Publicidade
Publicidade

VÍDEO: Jogador da Chapecoense aparece andando após sair da UTI

Um dos sobreviventes da tragédia em Medellín, Alan Ruschel deu nesta quarta-feira (7) um importante passo rumo a sua recuperação. O lateral-esquerdo da Chapecoense aparece andando após deixar a UTI sete dias após o grave acidente que matou 71 pessoas no caminho para Medellín. O jogador ainda se preocupou em deixar uma mensagem para os torcedores:

“Alô pessoal do Brasil, do mundo inteiro, ligado na minha recuperação, aqui é o Alan Ruschel, queria falar para vocês que estou me recuperando muito bem e que logo logo estou no Brasil já de volta para terminar minha recuperação lá também. Queria agradecer a todos pela força dada, pelos votos de carinho também que recebi, então… Só tenho que agradecer a todo mundo. Muito obrigado”, disse Ruschel.

Depois de passar pelo acidente, Ruschel pensa até em voltar a jogar futebol. A revelação foi feita por sua noiva, Marina Storchi, que acompanha a recuperação do jogador no Hospital San Vicente, na Colômbia. Ruschel enfrentou uma delicada cirurgia na coluna cervical, quando até mesmo havia a possibilidade de ficar paraplégico.

Além de Alan, outros três brasileiros seguem se recuperando do acidente com o avião que levava a Chapecoense para a decisão da Copa Sul-Americana em Medellín: o jornalista Rafael Henzel, o zagueiro Neto e o goleiro Jackson Follmann.

Alan Ruschel foi o primeiro passageiro do avião a ser encontrado com vida. Com fratura vertebral, precisou ser submetido a cirurgia, mas apresenta boas perspectivas de melhora.

R7

enviar comentário
Publicidade

Cinco pessoas morrem em queda de avião em Manaus

750_201612710542147Um avião de pequeno porte caiu em Manaus, no Amazonas, nesta quarta-feira, 7. Cinco pessoas morreram no acidente, incluindo uma criança de 4 anos.

Uma pessoa sobreviveu a queda. As vítimas não foram identificadas.

O Corpo de Bombeiros está no local. Não há informações sobre a circunstância do acidente.

Acidentes aéreos

Nos últimos dias foram registrados diversos acidentes envolvendo aeronaves. Na segunda, 5, o piloto de um avião de pequeno porte morreu após o equipamento cair em um cemitério no Paraná. Um fotógrafo, único passageiro, ficou ferido.

No fim de semana, quatro pessoas também morreram na queda de um helicóptero em São Paulo. Entre as vítimas estava uma noiva que seguia para o seu casamento.

No último dia 29 de novembro, o avião que transportava a equipe da Chapecoense caiu, matando 71 pessoas e deixando seis feridos.

A Tarde, UOL

 

Comentário (1) enviar comentário
  1. Curioso disse:

    Omi seu minino, qui danado ta havendo cum esses avião…??? Armaria!!!

Publicidade

Sertanejo Ronaldo diz à polícia que bebeu cerveja e dormiu ao volante

Do G1 GO

O sertanejo Ronaldo, da dupla com Humberto, confessou em depoimento à Polícia Civil que bebeu antes de dirigir e que dormiu ao volante. Ele bateu o carro que dirigia no muro de um condomínio de Goiânia na madrugada desta terça-feira (6). O músico foi detido em flagrante por embriaguez, mas pagou fiança de R$ 3 mil e foi liberado.
Segundo o boletim de ocorrência registrado na Central de Flagrantes, Ronaldo confessou que “ingeriu apenas dois copos de bebida alcoólica (cerveja)”. Além disso, afirmou em depoimento que “estava na condução do veículo quando na Avenida Trieste, Village Veneza, cochilou ao volante, momento em que colidiu contra o muro do Condomínio Granville”.
À polícia, o sertanejo também disse que tem trabalhado com uma intensa rotina de shows e por isso acabou dormindo ao volante. Ele explicou também que não tem Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Sobre a embriaguez ao volante, Ronaldo disse que ao dirigir, não sentiu que estava alterado pelo efeito do álcool.
Um exame feito no Instituto Médico Legal apontou que Ronaldo estava com “hálito etílico presente”, além de equilíbrio e coordenação motora comprometidos. Assim, foi considerado que ele estava com “intoxicação alcoólica aguda”.
Ele foi autuado por dirigir sem CNH. “Diante disso, será encaminhado para a Delegacia Estadual de Trânsito para dar prosseguimento aos feitos”, diz o delegado Jerônimo Rodrigues Borges.

Comentário (1) enviar comentário
  1. Mano Tensão disse:

    Quem???

Publicidade

Diretor da LaMia é detido na Bolívia, diz imprensa

O diretor-geral da LaMia, companhia aéra do avião com a delegação da Chapecoense que caiu na Colômbia na semana passada, foi detido nesta terça-feira (6) na Bolívia, informam os jornais locais “El Deber” e “La Razón”.

Segundo o “El Deberg”, outros dois funcionários da empresa também foram detidos e levados junto com Gustavo Vargas Gamboa, o diretor-geral, à sede da procuradoria de Santa Cruz. Ainda de acordo com o jornal, a Direção Geral da Aeronáutica Civil do país confiscou documentos e caixas da empresa, e seus escritórios estão interditados.

A empresa é investigada pelo acidente que deixou 71 mortos e 6 feridos. Uma das principais hipóteses discutidas é que o avião colidiu com o solo devido à falta de combustível próximo a conseguir pousar no aeroporto de Rionegro, em Medellín, Colômbia.

G1

enviar comentário
Publicidade

Piloto do avião da Chapecoense tinha mandado de prisão

quirogaO ministro explicou que os pilotos militares assumem compromisso de, após formados, não se retirarem da Força Aérea até cumprirem com os anos de serviço militar previstos. Ele evitou a prisão com recursos na Justiça.

Domingo, em entrevista ao Fantástico, da TV Globo, a viúva de Quiroga, Daniela Pinto, disse ter certeza de que o marido fez de tudo para evitar a tragédia:

– Eu entendo a dor de todas as pessoas, mas meu marido nunca colocaria por vontade própria a vida e a de outras pessoas em risco. Meu marido era um homem responsável, que amava o que fazia. Ele não era uma pessoa má. Não era um assassino – disse.

Natural de Cobija, o boliviano Quiroga – que era um dos sócios da LaMia – tinha 36 anos. O avião pilotado por Quiroga levava a delegação da Chapecoense para a primeira partida da final da Copa Sul-Americana, contra o Atlético Nacional, em Medellín, e caiu na madrugada da terça-feira passada após sofrer uma pane seca.

O Globo

enviar comentário
Publicidade

Avião cai em rio na Colômbia após falha no motor e piloto é resgatado com vida; vídeo

Avião caiu em rio na Colômbia

Um avião do Centro de Formação Aeronáutica Protecnica caiu na manhã desta segunda-feira no Rio Magdalena, no município de Soledad, na Colômbia. No avião, da empresa Madeflex, estava apenas o piloto, José Manuel Montenegro, de 19 anos. Ele está estável e fora de perigo. As informações são do jornal ‘El Heraldo’,

“O paciente sofreu um traumatismo craniano leve, lesionou levemente a coluna, além do tornozelo e perna direita. Ele está consciente e estável”, disse Amy Toscano, gerente da clínica onde o piloto está internado,

De acordo com o médico responsável, o rapaz informou que houve uma pane no motor do avião e, para evitar cair em uma via pública, ele escolheu planar no rio. O avião, tipo Piper PA28, a matrícula HK-4664G, decolou às 8h17 e, às 8h30, ocorreu o acidente,

“Um cidadão viu a queda da aeronave pela Ponte Pumarejo, em direção ao rio Magdalena. Todos correram para ajudá-lo”, informou a Defesa Civil local.

EXTRA

enviar comentário
Publicidade

Um dos sobreviventes, Alan Ruschel mudou de poltrona dentro do avião

30167813892_786c8567a4_bAlan Ruschel trocou de assento dentro do avião, e foi o primeiro a ser resgatado (Foto: Giba Pace Thomaz/Chapecoense)

Em recuperação no hospital San Vicente Fundación, após a queda do avião que transportava a Chapecoense para a final da Copa Sul-Americana, em Medllín, o lateral Alan Ruschel contou para um dos médicos que mudou de lugar dentro da aeronave. O jogador afirmou ao ortopedista Marcos Sonagli que trocou de cadeira.

Alan Ruschel foi o primeiro sobrevivente a ser encontrado durante o resgate, após a queda do avião na madrugada de segunda para terça-feira. O lateral sofreu uma fratura em uma das vértebras e uma lesão no abdômen. Mas já se recupera e já convidou os médicos para um churrasco.

Outro sobrevivente, o goleiro Follmann também já conversa com os familiares e com os médicos. O arqueiro teve a perna direita amputada, a cerca de 15 centímetros abaixo do joelho. Com isso, a equipe médica está confiante de que a adaptação à prótese será facilitada.

O caso mais crítico ainda é do zagueiro Neto. O jogador está sedado e ainda respira com ajuda de aparelhos, por causa de uma infecção pulmonar. O jornalista Rafael Henzel, que está com uma pneumonia, mas já respira normalmente. A equipe médica afirmou que identificou a bactéria que causou a doença e o jornalista está com a medicação específica.

Globo Esporte

 

enviar comentário
Publicidade

Internado, lateral da Chape melhora e pede até churrasco

img_4125Dos quatro brasileiros que sobreviveram à queda do avião da LaMia e continuam internados em Medellín, o zagueiro Neto é o que inspira maiores cuidados, segundo os médicos, que divulgaram novo boletim neste domingo para informar sobre o estado de saúde dos jogadores da Chapecoense.

O zagueiro é o único que continua entubado. Neto, que foi o último a ser resgatado do acidente com vida, está com pneumonia e ainda depende de ventilação mecânica para respirar. E deve permanecer assim por até 48 horas.

Já o lateral Alan Ruschel evoluiu bem e até brinca com os médicos da UTI: pediu até um churrasco — ele disse que estava com vontade de comer carne. Ruschel conversa bastante com os médicos, falou com familiares que estão em Medellín e foi comunicado do que aconteceu.

O goleiro Jackson Follmann, que teve a perna direita amputada, continua mostrando evolução segundo os médicos, que já descartaram amputar a outra perna do jogador. Follman, que pode sair da UTI nesta semana, sofreu uma lesão na coluna e terá de passar por uma cirurgia devido a uma fratura na segunda vértebra. Dependendo da evolução, a cirurgia na coluna pode até ser feita no Brasil.

VEJA

Comentário (1) enviar comentário
  1. Bezerra Júnior disse:

    Dentre os muitos comentários e análises que vi e ouvi, chamou-me atenção a de um senhor especialista em tais situações. Classificou o país ou os países que devem ou deveriam cumprir as normas aéreas. Ao final penso eu: houve isto sim, ganância de uns e ausência de responsabilidade de outros tantos. Que paguem na forma pecuniária ou no remorso de suas vidas. Penso eu.

Publicidade

Noiva que seguia para casamento e mais três morrem em queda de helicóptero

Um helicóptero ocupado por quatro pessoas caiu na tarde deste domingo (4), em São Lourenço da Serra, cidade do sudoeste da Região Metropolitana de São Paulo, segundo as primeiras informações do Corpo de Bombeiros. As identidades dos quatro ocupantes ainda não foram identificados, mas sabe-se que estavam na aeronave o piloto, uma noiva, o seu irmão e uma fotógrafa grávida.

O helicóptero que caiu é do modelo Robinson 44, matrícula PRTUN, segundo a Aeronáutica, que não confirma origem e destino da aeronave.

A aeronave caiu próxima à Estrada da Barrinha, em São Lourenço, via de acesso à cidade de Juquitiba. Oito equipes do Corpo de Bombeiros se dirigiram ao local. A corporação informa que a ocorrência ainda está em andamento.

VEJA
enviar comentário
Publicidade

Veja FOTOS do velório do jogador Gil, vítima do acidente com o avião da Chapecoense

img_4116img_4115img_4114img_4113

Fotos do Velório do jogador Gil, vítima do acidente com o avião da Chapecoense. O velório aconteceu na tarde deste domingo, 4, no município de Nova Cruz.

 

Fotos: Novo Jornal

Comentários (2) enviar comentário
  1. Nilson Oliveira disse:

    Que Deus dê todo o conforto à familia nesse momento tão difícil, e que Deus coloque ele em um bom lugar, amém.

  2. Isabelle ferro sousa disse:

    Que Deus conforte o coração de cada um ,força Deus é fiel..

Publicidade

Alan Ruschel ficou agitado após saber de acidente aéreo, diz família

Alan Ruschel está internado em Medellín, na Colômbia

Amanda Ruschel, irmã do jogador Alan Ruschel, vítima da queda do avião da Chapecoense, usou seu perfil no Instagram para informar amigos, torcedores e parentes sobre a melhora do jogador. O atleta está internado em Medellín, na Colômbia, e teve reações ao ser informado sobre o acidente que matou seus colegas de equipe.

“Em nome de Jesus, Alan está progredindo cada minuto mais. O que vem acontecendo é algo milagroso. Ontem o psicólogo contou tudo o que aconteceu pra ele, Alan só fala que quer voltar, e quer sair de lá. E sabe que foi um milagre de Deus. Meu pai disse que essa noite ele se agitou muito. Pediram para ele ficar tranquilo, e assim voltará o mais rápido possível para casa. Mas graças a Deus está bem. Não temos previsão de quando ele vai sair. Ontem ouvi ‘te amo’, e só queria ficar ouvindo. Obrigada Senhor. Obrigada pela corrente de orações e pensamentos positivos. Sei que Deus está abraçando e confortando o coração de cada familiar que perdeu seu pai, filho, irmão, marido e amigo. Não vamos deixar de orar. Todos nós que estamos sofrendo com tudo isso, precisamos muito. A família Chape precisa de força, muita força para todos!”, escreveu ela.

 Segundo os médicos que acompanham a recuperação do jogador, ele está lúcido, conversando e não apresenta lesão na coluna. O estado é delicado em função dos traumas respiratórios.

 

EXTRA

enviar comentário
Publicidade