Publicidade
Publicidade

CHUVAS: Até 114 mm atingiram cidades no Seridó nesse domingo; veja registro

Por interino

São José do Seridó (Sítio Barraco Branco): 114 mm
Jardim do Seridó (Sítio Riacho do Meio): 102 mm
Jardim do Seridó (Passagem de São João): 98 mm
Jardim do Seridó (Sítio Olinda): 99 mm
Jardim do Seridó (Sítio Curú): 99 mm
Jardim do Seridó (Sítio Umburana): 80 mm
Jardim do Seridó (Sítio Viração): 80 mm
Jardim do Seridó (Sítio Serrote): 75 mm
Jardim do Seridó (Fazenda Seridó): 72 mm
Jardim do Seridó (Fazenda Petrópolis): 41 mm
Jardim do Seridó (Sítio Cacimba Velha): 40 mm
Santana do Seridó (Fazenda Espírito Santo): 31 mm
Acari (Sítio Poço de Pedra): 30 mm
Acari (Sítio Grossos): 28 mm
Jardim do Seridó (Bairro São João): 25 mm
Caicó (Sítio Nicolau): 22 mm
Jardim do Seridó (Sítio Catuturé): 20 mm

enviar comentário
Publicidade

Cosern alerta para cuidados com a rede elétrica durante o período de chuvas

Por interino

Foto: Dário Zalis/Cosern/Divulgação

O período chuvoso que se aproxima requer maior atenção da população quanto ao uso da energia elétrica. O aumento da incidência de chuvas, que também pode vir acompanhado por ventos, pode ocasionar o lançamento de galhos de árvores, pedaços de panos, plásticos e outros objetos na rede, provocando ocorrências no sistema elétrico. Neste período, também pode haver aumento no número de ocorrências provocadas por descargas elétricas (raios).

A Cosern possui um plano de manutenção preventiva do seu sistema elétrica como forma de evitar as interrupções de energia aos seus clientes em todo o Rio Grande do Norte. Mas é sempre importante relembrar algumas dicas sobre cuidados que podem ser adotados pela população para minimizar riscos de acidentes com a rede elétrica no período chuvoso:

Não ligue equipamentos elétricos se você estiver molhado ou descalço;

Desconecte das tomadas os aparelhos eletrônicos que não estiverem sendo usados;

Se perceber que as paredes da casa estão úmidas, evite o contato com elas e não ligue equipamentos elétricos em tomadas instaladas ali, pois podem ser fonte de choques e mau funcionamento de equipamentos;

Siga as orientações dos fabricantes de equipamentos elétricos quanto às instalações e, principalmente, as relacionadas ao aterramento elétrico;

Somente um especialista deve realizar manutenção nas instalações elétricas do imóvel;

Evite ficar em áreas descampadas (abertas) como campos de futebol, piscina, lagos, lagoas, praias, árvores, postes, mastros e locais elevados. Recomenda-se ficar dentro de casa ou em local abrigado durante a chuva;

Procure não ficar sob árvores e/ou estruturas metálicas durante temporais com raios e, em casa, evite o contato com objetos com estrutura metálica como fogão, canos, etc., sobretudo se a casa estiver em campo aberto;

Não realize serviços em locais onde o risco de exposição aos raios seja maior, a exemplo de instalação ou manutenção de antenas de TV;

Só instale, desligue ou remova antenas se o tempo estiver bom. Se sua antena cair sobre a rede ou próximo a ela, nunca tente segurá-la ou recuperá-la;

Caso encontre um fio caído, jamais se aproxime, e ligue imediatamente para a Cosern através do telefone gratuito 116.

enviar comentário
Publicidade

FOTO: Deslizamento na encosta do viaduto em obras de Emaús

Por interino

Registro do Via Certa Natal de deslizamento na encosta do viaduto de Emaús, sentido Parnamirim. Com o trecho interditado, desvio está sendo realizado pelo Parque Industrial. Foto: Via Certa Natal.

Comentários (4) enviar comentário
  1. andrey feitosa disse:

    plantio recente, muita chuva, terreno inclinado. IMPOSSÍVEL essa obra não deslizar.

  2. Francisco disse:

    Ainda bem que despencou enquanto estava sendo construído, já pensou se tivesse ocorrido depois de pronto, iria sobrar para o estado resolver.

  3. Observadora disse:

    Tá tudo bem? Como? Se na primeira chuva parte dele despencou?

  4. ELTON disse:

    JA TA TUDO OK NO VIADUTO…..ELE NÃO DESABOU COMO QUEREM ALGUNS QUE GOSTAM DE APREGOAR O CAOS EM NATAL. OS VIADUTOS ESTÃO FICANDO BONITOS E VEM MAIS POR AI….ENGULA ESSA QUEM É CONTRA.

Publicidade

VÍDEOS -(MUITA ÁGUA): Diversos pontos de alagamento em Natal

Por interino

Chuvas que caem desde a manhã desta quinta-feira(02) em Natal e região metropolitana, em grande volume, causou transtornos em ruas e vias de grande circulação.  Vídeos: Cristiane Vilar.

Comentários (4) enviar comentário
  1. Poeteiro disse:

    Chove chuva, chove sem parar…
    Se não chove o povo reclama,
    Se chove o povo reclama,
    Oh povo prá reclamar.
    Manda mais água, São Pedro,
    Que é prá esse povo se afogar.

  2. joão disse:

    Eita….BMW em promoção já já…

  3. Peter disse:

    Chega a dar tristeza perceber que a falta de planejamento e má gestão da máquina pública nos impede de aproveitar toda essa água. Um item tão precioso. Desculpem-me pelo devaneio.

  4. Lela disse:

    Em Natal, as maquiagens feitas pelo prefeito Carlos Eduardo ALVES, foram por água abaixo. Vamos aguardar e ver e ouvir seus pronunciamentos. Certamente, culpará são Pedro.

Publicidade

VÍDEO: Chuva despenca de teto da Unidade Regional da Tributação, na Avenida Capitão Mor Gouveia

Por interino

Registro na tarde desta quinta-fera(02) na 1ª Unidade Regional da Tributação (URT), localizada na Avenida Capitão Mor Gouveia. Vídeo: enviado para o ZAPBG

Comentário (1) enviar comentário
  1. Cabaré disse:

    Em caoscó, a casa já caiu faz tempo….

Publicidade

FOTOS: Bernardo Vieira “daquele jeito”, cratera na João Medeiros Filho e marginal da BR-101, próximo de túnel da UFRN, intransitável

Por interinoFoto: Fernandes Mendes/Via Certa Natal

Foto: Lenildo Araújo/Via Certa Natal

Foto: Via Certa Natal

Registros do fim de tarde desta quinta-feira(02) na Avenida Bernardo Vieira, cratera na Avenida João Medeiros Filho, na Zona Norte, e trecho intransitável na marginal da BR-101, próximo do túnel da UFRN.

Comentários (5) enviar comentário
  1. Silvio disse:

    Este sim é o "legado"da copa…. obras mal feitas…. a população fica com os problemas… PIADA!!!

  2. César disse:

    Será essa a resposta de Deus ao prefeito Carlos Eduardo, para seus desmandos? pelo massacre que vem fazendo contra os servidores, dexando-os com fome? Por ingerência (maquiagen) feitas pelo prefeito, em décadas? Fico me perguntando, quando vamos aprender a votar?

    • Cláudia disse:

      E vc acha que uma pessoa que deixa os outros em petição de miséria tem temor a Deus? O prefeito, Carlos Eduardo, só pensa nele e em alguns que o cercam e tem-lhe serventia. Os outros que se danem!!!

  3. Maria Augusta disse:

    Av Das Alagoas na lateral do Makro tbm inundada.

  4. Lela disse:

    Parabéns! Prefeito Carlos Eduardo ALVES, as vias de responsabilidade da Prefeitura estão intransitáveis. Cadê as obras de drenagem? Para vc o que importa são as festividades que a partir promove com o erário público. Com as chuvas as maquiagens somem. Mas, vc tá certo, os errados somos nós que o elegemos.

Publicidade
Publicidade

VÍDEOS: Chuvas em Natal e região metropolitana não dão trégua nesta quinta

Por interino

As fortes pancadas de chuvas em Natal não dão trégua nesta quinta-feira(02). Quando se acha que vai parar, o volume de água só aumenta. Abaixo registro cedido de um leitor no bairro de Neópolis, na Zona Sul de Natal.

Registros de pontos de alagamento em diversos bairros da capital e lagoas de captação também no limite.Na região metropolitana, em cidades como Ceará-Mirim, Parnamirim e Macaíba, também registros de transtornos.

enviar comentário
Publicidade

FOTOS: Pontos de alagamento no Túnel da Av. Cap.-Mor Gouveia e imediações

Registro através do Twitter oficial da Prefeitura do Natal com informações do trânsito e transporte, e atualizado pela Secretaria de Mobilidade Urbana – STTU. Em decorrência das chuvas nesta quinta-feira(02) na capital e região metropolitana, local apresentou pontos de alagamento e está sendo recomendado evitar os trechos.

Comentários (12) enviar comentário
  1. Val Lima disse:

    Mais do mesmo…

  2. DAMIÃO ROCHA disse:

    Legado da Copa do Mundo ou alagado histórico? Fica a reflexão com a crítica construtiva!

  3. Luís disse:

    E que obra é essa no cruzamento com a São José que era pra tá pronta pra Copa?

  4. Luís disse:

    Esse cano desconectado da primeira foto tá assim faz um tempo.
    É assim mesmo?

  5. Nice Pinto de Morais disse:

    Igual à rua Seridó! Ninguém nunca fez nada!

  6. Flavio. disse:

    Até quando essa latada vai ficar no meio daMor Gouveia atrapalhando o trânsito? É incrivel como ninguem reclama e parte da imprensa se omite!!!

    • Guga disse:

      Aquilo é mesmo bizarro.

    • paulo disse:

      BG
      Isto é sinal de INCOMPETÊNCIA do prefeito e sua equipe. É uma vergonha, quando tiver um acidente grave esses IRRESPONSÁVEIS vão providenciar tirar esse TRAMBOLHO do meio da rua.
      E o alagamento da Av. cap. Mor Gouveia está do mesmo jeito foi gasto MILHÕES de reais para nada. Ministério publico Federal e Estadual com a palavra para providencias. É o "legado" da copa para inglês ver.

    • Luís disse:

      Isso não era pra resolver os problemas de drenagem da região?
      Não era pra ficar tudo pronto pra Copa? A do Quatar em 2022?

    • Luciana Morais Gama disse:

      Exatamente Paulo, isso mostra como a nossa imprensa é comprometida. Alô Ministério Público Estadual!!!!

  7. MB disse:

    Sabem o que é isso? Comeram o dinheiro da macrodrenagem e não concluíram a obra! Esse é o prefeito do Pão e Circo. Eu acho é pouco!

  8. JONAS disse:

    Problema Crônico, faz uns 20 anos, e ninguém resolve!

Publicidade

FOTOS – CHUVAS: Alagamentos em Parnamirim e Macaíba

Por interino

Alagamento na avenida Tenente Medeiros, em frente à Central do Cidadão, no município de Parnamirim, na Grande Natal. Fotos: Ricardo Xavier/Via Certa Natal.

Fortes chuvas nesta quinta-feira(02) também comprometeram o acesso ao terminal rodoviário de Macaíba.  com forte alagamento. Fotos abaixo: Via Certa Natal.

Comentário (1) enviar comentário
  1. Simone Oliveira disse:

    Macaíba não há saneamento, nem tão pouco alguém interessado em fazê-lo!
    Na verdade nem o MP exige que seja saneada, nem tão pouco a lagoa de estabilização e tratamento…
    E O MACAIBENSE QUE SE CUIDE!

Publicidade

Veja relatório com o volume nos reservatórios do RN após as últimas chuvas; Barragem Armando Ribeiro Gonçalves preocupa

Por interino

O Governo do Estado do Rio Grande do norte, por meio do Instituto de Gestão das Águas (Igarn), monitora 47 reservatórios, com capacidade superior a cinco milhões de metros cúbicos em todo o Estado. O Relatório de situação volumétrica dos principais reservatórios do Rio Grande do Norte, divulgado nesta sexta-feira (24), aponta que, após as chuvas ocorridas nas últimas semanas, as reservas hídricas do Estado obtiveram melhoria em alguns mananciais.

Em comparação com o relatório volumétrico divulgado no dia 06 de fevereiro, os reservatórios considerados em volume morto amentaram de 12 para 15, o que corresponde, atualmente, 31,9% do dos reservatórios do Estado. Já o número de reservatórios secos diminuiu de 21 para 13, reduzindo de 44%, para 27,6% em termos percentuais. Somando-se os números, a porcentagem de reservatórios em estado crítico teve uma redução de 69%, para 59,9%.

Com relação aos reservatórios de maior capacidade no Estado, a Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, continua reduzindo de volume. Com capacidade de 2,4 bilhões de metros cúbicos, em 6 de fevereiro estava com 328,486 milhões de metros cúbicos, agora está com 325,768 m³, 13,57% do seu volume total, com as últimas chuvas sua redução ocorreu com menor intensidade. Já a barragem Santa Cruz do Apodi, com capacidade total de 600 milhões de metros cúbicos, continua melhorando de nível, passou dos 111,623 milhões de metros cúbicos, para 136,327m³, 22,73% do seu volume total. A Barragem de Umarí, em Upanema, com capacidade total de 292,8 milhões de metros cúbicos, também aumentou seu volume de 26,009 milhões de metros cúbicos, para 32,218 e chegou a 11% da sua capacidade total.

Entre os reservatórios que estavam secos e receberam boa recarga com as chuvas, os destaques são Riacho da Cruz II, em Riacho da Cruz, que está atualmente com, 3,228 milhões de metros cúbicos, 33% da sua capacidade total. Além do açude Beldroega, em Paraú, que passou de 20.460 mil m³, para 2,362 milhões de m³ e o Sabugi, em São João do Sabugi, que estava com 2,557 milhões de metros cúbicos, para 7,887 milhões de metros cúbicos, 12% da sua capacidade. A barragem Carnaúba, também em São João do Sabugi, recebeu mais de cinco milhões de metros cúbicos e está com 22% da sua capacidade total.

O Igarn alerta ainda para a necessidade de a população continuar economizando água, mesmo com as boas expectativas para a próxima quadra chuvosa. O racionamento ainda permanece e a economia de água é de grande importância para a manutenção do funcionamento dos sistemas de abastecimento as cidades do Estado.

enviar comentário
Publicidade