolha também questionou os ouvidos sobre se Dilma vai ou não ser afastada do governo:
– Não vai ser afastada: 47%
– Sim, vai ser afastada: 46%
– Não sabe: 7%
O Datafolha quis saber ainda a opinião dos entrevistados sobre um governo liderado pelo vice-presidente Michel Temer (PMDB):
– Ótimo/bom: 16%
– Ruim ou péssimo: 35%
– Não sabe: 15%

O instituto questionou os entrevistados sobre a percepção em relação ao governo em que mais houve corrupção:
– Dilma: 36%
– Lula: 23%
– Fernando Collor: 20%
– FHC: 7%
– José Sarney: 3%
– Itamar Franco: 1%
– Em todos deles: 4%
– Em nenhum deles: 0
– Não sabe: 6%
O Datafolha perguntou quem foi o melhor presidente que o Brasil já teve:
– Lula: 35%
– FHC: 16%
– Getúlio Vargas: 7%
– Juscelino Kubitschek: 5%
– José Sarney: 3%
– Tancredo Neves: 2%
– João Figueiredo: 2%
– Itamar Franco: 2%
– Fernando Collor: 1%
– Dilma: 1%
Sobre qual seria o principal problema do país, os entrevistados consideraram:
– Corrupção: 37%

G1/SP

Publicidade

Comentários:

  1. Polyana disse:

    Não foi o que vimos nas ruas.

  2. Silva disse:

    Tchau querida! Não vai ter golpe vai ter justiça. O golpe aconteceu em 2014 na campanha eleitoral.

  3. Consciência disse:

    E esse blog também "não é nada mal intencionado". É só olhar as postagens e perceber que não há isenção política nenhuma. E na rádio então… quando uns da equipe começam a falar… a burguesia fede!

  4. Francisco Ferreira de souza disse:

    pense numa manipulação grande é só mais um capítulo do golpe

    • Não vai ter Golpe vai ter Justiça disse:

      Lula e Dilma 2 Golpistas Farcistas Ditadores