Publicidade

Fundação Norte-Rio-Grandense de Pesquisa e Cultura abre 30 vagas com salário de R$ 1.788,61; inscrições até dia 16

A Fundação Norte-Rio-Grandense de Pesquisa e Cultura (Funpec) abriu, nesta sexta-feira (10), processo seletivo de 30 vagas para a função de entrevistador, cuja atuação será em projeto acadêmico gerenciado pela Fundação. As inscrições seguem até o dia 16 de março e são feitas, gratuitamente, no site da Funpec – www.funpec.br

No endereço citado acima, consta o edital e o formulário de inscrição. O processo seletivo será realizado em duas etapas: análise de currículo e entrevista técnica. O resultado final será divulgado no site da Fundação. Para quem for selecionado, os salários são R$ 1.788,61, com contrato de três meses, e carga horária de 40 horas semanais. Entre os requisitos para concorrência é que o candidato precisa ter disponibilidade de viagem pelo estado.

Comentário (1) enviar comentário
  1. Nara Pereira disse:

    .

Publicidade

NOVA REGULAMENTAÇÃO: Lei Rouanet vai limitar valor de cachê a artistas

Roberto Freire, ministro da Cultura: em preparação, uma norma mais detalhista que a em vigor – Jorge William / Agência O Globo

Por interino

A nova regulamentação da Lei Rouanet que será editada nos próximos dias pelo Ministério da Cultura limita até o valor que poderá ser pago a título de cachê para artistas. Pela minuta da instrução normativa a que O GLOBO teve acesso, poderão ser reservados no máximo R$ 30 mil para artista ou modelo solo (em produções de moda) e R$ 60 mil para grupos artísticos ou de modelos.

No caso de orquestras, será permitido o pagamento de R$ 1,5 mil por músico e até R$ 30 mil ao maestro. Para conseguir pagar um valor maior a algum contratado, o produtor dependerá de aprovação da Comissão Nacional de Incentivo à Cultura (CNIC), órgão do ministério. Antes de virar norma, o texto está em processo de análise do departamento jurídico do ministério.

Mais detalhista que a norma em vigor, a nova regulamentação fixa preço máximo para ingressos, valores máximos para projetos e institui como regra a realização de pagamentos por meio de cartão com o objetivo de disponibilizar informações sobre os gastos em tempo real.

Diferentemente da regra atual, que dava liberdade para o produtor comercializar metade dos ingressos, o valor máximo dos valores das entradas dos projetos financiados pela lei será de três vezes o benefício do vale-cultura, o que equivale a R$ 150. A minuta prevê 30% de ingressos distribuídos gratuitamente pelo produtor, 20% das entradas com preço limitado ao valor do vale-cultura (R$ 50) e os 50% restantes pelo preço máximo.

O valor máximo para cada projeto beneficiado foi fixado em R$ 10 milhões. Cada produtor poderá captar no máximo R$ 40 milhões de forma simultânea para diferentes projetos. Estes limites serão de R$ 15 milhões para cada projeto que for realizado integralmente nas regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste. A minuta prevê ainda que os produtores que estiverem no limite de R$ 40 milhões poderão apresentar novos projetos de até R$ 20 milhões — se eles se destinarem a estas três regiões.

Estão fixados também nesta norma os valores máximos que poderão ser captados para projetos na área de audiovisual pela Lei Rouanet. O maior valor é de R$ 800 mil para filmes média-metragem. Mostras e festivais poderão captar até R$ 600 mil. Jogos eletrônicos e aplicativos educativos e culturais terão até R$ 300 mil, enquanto que para sites e séries para a internet a captação poderá ser de R$ 50 mil para infraestrutura e R$ 300 mil para a produção. Grandes produções têm financiamento por outra lei específica.

A instrução proíbe a comercialização do produto cultural em condições diversas das práticas ao público em geral e mesmo a realização de ensaios, apresentações ou visitas de caráter restrito ou com limitações de acesso. Veda também a realização de despesas em benefício do cônjuge, parente ou sócio da empresa.

Para ampliar o controle, será aberta uma conta vinculada específica para cada projeto e a regra será a realização de pagamentos com cartão. Pagamentos em dinheiro estarão limitados a R$ 1 mil por dia e será necessário justificar. A intenção do governo é disponibilizar os gastos em tempo real na internet. A pasta vai realizar convênio com o Banco do Brasil com essa finalidade.

O Globo

Comentários (5) enviar comentário
  1. Val Lima disse:

    Finalmente deram um freio de arrumação nessa carga….A coisa beirava a imoralidade com o dinheiro público, captado através de renúncia fiscal….

  2. Jv disse:

    Principalmente artistas amadores, que precisam do apoio público, não grandes estrelas, prá sugarem o dinheiro da nação, depois pagarem, fazendo o serviço de cabo eleitoral.

  3. Jv disse:

    Essa lei só deveria beneficiar eventos e artistas que não cobrassem ingressos.

  4. joao disse:

    O estado pode me patrocinar tambem?? preciso de segurança publica, educacao e saude de qualidade. Chico Buarque ja esta milionario, ele nao precisa.

  5. Paulo Cardoso disse:

    Qual a justificativa plausível para se pagar cachê a artistas com dinheiro público

Publicidade

Caetano lança Ciro à presidência da República

Por interino

Caetano Veloso, Ciro Gomes, Lula e Chico Buarque | Arquivo

Antes de embarcar ontem à noite para Montevidéu, no Uruguai, onde começa hoje uma série de shows pela América do Sul, Caetano Veloso disse ao Blog do Moreno que acredita que Ciro Gomes é a melhor das opções colocadas para a sucessão de Michel Temer. Reconheceu que, ao assumir a candidatura de Ciro, está na contramão de vários amigos intelectuais e artistas, como Chico Buarque, que acabam de subscrever um manifesto em defesa da candidatura do ex-presidente Lula, sob o título “Lula já!”.

— É bom que as posições sejam definidas, pois isso só estimula, agita, o debate.

Ao blog, Caetano ressaltou que a sua posição em defesa da candidatura de Ciro Gomes já havia sido manifestada em artigo que escreveu para a revista eletrônica “Fevereiro”, da qual é colaborador.

Ele já previa, nesse artigo, o surgimento do movimento pró-Lula, tanto que, a certa altura do texto escreveu:

— A volta de Lula? O pensamento sobre 2018 trouxe a hipótese. Lula é um líder de grandeza incomparável, talvez só Getúlio. Seu discurso em resposta à estranha decisão do juiz Moro de expedir uma condução coercitiva para levá-lo a depor sem que ele tivesse se negado a fazê-lo mostrou um político potente. Pouco depois, ele já aparecia como um ex-líder. Entristece, mas a fórmula de liderança populista é algo que me sugere retrocesso a velhos males latinoamericanos.

Sobre a candidatura de Ciro, Caetano lembrou:

— Votei em Ciro Gomes na eleição de 1998: eu não era a favor da reeleição. Agora, sabendo-o possível candidato, penso em voltar a fazê-lo. O discurso de Mangabeira em sua volta ao PDT, que vi na internet, me convenceu.

Leia aqui a íntegra do artigo de Caetano Veloso à revista Fevereiro.

Blog do Moreno- O Globo

Comentários (8) enviar comentário
  1. Walter disse:

    BOLSONARO presidente

    • Eterno Vascaino disse:

      Bolsonaro é uma FARSA de discurso fácil ! alguém já viu ele opinar algo no setor econômico ? ….é só bandido bom é bandido morto…gay é isso gay é aquilo.. hora tenha paciência !

  2. Charles disse:

    Coitados estão fumando maconha estragada, só pode.

  3. Oraculo disse:

    Pra ficar perfeito era só Cirão ser vice de de LULA ai não tinha pra ninguém mesmo..rsrsrsrs

  4. jgomes disse:

    uma louca defendendo um drogado da pior espécie… Meu Deus… Quanta idiotice… Esses canalhas metidos a intelectuais, que do passado não aprenderam nada, vive num mundo de puro ZZZZZZEEEEEENNNNNN – Através da FUMAÇA do CACHIMBO MALDITO e querem opinar, discursar, aparecer… Quanto devaneio… Nasceram do pó, vivem do pó e para o pó retornarás….

  5. Val Lima disse:

    Perdeu uma espetacular oportunidade de ficar calado…
    Deus nos livre de um "louco temperamental" desse….

  6. cabral disse:

    Mande ele pergutar isso pra mãe dele

Publicidade

Depois de TV paga e Netflix, governo vai cobrar “taxa cultural” sobre games

Por interino

Termina na próxima segunda-feira (6) a consulta pública realizada pela Ancine para “regulamentação” da futura taxação da indústria de produção e desenvolvimento de games no país.

Depois dos serviços de streaming de filmes, séries e músicas, o governo decidiu cobrar uma taxa cultural também da indústria de games.

Por meio dessa consulta, o governo federal via Ancine anuncia que vai cobrar a Condecine (Contribuição para Desenvolvimento da Indústria Cinematográfica) também da indústria de jogos eletrônicos, já que, segundo a agência, trata-se de um produto audiovisual.

Portanto, diz o governo, o setor deve estar sujeito às cobranças dessa área.

Emissoras de TV e operadoras de TV paga já pagam hoje o Condecine por todos os filmes e seriados estrangeiros e nacionais.

Os serviços de streaming também serão obrigados a fazer esse pagamento, conforme esta coluna informou anteontem com exclusividade.

Por fim, chegou a vez da taxação ao mundo dos jogos eletrônicos.

“A importância do setor de jogos, assim como os demais setores da indústria audiovisual, não se resume ao tamanho de sua economia, ainda que esta seja forte indicador de sua capacidade de geração de emprego e renda”, diz a nota. E completa:

“O jogo eletrônico é também um campo rico em produção cultural.”

A Ancine está de olho do poder econômico do setor:

“Uma tendência mundial que vem se tornando predominante ao longo dos últimos anos é o crescimento acelerado dos recursos movimentado pelos jogos online, que passaram de aproximadamente U$ 8 bilhões em 2007 para U$ 28 bilhões em 2015”, diz a nota de “Consulta Pública de Análise do Impacto Regulatório”, divulgado em 6 de dezembro último..

O documento lembra ainda que o BNDES começou a financiar empresas do setor de games dentro do Programa de Desenvolvimento da Economia da Cultura.

Ricardo Feltrin – Colunista do UOL

Comentário (1) enviar comentário
  1. comedor de coxinha disse:

    Dá-lhe P$DB/MDB

Publicidade

Secretaria Municipal de Saúde de Natal divulga balanço de atendimentos realizados durante o Carnaval

Por interino

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) divulgou o balanço final de atendimentos realizados durante o período de Carnaval em Natal, nesta sexta-feira (03). Foram 2.160 procedimentos desenvolvidos pelas equipes do Hospital Municipal de Natal Dr. Newton Azevedo e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU Natal), além de 39 ações de fiscalização feitas pela Vigilância Sanitária (Visa Natal).

Entre os dias 24 e 28 de fevereiro, foram realizados 1.311 atendimentos no pronto-socorro do Hospital Municipal, sendo 617 adultos e 485 crianças acolhidas no período. Outros 209 atendimentos foram relacionados a consultas e procedimentos ortopédicos. Os dias de maior movimento durante o período foram a segunda e a terça-feira de Carnaval, com 280 e 288 ocorrências.

Com um esquema preparado especialmente para o evento, o SAMU Natal recebeu 849 chamados no Carnaval. Destes, os casos destinados ao atendimento clínico e de trauma representaram 67,8% do total. As ambulâncias usadas como ponto de apoio para os polos de Ponta Negra e Redinha atenderam 235 ocorrências.

Fiscalizações

Responsável pelas fiscalizações em estabelecimentos que produzem, manipulam e/ou comercializam alimentos e bebidas, bem como a rede hoteleira e o comércio informal, a VISA Natal realizou 39 ações no período, sendo 26 inspeções sanitárias em bares, restaurantes, hotéis e quiosques de praia.

Distribuição de preservativos

O Núcleo de IST/AIDS e Hepatites Virais intensificou a distribuição de camisinhas no período carnavalesco. Ao todo, 100 mil preservativos foram distribuídos em duas ações: antes do carnaval, por meio das Unidades de Saúde, e durante as festividades, por meio das ONGs parceiras do programa. As ONGs trabalham com causas específicas, como a comunidade LGBT, as profissionais do sexo e pessoas que convivem com HIV/AIDS. A entrega dos preservativos foi feita pelos agentes da prevenção nos polos de carnaval de Natal: Redinha, Ponta Negra, Ribeira, Rocas, Centro Histórico e Petrópolis.

Emily Miranda, responsável técnica pelo núcleo, afirma que o resultado da ação preventiva foi bem satisfatório. “A ação surtiu o efeito esperado, que era o de conscientizar a população para brincar o carnaval de maneira segura e focar realmente na questão da prevenção, porque o uso de preservativo é a forma mais eficaz de se prevenir qualquer IST e também a AIDS, que vem crescendo nessa população jovem”.

enviar comentário
Publicidade

Assassinato de fundador da Mancha Verde: polícia cogita até vingança por Carnaval

Por interino

Foto: Edison Timoteo/Futura Press/Estadão Conteúdo

A Polícia Civil abriu as investigações para o caso da morte de Moacir Bianchi, um dos fundadores da torcida Mancha Alviverde, na noite desta quinta-feira. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) recebeu denúncias desde o caso se tornar público, durante a tarde. As primeiras investigações apontam desde vingança pessoal até o envolvimento de membros da organizada.

Em contato com a reportagem do UOL Esporte na noite desta quinta-feira, o delegado Nilton Montoro admitiu um leque muito aberto de opções para o início das investigações.

“Ainda não temos um perfil de investigação. Pode ser vingança de algo na vida pessoal ou até ligado à torcida, nesta linha de Carnaval, da Mancha Verde. Pela proximidade do evento, pode ter causado alguma divergência interna, ainda não sabemos ao certo”, declarou.

“Estamos aguardando mais possíveis denunciantes. Tem algumas denúncias que estão vindo, mas muitas informações desencontradas”, acrescentou a autoridade, que recebeu denúncias até sobre o possível envolvimento do Primeiro Comando da Capital (PCC) no caso.

“Trabalhamos com a linha societária da vítima, passional e também com crime de execução; até por divergências no âmbito de torcidas organizadas. Estamos indo por este caminho e aguardando informações. Estamos com os ouvidos abertos e esperamos que se manifestem de quem faça a denúncia no 181”, finalizou o delegado.
Um dos fundadores da Mancha, Moacir Bianchi morreu assassinado na madrugada desta quinta-feira. A Polícia Civil encontrou 16 balas no local do crime, e a vítima com 22 ferimentos espalhados por cabeça, tronco e membros do corpo.

Nesta sexta-feira, as autoridades devem soltar imagens sobre o assassinato do fundador da Mancha. Dois carros, ainda não identificados, são suspeitos de cercarem Bianchi momentos antes do crime.

De luto, a Mancha Alviverde, a principal torcida organizada do Palmeiras, encerrou as atividades por tempo indeterminado.

UOL

enviar comentário
Publicidade

Tem Rock no Parque das Dunas neste fim de semana

Por interino

Confira as atrações do próximo domingo (05):

O Bosque Encena da próxima manhã de domingo, às 10h, receberá os palhaços Sula e Piruá, além de Luisa Guedes no seu tecido aéreo, apresentando o divertido Combo da Tropa Trupe! O espetáculo é uma edição especial que reúne os melhores números cômicos da Companhia, onde o riso e grandes surpresas são garantidas às crianças de todas as idades. A apresentação acontece no anfiteatro Pau-brasil.

No período da tarde, às 16h30, no palco do projeto Som da Mata, temos o Camarones Orquestra Guitarrística. Para comemorar os 10 anos de intensa atividade da banda, o Camarones lança o seu sexto trabalho pela Hearts Bleed Blue, e antes de iniciar sua nova turnê por várias cidades do Brasil e países da Europa, desembarca no Parque das Dunas. O som do Camarones é um Rock dançante instrumental, com muito punch sempre misturando elementos de surf music, ritmos brasileiros e Ska.

Formada pelos músicos Ana Morena (contrabaixo), Anderson Foca (guitarra), Yves Fernandes (bateria) e Alexandre Capilé (guitarra), o Camarones Orquestra Guitarrística é conhecido como um dos grupos independentes mais ativos do país. Criada no final de 2007, a banda tem em sua história cinco CDs lançados, inúmeras turnês pelo Brasil, Sulamérica e Europa, já tendo realizado shows em muitos dos principais festivais do Brasil e do mundo, entre eles Primavera Sound (Barcelona), Liverpool Sound City (Liverpool) e Rock in Rio (Rio de Janeiro).

Convide os seus amigos! Os eventos são gratuitos e a entrada no Parque custa R$1,00.

Comentários (4) enviar comentário
  1. Samid disse:

    Já fui em vários shows lá e é ótimo, o espaço é coberto caso de chuva, tem sombras e a temperatura é bem mais amena por causa das arvores, já o parque da cidade tem um pequeno problema: Não tem sombra alguma. Sobre Zoológicos, se quiser visitar seres vivos enjaulados temos nossas penitenciarias, deixem os animais que são inocentes livres… No próprio parque da cidade ou das dunas é possível ver animais silvestres livres e felizes… Mas é fato que poderíamos ter muito mais parques verdes pela cidade, nossa cidade seria muito mais agradável.

  2. Charles disse:

    Qual o horário da apresentação dos palhaços? Só diz que é pela manhã.

  3. ELTON disse:

    E TEM LUGAR PARA SE FAZER ESSES SHOWS NESSE PARQUE…AQUI EM NATAL NÃO EXISTE PARQUES, EM JOÃO PESSOA TEM, RECIFE NEM SE FALA….MAS AQUI NÃO TEM ZOOLOGICO, JARDIM BOTANICO, SEM FALAR EM ORLA. MAS NÃO TEM PQ NÃO DEIXAM TER….OK GENTE….PENSE NISSO.

    • Lobo disse:

      Concordo, acrescentando que talvez o Parque da Cidade seja um local para show um pouco mais adequado do que o Parque das Dunas.

Publicidade

Apuração e resultado do desfile das escolas e tribos de índios de Natal será nesta quinta-feira

Por interino

Nesta quinta-feira (2), a partir das 15h, acontece a apuração das Escolas de Samba e Tribos de Índios do Carnaval Multicultural de Natal 2017, promovido pela Prefeitura do Natal.

Para dar maior conforto e espaço para as baterias das escolas e público em geral, a Secretaria de Cultura de Natal transferiu o tradicional evento para o Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão, na Praça Augusto Severo.

No auditório Cornélio Campina acontece a abertura dos envelopes e a contagem das notas. Na Praça Augusto estarão as escolas, tribos e público acompanhando tudo através de telão instalado.

Comentário (1) enviar comentário
  1. Edu disse:

    Vingamos nosso co irmão…Abcccccccc

Publicidade

A ÁGUIA ESTÁ DE VOLTA: No último quesito, Portela vira e vence o carnaval do Rio após 33 anos

Por interino

Maior campeã do Carnaval carioca, a Portela conquistou nesta quarta-feira (1) seu 22º título, acabando com um jejum de 33 anos. Com o enredo “Quem nunca sentiu o corpo arrepiar ao ver esse rio passar”, sobre a importância dos rios para a formação da humanidade, a escola apresentou um show de inventividade e pediu justiça às vítimas de Mariana na avenida.

Em uma apuração emocionante, disputada décimo a décimo, Portela e Mocidade estavam empatadas até o último quesito. Quando chegou a leitura de enredo, Mocidade teve duas notas 9.9 e ficou com o segundo lugar.

A comissão de frente da Portela representou a piracema, fenômeno em que os peixes nadam contra a correnteza para a reprodução. O carro abre-alas traz a tradicional águia em um tripé à sua frente e representa a fonte onde nasce o rio azul e branco. A ocupação dos rios pelas antigas civilizações, os seres que habitam as águas, a influência para as artes foram tratados em alas e alegorias da escola.

Em um dos momentos mais marcantes do desfile, um carro alegórico lembrou a tragédia do Rio Doce, em Mariana (MG).

Como esperado, Unidos da Tijuca e Paraíso do Tuiuti tiveram as piores notas de alegorias e adereços. As duas, que tiveram acidentes com feridos, tiveram 29,4 e 29,5 pontos na soma dos quatro jurados, não obtendo nenhuma nota dez.

No quesito evolução, o sexto a ter suas notas lidas, as duas agremiações também tiveram as piores marcas, o que as isolou na lanterninha da tabela. Em evolução, a Tijuca somou 29,4 pontos, enquanto a Tuiuti anotou 29,2, os piores resultados entre todas as competidoras.

UOL

enviar comentário
Publicidade

APÓS ACIDENTES: Liesa decide que nenhuma escola do Grupo Especial do Rio será rebaixada este ano

Por interino

Carro alegórico da Unidos da Tijuca desabou durante desfile Foto: Alexandre Cassiano / Agência O Globo

A Liga Independente das Escolas de Samba do Rio (Liesa) decidiu, durante reunião de emergência na tarde desta quarta-feira, que nenhuma escola do Grupo Especial será rebaixada para o Grupo de Acesso da Série A. A decisão foi tomada em função dos acidentes envolvendo os carros da Paraíso do Tuiuti e da Unidos da Tijuca, que deixaram pelo menos 35 pessoas feridas.

Na reunião, estavam presentes diretores da Liesa e presidentes de todas as escolas de samba. A decisão foi em consenso com todos os presidentes das agremiações. As regras preveem que uma escola seja rebaixada para o Grupo de Acesso e outra, suba. Será mantida a ida de uma escola para Grupo Especial.

Decisão semelhante já foi tomada pela Liesa em 2011, quando um incêndio na Cidade do Samba destruiu os barracões da Grande Rio, União da Ilha e Portela. A apuração das notas começa às 16h45.

Extra – O Globo

enviar comentário
Publicidade

GENIAL-(FOTOS E VÍDEO): Ivete Sangalo curte Carnaval de Salvador disfarçada de palhaça

Por interino

Fotos: Ivete Sangalo (Foto: Manuela Scarpa/Brazil News)

Depois de muita correria, Ivete Sangalo finalmente conseguiu curtir o Carnaval como qualquer folião! Nessa terça-feira, 28, a cantora se disfarçou de palhaço para passar despercebida pelas ruas de Salvador, na Bahia.

Mas não, Veveta não estava sozinha! O marido, Daniel Cady e alguns amigos também aderiram à fantasia para aproveitar a pé os blocos da cidade. Entre os destinos escolhidos estavam os trios de Claudia Leitte, Durval Lellys e Xanddy.

E na manhã desta quarta-feira, 1º, Cynthia Sangalo, irmã da cantora, compartilhou em seu Instagram uma nova foto das duas fantasiadas. “Quin Quin, nosso carnaval foi inesquecível, repleto de emoções. Parabéns pelo profissionalismo! 25 anos com a mesma lisura, para poucos viu, muito poucos! Amo-te!”, disse, na rede social.

Fotos e informações via EGO

Comentários (2) enviar comentário
  1. AlbertoCaico disse:

    GRANDE BOSTA !!

  2. Joao disse:

    metade dos palhaços eram seguranças, apenas promoção pessoal

Publicidade

FOTO: Bloco dos Garis e Baiacu na Vara encerram o carnaval de Natal

Por interino

Foto: Marco Polo

Depois de seis dias de alegria, animação e paz chegou ao fim a edição de 2017 do Carnaval Multicultural de Natal. Como em todos os anos, coube aos foliões do bairro da Redinha a honra de se despedir do período momesco. A quarta-feira de cinzas foi de muita festa na praia da zona norte com a animação do Bloco dos Garis e do tradicionalíssimo Baiacu na Vara, em seu 27º ano saindo pelas ruas da comunidade.

O relógio marcava 10h00 horas quando os primeiros acordes da orquestra anunciaram a saída do Bloco dos Garis. A agremiação é formada pelos funcionários que compõem o sistema público de limpeza urbana da capital potiguar e prestam serviço para a Companhia de Serviços Urbanos de Natal e para a secretaria municipal de Serviços Urbanos. Eles que trabalharam ao longo de todo o evento tiveram a oportunidade de cair na gandaia. E foi uma linda festa.

O agente de limpeza da Semsur Cláudio Germano disse que conta as horas para chegar o dia do Bloco dos Garis. Ele que trabalha na manutenção das praças de Natal era um dos foliões mais animados. Cláudio queria aproveitar todos os minutos da festa: “Depois de muito trabalho agora chegou a hora do lazer. Toda minha turma está no bloco e agora é hora de se esbaldar”.

Outra que não segurava o sorriso no rosto era a rainha do bloco. A funcionária da Urbana Ana Cristina empunhava o estandarte da agremiação com muito orgulho. Ela esteve de serviço durante três dias de carnaval e não tinha palavras para descrever a emoção de ser a rainha do bloco, representando toda a categoria: “É uma honra. Estou muito feliz em ver a valorização da minha categoria que ralou muito nos outros dias e agora tema chance de brincar”.

A quarta-feira de cinzas também tem espaço para o Baiacu na Vara. O bloco anima o carnaval da Redinha há 27 anos. A concentração foi na Praça do Cruzeiro. A orquestra fez a alegria do público que ficou no local desde as primeiras horas da manhã. Depois de muito frevo e das tradicionais marchinhas a turma partiu pelas ruas do bairro arrastando uma multidão que aproveitava os últimos minutos do carnaval de Natal.

Veja mais fotos e crítica em post de Canindé Soares Baiacu na Vara, mais tradicional bloco da Redinha sai totalmente descaracterizado

enviar comentário
Publicidade