Atentado suicida em parque mata 63 e fere 290 no Paquistão

Um atentado suicida contra um parque da cidade de Lahore, no leste do Paquistão, provocou neste domingo a morte de pelo menos 63 pessoas e deixou outras 290 feridas, informaram à Agência Efe fontes oficiais.

“Um suicida explodiu as bombas que carregava no parque de Gulshan Iqbal por volta das 19h (11h em Brasília)”, informou o porta-voz da polícia na região, Mohammed Salim.

O agente informou que os 290 feridos estão sendo levados aos hospitais mais próximos do ataque.

Um porta-voz dos serviços de resgate da cidade, Jam Sajjad, explicou que o parque Gulshan Iqbal tem uma extensão enorme, inclusive com área de atividades para crianças, e que no momento da explosão o lugar estava repleto de famílias.

O governo provincial de Punjab, da qual Lahore é a capital, informou pelo Twitter que foi declarado o estado de emergência em todos os hospitais da cidade e anunciou três dias de luto oficial.

Em meados de março, 15 pessoas morreram e 30 ficaram feridas em um atentado com bomba contra um ônibus em que viajavam funcionários do governo na cidade de Peshawar, no noroeste do país.

Apesar disso, os atentados talibãs diminuíram após o começo de uma operação militar nas regiões tribais em 2014, que ainda continua e na qual morreram 3,5 mil insurgentes, segundo o exército.

Terra

Publicidade

Comentários: