Publicidade

Helicóptero cai às margens do Rio Turvo, em MG

Pânico em Capitólio, no Sul de Minas Gerais, onde um helicóptero com quatro pessoas caiu, neste domingo, na margem do Rio Turvo. Todos os ocupantes foram resgatados com vida, mas o acidente ocorreu num momento em que havia vários banhistas no local, causando gritaria entre os que testemunharam a queda.

Uma pessoa filmou o acidente. Nas imagens, é possível observar que, em princípio, alguns banhistas reclamaram da baixa altitude do helicóptero, que, segundo o Corpo de Bombeiros, pertence à empresa Wsfly. A companhia não foi encontrada pela reportagem para comentar o caso.

Alguns segundos depois de sobrevoar o espelho d’água, a aeronave começou a perder altitude e caiu a poucos metros da margem do rio.

Banhistas correram para socorrer o piloto e passageiros. A Aeronáutica irá investigar a causa do acidente, mas, segundo testemunhas, o chamado ‘vento de cauda’ pode ter contribuído para a queda.

 

Em.com

enviar comentário
Publicidade

Auditor do TCU morre afogado após mergulhar a 30 m no Lago Paranoá

Um auditor Tribunal de Contas da União (TCU) morreu afogado na manhã deste sábado (21) após mergulhar a uma profundidade de cerca de 30 metros, no Lago Paranoá. Um grupo de mergulhadores contou à polícia que viu o corpo de Geraldo Torres Filho, de 40 anos, boiando por volta das 10h50, quando acionaram o Corpo de Bombeiros. Os socorristas ainda tentaram reanimá-lo, mas sem sucesso. Até as 13h30, a perícia ainda não havia chegado ao local.
Segundo o delegado plantonista Rodrigo Carbone, da 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá), ainda não é possível dizer as causas do acidente. O inquérito policial será instaurado. Dentro de 30 dias deve sair um laudo que vai atestar a causa da morte.
“Testemunhas disseram que ele subiu verticalmente muito rápido. Isso pode ter causado uma embolia pulmonar. Ele pode ainda ter tido algum problema lá embaixo, mas ainda é muito cedo para dizer qualquer coisa”, explicou o delegado. Também será apurado se houve algum problema nos equipamentos.
Torres Filho estava com quatro cilindros de oxigênio que foram apreendidos pela polícia – assim como todo o material utilizado no mergulho. “Ele utilizava um equipamento que monitorava o trajeto que fez durante o mergulho e também a velocidade que ele submergiu e emergiu. Isso vai nos ajudar a entender o que pode ter acontecido”, disse o delegado.
O auditor era mergulhador desde 2003 e era casado. No local, colegas mergulhadores preferiram não dar entrevista, mas relataram acreditar em fatalidade.

enviar comentário
Publicidade

Acidente com ônibus deixa pelo menos 16 mortos na Itália

Pelo menos 16 pessoas, a maioria jovens, morreram e outras 39 ficaram feridas em um acidente de ônibus na cidade de Verona, na Itália, segundo informações passadas pelo corpo de bombeiros.

As vítimas do acidente são em sua maioria jovens, de entre 14 e 18 anos, de nacionalidade húngara, que retornavam para seu país após realizar uma viagem pela França, de acordo com informações da polícia.

Os bombeiros e outras equipes de emergência trabalham no local do acidente, ocorrido na noite de sexta-feira, na Rodovia A4, altura do município de San Martino Buon Albergo.

De acordo com informações, o incêndio teve início depois que o ônibus onde viajavam 55 pessoas colidiu contra um poste. O choque fez com que muitos passageiros ficassem presos dentro do veículo já tomado pelas chamas.

Os mortos ficaram carbonizados, o que dificulta a identificação das vítimas. O jornal local L’Arena considera que isso só será possível após estudar o DNA dos corpos.

Já os feridos foram transferidos a diversos hospitais da região, sobretudo o de Verona, e recebem a assistência das autoridades italianas e da cônsul geral da Hungria em Milão, Judit Timaffy.

Em declarações recolhidas pela mídia local, a diplomata disse que muitos sofrem uma grande comoção após terem visto seus companheiros presos dentro do veículo em chamas, que descrevem como “uma armadilha que imediatamente começou a arder”.

Judit relatou que o ônibus havia feito uma parada cerca de meia hora antes e que no momento da colisão alguns dos ocupantes estavam dormindo.

A cônsul declarou ainda que os ocupantes da parte traseira do veículo conseguiram escapar graças à ajuda de um professor de educação física, que quebrou uma das janelas para permitir que eles saltassem para a estrada.

As autoridades solicitaram as gravações da rede de câmaras da rodovia a fim de esclarecer as causas do acidente, que, segundo L’Arena , pode ter acontecido devido a um problema em uma roda.

O presidente da Itália, Sergio Mattarella, expressou seu pesar e uma “profunda tristeza” ao presidente húngaro, Janos Ader, e lhe transferiu “o compromisso máximo e a mais ampla disponibilidade de todos os meios envolvidos no socorro”.

Terra

enviar comentário
Publicidade

Para 83% dos brasileiros, morte de Zavascki não foi acidente

Paraty, no litoral sul do Rio

Para 83% dos brasileiros a morte do ministro do STF e relator da Lava-Jato Teori Zavascki não foi acidente. Apenas 15% acreditam em fatalidade, enquanto 1,3% não soube ou não quis responder.

A pesquisa foi realizada a partir de questionário online entre os dias 19 e 20 de janeiro de 2017 pelo Instituto Paraná Pesquisas.

Comentários (3) enviar comentário
  1. vani disse:

    Brasileiro tem mania de achar que tudo é conspiração.

  2. Gercyvan Gomes de oliveira disse:

    Acredito em queima de arquivo…..

  3. Maria José disse:

    Claro que não foi acidente. Vamos relembrar alguns"acidentes" com outros…

Publicidade

Em meio as teorias conspiratórias, filho de Teori descarta, até o momento, sabotagem em acidente aéreo

O filho de Teori Zavascki disse que não cogita, até o momento, que uma sabotagem tenha sido a causa do acidente aéreo que matou o ministro do Supremo Tribunal Federal, na tarde desta quinta-feira. No ano passado, Francisco Zavascki chegou a publicar um texto nas redes sociais afirmando temer que algo acontecesse ao pai, que era relator da Operação Lava Jato no STF.

Em conversa com a Agência Brasil, o advogado disse acreditar que o acidente foi uma fatalidade. “Eu realmente temia, mas agora isso não está passando pela cabeça de ninguém. Acho que fatalidades acontecem. Paraty, chuva. O avião arremeteu, e é isso aí. Deu zebra”, afirmou.

Francisco ainda contou que ficou sabendo da tragédia por meio do grupo da família no aplicativo de mensagens WhatsApp. “O meu cunhado perguntou se o pai estava em Paraty, porque havia caído um avião. Ficamos assustados e começamos a correr atrás da informação, até que confirmamos que o pai estava no vôo. Esperamos por um milagre mas ele não aconteceu”, relatou o advogado.

O filho do ministro disse que não está em condições psicológicas de acompanhar a comoção nacional causada pela tragédia, mas ressaltou que o Brasil perdeu um grande juiz. “Uma pessoa que não tem medo, uma pessoa que tem postura de juiz. Infelizmente, abre-se um hiato muito perigoso agora”, completou, referindo-se aos processos da Operação Lava Jato que estavam sob responsabilidade do pai.

Segundo Francisco Zavascki, o desejo da família é que o corpo do ministro seja transportado o mais cedo possível a Porto Alegre, para que velório e enterro sejam realizados na capital gaúcha.

Nas redes sociais, surgem teorias conspiratórias sobre acidente

Um dos mais antigos integrantes da força-tarefa da Polícia Federal na Lava Jato em Curitiba, o delegado Márcio Anselmo chegou ontem a publicar uma mensagem nas redes sociais na qual levantou suspeitas sobre o acidente que matou o ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki. “Agora, na véspera da homologação da colaboração premiada da Odebrecht, esse ‘acidente’ deve ser investigado a fundo. Sinceramente, se essa notícia se confirmar, é o prenúncio do fim de uma era!”

O texto sobre o acidente foi apagado pouco tempo depois, mas alimentou uma corrente de teorias conspiratórias nas redes sociais sobre o episódio. Internautas também resgataram um post de maio do ano passado publicado no Facebook por Francisco Zavascki, filho de Teori, no qual ele fez um “alerta”. “É óbvio que há movimentos dos mais variados tipos para frear a Lava Jato. Penso que é até infantil imaginar que não há, isto é, que criminosos do pior tipo (conforme Ministério Público Federal afirma) resolveram se submeter à lei. Porém, alerto: se algo acontecer com alguém da minha família, vocês já sabem onde procurar. Fica o recado.”

A advogada Janaína Paschoal, uma das autoras do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, também entrou no debate. “Tem de investigar a queda do avião, sim! Queremos investigação transparente, feita por equipe formada por membros de vários órgãos”, tuitou.

IG

Comentários (2) enviar comentário
  1. reno carlos de sousa disse:

    Perder um pai principalmente pra quem sempre o teve presente é muito dificil…….o mesmo que sentiu os filhos de Eduardo campos….Sérgio daniel….juscelino kubicheck…..tancredo neves…..mas tudo termina em teoria da conspiração. ……..Eu não viajo no mesmo avião com Sérgio moro…Você viaja???

  2. Paulo Cardoso disse:

    Descarta com base em quê?…

Publicidade

Gravador de voz de avião que caiu em Paraty é encontrado, diz FAB

A Força Aérea Brasileira (FAB) informou que foi encontrado nos destroços da aeronave que caiu em Paraty um gravador de voz da aeronave. O avião PR-SOM caiu no mar da cidade fluminense na tarde de quinta-feira, matando o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki e outras quatro pessoas.

Segundo a FAB, ainda não há informações sobre o estado do aparelho ou se ele sofreu algum dano com o acidente. É preciso ainda confirmar se o equipamento estava ligado e se teria gravado conversas do voo da tragédia.

A investigação das causas do acidente será conduzida por meio do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), órgão da Aeronáutica. Uma equipe de sete militares já chegou ao local na noite dessa quinta e os trabalhos começaram nesta sexta-feira. Na fase inicial da investigação, farão as coletas de dados no local e análise dos destroços. A Polícia Federal e o Ministério Público Federal também vão investigar o caso.

Não há ainda informações sobre a existência ou não de um gravador de dados (caixa preta) na aeronave. Segundo as regras da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a aeronave não precisava ter o equipamento nem um gravador de voz para operar, devido a suas especificações.

O Globo

enviar comentário
Publicidade

Avião que transportava Teori não tinha caixa-preta, diz FAB

avO avião que transportava o ministro Teori Zavascki e que caiu na tarde desta quinta-feira perto de Paraty (RJ) não tinha caixa preta, nem era obrigado a tê-la. A informação foi dada a VEJA pela assessoria de imprensa da Força Aérea Brasileira (FAB). A aeronave que caiu no mar nas proximidades da Ilha Rasa era do modelo King Air C90GT, da Hawker Beechcraft, fabricada em 2006. Trata-se de um turbo-hélice bimotor com capacidade para oito pessoas, sendo sete passageiros.

A aeronave estava registrada sob o prefixo PR-SOM. Os certificados estavam em dia, conforme dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). O registro de aeronavegabilidade valia até 2022, e o de inspeção de manutenção, até abril deste ano.

O C90GT é um turbo-hélice topo de linha considerado seguro. “É um dos modelos mais famosos, bastante confiável, e consegue voar até mesmo com um só motor”, disse o piloto Luís Guilherme Andrade, 45 anos, também dono da escola de aviação Fly Training Center. De acordo com a Flight Safe Foundation, organização que compila informações sobre acidentes aéreos em todo, desde 2010 ocorreram oito acidentes com o modelo, resultando em 11 mortes.

Veja

Comentários (5) enviar comentário
  1. Blue disse:

    A PF tá investigando e qualquer irregularidade será descoberto.

  2. Paulo Cardoso disse:

    Esse brasil é uma farsa …

  3. Curioso disse:

    Tudo dominado…
    Imprensa ok…
    Impeachment ok…
    Temer ok…
    Teori ok…
    PERFEITO…!!!

  4. Potyguar disse:

    Seria esse um crime perfeito ? em breve saberemos (?).

    • Neto disse:

      Nunca saberão! Como nunca se deu o desenrolar do assassinato de Celso Daniel.

Publicidade

PF vai apurar queda do avião que matou Teori Zavascki

Aeronave cai em Paraty (RJ). O ministro do STF, Teori Zavascki, estava na lista de passageiros

A Polícia Federal abriu um inquérito para apurar as causas do acidente aéreo que matou o relator da Operação Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal, ministro Teori Zavascki, de 68 anos.

Um equipe de peritos da PF especializada em acidentes aeronáuticos foi enviada ao local do acidente, as proximidades da Ilha Rasa, em Paraty, litoral sul do Rio de Janeiro.

Além de Teori Zavascki, morreram na queda do avião, de prefixo PR-SOM, o dono do hotel Emiliano e da aeronave, Carlos Alberto Fernandes Filgueiras, de 69 anos, e o piloto Osmar Rodrigues, de 56 anos, conhecido como Mazinho. A empresa ainda não divulgou a lista completa de pessoas que estavam a bordo.

Após a queda do avião, delegados, juízes e procuradores usaram as redes sociais para cobrar uma investigação profunda do acidente. “Diante das altas responsabilidades a ele atribuídas, em especial a condução dos processos da Lava-Jato no STF, é imprescindível a investigação das circunstâncias nas quais ocorreu a queda do avião em que viajava”, disse o presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil, Roberto Veloso.

A aeronave de modelo King Air C90GT é da Beechcraft, fabricada em 2006. O avião é um turbohélice bimotor com capacidade total de oito pessoas, sendo sete passageiros. Os certificados estavam em dia, conforme registros da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). O de aeronavegabilidade valia até 2022 e o de inspeção de manutenção, até abril deste ano.

A PF resolveu instaurar investigação depois que o delegado Márcio Anselmo, um dos principais investigadores da Lava-Jato, disse em rede social achar suspeito Zavascki ter morrido às vésperas da homologação da delação premiada de 77 executivos da Odebrecht, a mais bombástica até agora. “Esse ‘acidente’ deve ser investigado a fundo”, escreveu Anselmo, que foi repreendido por superiores pela declaração. Em seguida, ele disse que se tratava de uma opinião pessoal.

VEJA

Comentários (6) enviar comentário
  1. VENTURA disse:

    Quanta coincidência… ficam no ar as suspeitas.

  2. Comedor de Coxinhas disse:

    E diziam q o PT era uma facção criminosa. O PT frente a essa turma q está aí é fichinha bem minúscula.
    Enquanto isso ninguém ver mais operação Lava Jato na globo ao vivo e as panelas, agora sujas de sangue, estão caladas.

  3. Chico disse:

    Mistério

  4. Blue disse:

    Não há dúvidas da necessidade de que seja realizada uma minunciosa investigação. São muitos os envolvidos na corrupção descoberto pela lava jato.

  5. Flauberto Wagner disse:

    É uma opinião pessoal não de cunho individual, mas de milhões e milhões de brasileiros atônitos com o passamento do ministro que estaria logo, logo debruçado sobre as principais delações relacionadas com a Lava-Jato cuja as consequências oriundas dos tais depoimentos não podemos imaginar aonde vai chegar e quantos irão cair em desgraças diante da opinião publica e das penalidades impostas pela justiça as quais esperamos com muito afinco.
    Desde da morte de Vargas passando pela de JK e outras tantas misteriosas nada mais mim supreende…

  6. Brasil morreu! disse:

    A quem interessa a morte do relator da Lava Jato dias antes dele abrir a caixa de pandora das delações? Quem se lembra da escuta do Romero Jucá? Temer disse esta semana que não havia possibilidade da Lava Jato chegar nele!

Publicidade

Avião cai em Paraty-RJ; ministro do STF Teori Zavascki, relator da Lava-Jato, na lista de passageiros

Reprodução: Twitter Jota

O presidente Michel Temer foi informado de que o minsitro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki está na lista dos passageiros do avião que caiu nesta quinta-feira no mar próximo a Paraty, na Costa Verde do Rio de Janeiro.

A queda aconteceu no mar, próximo à Ilha Rasa, segundo os bombeiros. O aeroporto do litoral informou que o avião teria saído de São Paulo. Ainda não há informações sobre vítimas.

Por volta de 14h50m, a Polícia Militar havia disponibilizado uma lancha para auxiliar nas buscas às vítimas, de acordo com as primeiras informações.

Teori é o relator da Operação Lava-Jato no Supremo. Indicado pela presidente Dilma Rousseff, Teori assumiu o cargo de ministro do Supremo em 2012. Antes disso, foi ministro do Superior Tribunal de Justiça. Formou-se em Direito em 1972, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, onde fez mestrado e doutorado.

O Globo

Comentários (9) enviar comentário
  1. Iuri disse:

    Um juiz Italiano Falconi que processa a máfia, foi morto pela máfia. Todo quarteirão em que estava sua comitiva foi explodido pela máfia.
    Tenho certeza que os mafiosos Brasileiros são bem piores….

  2. Potyguar disse:

    Não nos esqueçamos que TAMBÉM há gente daqui da terrinha citada na operação lava-jato. Alguns irão pedir seu voto, incauto eleitor !

  3. Curioso disse:

    Tem boi na linha…

  4. Inocente disse:

    Mais um que os culpados da empresa LavaJato derruba.. quem será o próximo???

  5. Zé lizin disse:

    Igual ao avião do Eduardo Campos, no dia do acontecido tbm chuva!!!

  6. #MITO NELES disse:

    1963 – 1964 – TUDO SE REPETINDO NOVAMENTE.
    O PIOR CEGO É O QUE NÃO QUER VER …

  7. Janio disse:

    Passa a bola agora pra Gilmar Mendes e pronto, formada a "teori" da cosnpiracion. Cabosse lava Jato

  8. Janio disse:

    Derribaru

  9. Mércio Torres disse:

    Aí vocês põe isso e não diz que ministro.

Publicidade

Brasileiros ficam feridos após queda de 4 metros no Coliseu, em Roma

Dois brasileiros ficaram feridos após uma queda de quatro metros no Coliseu, em Roma. Segundo a polícia, eles tentaram entrar no local na madrugada de segunda (16), e para isso escalaram um portão.

Um deles fraturou a bacia e está internado, de acordo com a agência italiana Ansa, e o outro teve contusões e foi liberado do hospital.

A agência diz que os homens têm 31 e 33 anos, mas seus nomes não foram divulgados. Ambos foram denunciados por invasão de um edifício público.

O jornal “Corriere Della Sera” diz que amigos da dupla chamaram uma ambulância logo após a queda e que a polícia chegou quando eles ainda recebiam os primeiros socorros no local. O incidente aconteceu por volta das 2h30 (23h30 de domingo, no horário de Brasília).

G1

Comentário (1) enviar comentário
  1. Bob disse:

    Hahaha Brasileiro como sempre aprontando, a outra Derrubou uma obra de arte, esses querendo escalar o coliseu kkkkkkk !!!!!

Publicidade

Artista plástico morre ao cair de penhasco enquanto fazia selfie

Acidente ocorreu nem uma serra na zona rural de Palmas (Foto: Aurora Fernandes/TV Anhanguera)

O artista plástico Pierre de Freitas morreu após cair de um penhasco na região da Serra do Carmo, na zona rural de Palmas, na manhã deste domingo (15). O acidente aconteceu em uma trilha de difícil acesso. Segundo os Bombeiros, o homem caiu de uma altura de cerca de 70 metros.

A perícia esteve no local e informou que, segundo relatos de testemunhas, ele estava no topo tentando fazer uma selfie, quando escorregou e caiu.

Pierre tem o título de Cidadão Palmense pelo trabalho artístico e foi presidente da Fundação Cultural de Palmas entre 2008 e 2010. Ele também era professor e tatuador.

No momento do acidente, Pierre estava acompanhado de uma turista canadense, que acionou os bombeiros por volta das 8h da manhã.

Conforme a corporação, o acidente ocorreu em uma trilha pouco utilizada. Parentes da vítima informaram aos militares, que Freitas sempre ia ao local fazer fotos.

A perícia informou ainda, que o corpo foi encontrado preso a uma árvore e no local havia muito sangue. Também foram encontrados os pertences da vítima como tênis, óculos e uma corrente de ouro que estavam espalhados pela vegetação por onde o corpo foi caindo.

O corpo foi resgatado pelo helicóptero da Secretaria de Segurança Pública e levado para o campo tiros de Palmas, onde foi repassado ao Instituto Médico Legal de Palmas.

G1

enviar comentário
Publicidade

Bebê de 1 ano morre afogado após cair em caixa d’água na Grande Natal

Uma tragédia familiar foi registrada nessa quarta-feira(11) no Rio Grande do Norte. A morte de um menino de um ano por afogamento em uma caixa d’água, em uma propriedade rural localizada em São José de Mipibu, na região metropolitana de Natal.O menino estaria brincando na área externa do imóvel. Informações, de acordo com boletim de ocorrência, dão conta que ao ser encontrada, a criança chegou a ser socorrida, mas os médicos não conseguiram reanimá-la.

enviar comentário
Publicidade