Publicidade

ABC está com reforços pontuais adiantados para a Série B

O Campeonato Brasileiro da Série B começa em maio, mas ABC monitora reforços e informações de bastidores dão conta que o alvinegro está apalavrado com pelo menos quatro jogadores de nível. Reforços pontuais que estão atuando e desempenhando bom trabalho em seus clubes.

O término da primeira fase da Copa do Nordeste, e o afunilamento de campeonatos estaduais em centros importantes no país são indicadores deses atletas.

Comentário (1) enviar comentário
  1. FRASQUEIRINO disse:

    ABC trabalha nos bastidores, com cautela, para não jogar dinheiro fora. Do atual elenco a sua totalidade deverá permanecer para a disputa da série B, uma maratona de 38 jogos.

Publicidade

Cientistas provam que paixão pelo futebol é similar ao amor romântico

Reprodução

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Coimbra, em Portugal, provou o que boa parte dos fãs de futebol já suspeitava: a paixão despertada pelo esporte é similar ao sentimento de uma pessoa que vive um amor romântico.

Após três anos de pesquisa, os cientistas Catarina Duarte, Miguel Castelo-Branco e Ricardo Cayolla comprovaram que os circuitos cerebrais que são ativados nos torcedores de futebol são os mesmos que nas pessoas apaixonadas, segundo comunicado divulgado pela universidade portuguesa.

Castelo-Branco disse à Agência Efe nesta segunda-feira que, diante de situações de emoções positivas, como um gol, uma boa jogada ou um bom resultado, são ativadas regiões similares do cérebro – o córtex frontal – onde é liberada a dopamina, que dá uma sensação de recompensa.

No estudo, publicado recentemente na “SCAN”, uma das revistas de neurociências mais prestigiadas do mundo, os cientistas portugueses trabalharam com duas mulheres e 54 homens de entre 21 e 60 anos, a maioria torcedores do Porto e do Académica. “Pudemos comprovar que os sistemas neuronais que são ativados são muito semelhantes ao do amor romântico”, destacou Castelo-Branco.

Inclusive, ainda de acordo com o pesquisador, a amídala cerebral, que regula as emoções, é ativada mais vezes nos torcedores que nas pessoas que vivem o amor romântico ou de casal.

“A paixão tende a prevalecer sobre os conteúdos mais negativos como, por exemplo, a derrota contra um rival, já que as experiências menos desejadas tendem a ser suprimidas da memória emocional”, explicou.

O estudo sobre pessoas que praticam o que, em teoria, é um amor trivial, em grupo, será implementada nos próximos dois anos com uma nova pesquisa. Nesse segundo passo, será medido o grau de paixão, para ver como essa forma de amor compete com o romântico.

“Submeteremos os torcedores de futebol a dilemas em que, por exemplo, terão de escolher entre ir apenas a jogos de futebol ou ir com o namorado ou namorada para ver um filme no cinema”, revelou Castelo-Branco.

O cientista salientou que, assim como no amor romântico, a paixão pelo futebol pode se tornar uma obsessão e prejudicar o comportamento racional, passando ao grau de fanatismo.

Terra com EFE

 

enviar comentário
Publicidade

América cria grupo de futebol que será comandado pelo ex-presidente Eduardo Rocha

A assessoria do América informa que a reunião de trabalho da Diretoria e Conselho consultivo do América, como de costume, aconteceu na noite desta segunda-feira, 20, com a presença de grandes americanos, mostrando que como em outros momentos de dificuldades, a união é a solução.

Unidos em prol do América, estiveram em assembleia, o Presidente Beto Santos, seu vice, Dr. Medeiros, os ex-presidentes Jussier Santos, Roberto Bezerra, Hermano Morais, Eduardo Rocha, Cláudio Bezerra, e ainda Ricardo Bezerra, Eduardo Pagnocelli, Diogo Pignataro, Marcelo Rocha, Milley God, Eliel Tavares e Júnior Rocha.

Todos com o único objetivo de reverter a má fase do clube no futebol. Para tanto, capitaneado e comandado por Eduardo Rocha, está sendo criado o Grupo de Futebol que, de olho no Brasileiro, vai investir e dar condições para a disputa do campeonato de maneira a ascender à série C.

“Esse grupo está focado no Futebol do América. Mas não é porque o maior objetivo é o Brasileiro, que deixaremos o Estadual. Temos que ganhar as próximas quatro partidas para garantirmos o calendário em 2018”, explicou Eduardo Rocha.

Comentários (19) enviar comentário
  1. Marcos disse:

    O ABC ficou "fora de série" quando só existiam 3 séries. Nunca foi rebaixado da série C para a D. O Japecanga United foi REBAIXADO da série C para a D e corre sério risco de ficar de fora até da D em 2018.

  2. Junior disse:

    O que o "América Rebaixado SemFutebol SemClube" pode fazer, é tentar junto com a FNF e CBF a criação da série "E" já para 2018 para não ficar fora de série

  3. Junior disse:

    É um grupo de WhatApp é? kkkkk me Add aí Beto Santos. Me passa o número do Admin então. kkkkkkk

  4. Eduardo Cosme. disse:

    Fora Beto cão !!!!! Deixe o nosso clube em paz! Ele saindo o verdadeiro americano, volta a fazer o sócio torcedor !!!

  5. FRASQUEIRINO disse:

    A primeira grande providencia será a contratação do jogador chinês MEACUDA. Acetado com Beto Santos na sua recente viagem a China.

  6. Edson disse:

    Choram as rosas, e as paquitas estão nervosas. Pegue peia!

  7. Raimundo Nonato disse:

    Sempre falei que o presidente e sua diretoria, buscaram fazer do AMÉRICA F. C. uma empresa com fins lucrativos, e no futebol brasileiro, não se age assim! Todos os clubes têm, e sabe administrar bem suas dívidas sem se prejudicar, e ainda, contratando bons profissionais, fazendo a alegria e o entusiasmo dos seus fiéis torcedores, que querem "TÍTULOS. Com o AMÉRICA F. C. está sendo diferente, o Betinho, só se explica dizendo que as finanças do clube estão sanadas e os pagamentos em dia, esquecendo-se ou deixando de lado, o fato de que o "MEQUINHA" está descendo a ladeira, e que poderá ficar em 2018, "FORA DE SÉRIE" coisa que nunca aconteceu antes! Portanto acho que o "NOSSO TIME" merece respeito, e mudança JÁ! Esperando que ele reconheça que não deu certo. Ainda é tempo, ou mudamos agora, ou vamos ser queixoso para sempre.

  8. Gilvan disse:

    Jogamos todas as séries da melhor a pior. Diferente do ABC q só jogou as piores e a de acesso a série A q nunca vai ter o prazer de jogar.

    • Pinheiro disse:

      fala 17 pontos

    • FRASQUEIRINO disse:

      Chora pakita. É peia no mequinha.

    • Junior disse:

      Fomos o primeiro clube do RN a disputar a série A. Temos melhor colocação em brasileiros serie A e copa do brasil que o mekinha. Ficar fora de série e jogar a série D é o mesmo nível. Ficamos fora de série quando só havia 3 séries e ficamos de fora pq fomos mal no estadual, algo normal que o amériDa sabe bem o que é isso. Nunca jogamos uma serie C para cair para a série D kkkkkkk. Cair da serie C é uma vergonha.

    • Ojuara disse:

      Mimimimimi

  9. José Alberto Brito disse:

    Parabéns a esses heróicos e históricos Americanos!
    A união faz a força! A atitude, a diferença!
    Sou América e tenho orgulho de ser!
    José Alberto Brito- Brasília/DF.

  10. Nelson disse:

    Não vai ter golpe! Fascistas! Rsrsrsrsrsrsrsrsr

  11. JUNIOR disse:

    Os donos do clube voltaram foi? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  12. Edu disse:

    Com esse timeco aí, pode colocar nessa lista Jesus Cristo que não tem jeito kkkkkkk vão logo fazendo a inscrição no Jerns para não ficarem fora também kkkk

  13. Rachid disse:

    O bom de Eduardo Rocha é que ele foi (ou é) presidente da 'associacao de clubes nordestinos' que organiza a Copa do NE. Tem muita influencia no esporte e isso vai ser fundamental para tirar o mequinha da lama. Só não vale ser DESONESTO.

  14. Rachid disse:

    E Padang está de mal do restante? O caba é abusado mas resolve.
    Eduardo Rocha tá velho igual ao restante. Só grito não funciona mais.

  15. @brasil disse:

    Agora vai… Vai pra "E" pra ficar sem série e se lembrar que chiavam do Mais Querido quando este, estava construindo a 7a. Maravilha do RN. SOBERBA FC de Japecanga city.

Publicidade

Potiguar Rodriguinho ganha aumento e estende contrato com o Corinthians até o fim de 2019

Rodriguinho assina o novo contrato com o Timão (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

O Corinthians divulgou nesta segunda-feira a renovação de contrato do meia Rodriguinho, um dos principais jogadores do elenco. O vínculo dele com o Timão vencia em dezembro de 2017 e foi estendido até o fim de 2019.

Rodriguinho discutia a renovação desde o ano passado e chegou a ser procurado pelo Fenerbahce, da Turquia, no início de 2017. O Corinthians, porém, não aceitou vendê-lo e optou por segurar o armador, apostando na formalização de um novo contrato.

Com uma boa oferta dos turcos em mãos, Rodriguinho exigiu um reajuste salarial para permanecer, condição prontamente aceita pela direção. Os novos valores não foram divulgados pelo clube.

O meio-campista, de 28 anos, tem 92 partidas pelo Corinthians e 15 gols. Ele foi reserva na conquista do título brasileiro de 2015 e virou titular no ano passado, se transformando em uma das principais peças do elenco.

Globo Esporte

enviar comentário
Publicidade

Campeã, Seleção Brasileira Sub-17 encanta e é comparada com times de 1970 e 1982

O baiano Carlos Amadeu comemorou o time sub-17 (Foto: Raphael Zarko)

Extraordinário, espetacular, magnífico. Além de títulos, a geração que venceu o Chile por 5 a 0 e ganhou o Sul-Americano invicto coleciona elogios de todas as partes. Os dois últimos treinadores que enfrentaram a seleção de Vinicius Junior, Alan, Lincoln, Paulinho e companhia admitiram que o Brasil sobrou no campeonato continental.

Também pudera. Foram nove partidas – sete vitórias, dois empates, com 24 gols marcados (média de 2,7 por jogo) e apenas três sofridos. A superioridade técnica, tática e física do Brasil poucas vezes foi tão exposta num torneio de base.

– São espetaculares. A melhor seleção que vi em muito tempo. Realmente me lembra time de 1970, de 1982. É uma geração maravilhosa, de grandes jogadores, muito talentosos. Carlos Amadeu comanda um time que me parece que vai renovar a seleção brasileira no futuro – apostou Carlos Restrepo, técnico da seleção colombiana sub-17, que ficou em quarto lugar e também se classificou para o Mundial da Índia, em outubro.

Vice-campeão, o argentino naturalizado chileno Hernán Caputto valorizou também os treinadores que comandaram os jogadores no Sul-Americano sub-15, em 2015, e no sub-17, disputado no Chile. Ele lembrou que passou experiência em Teresópolis com os dois técnicos e disse que aprendeu conceitos e novas maneiras para a profissão.

– Brasil tem uma geração extraordinária. Tiveram dois treinadores magnifícos, que são o Carlos Amadeu e o Guilherme Dalla Dea. Não me resta a menor dúvida de que boa parte deste grupo vai chegar ao sub-20. Tem Vinicius, Lincoln, os laterais… A verdade é que é uma equipe muito completa. Tiveram a sorte também de manter o time em toda a competição, o que é muito bom para um time. Estamos competindo num Sul-Americano, mas isso não tira a realidade: o Brasil é uma potência mundial – afirmou Caputto.

Orgulhoso, Amadeu lembrou dos tempos de torcedor, quando era apaixonado pela seleção brasileira, e acompanhava todas as Copas do Mundo. Na análise do técnico, os anos sem conquista do Mundial até 1994 transformaram e confundiram o futebol brasileiro.

– A gente sempre jogou muito bem, foi competitivo e tinha a plástica do jogo. Existe a tendência do campeão mundial criar escola. E nesse momento creio que perdemos um pouco essa compromisso com o espetáculo. A gente ouvia entrevistas: “quer espetáculo vai assistir em outro local, não aqui”. Mas o futebol é um espetáculo. Então tem que se preocupar em jogar futebol e tentar dar espetáculo para atrair o público. Esse é meu pensamento, é o pensamento que nós temos hoje. Por isso ficamos muito felizes de ouvir isso dos treinadores da Colômbia, do Chile. Não só eles. O pessoal da Conmebol nos reuniu durante o Sul-Americano e eles disseram que ficaram encantados com a nossa seleção. Eles amam o futebol brasileiro na sua essência – comentou Amadeu.

Globo Esporte

enviar comentário
Publicidade

VÍDEO: Atacante comete gafe e dedica gols para a esposa e também para a namorada

#Fera

O atacante Mohammed Anas, que atua no Free State Stars, da África do Sul, tinha tudo para ter um ótimo sábado em família. Autor dos dois gols que definiram o empate com o Ajax Cape Town, pela liga sul-africana de futebol, o ganês, que foi eleito o melhor em campo, dedicou a boa atuação à esposa. Até aí tudo bem. Porém, ele continuou a entrevista e citou também uma namorada.

“Obrigado por isso. Eu agradeço aos meus fãs, minha esposa e minha namorada… Me desculpe, minha esposa. Eu quis dizer minha esposa. Eu a amo muito, do fundo do meu coração”, disse Anas, visivelmente sem graça, percebendo a tremenda gafe que cometeu. Assista ao vídeo e se divirta:

enviar comentário
Publicidade

Sindicato dos Atletas de Futebol Profissional do Estado do RN emite nota de repúdio contra grupo de torcedores do América

NOTA DE REPÚDIO E PROTESTO

O Sindicato dos Atletas de Futebol Profissional do Estado do Rio Grande do Norte – SAFERN – vem de público REPUDIAR e PROTESTAR contra o lamentável episódio ocorrido na manhã deste sábado(18.03) no centro de treinamentos do América Futebol Clube onde, no momento em que os atletas desempenhavam seu trabalho, foram subitamente agredidos e humilhados por cerca de 100 torcedores que invadiram o campo de treino gritando palavras de ordem, assédio moral por coação e constrangimento geradores de dano coletivo no exercício laboral.

O incremento do futebol passa pelas relações sadias entre todos os agentes envolvidos, clubes, federações, imprensa, patrocinadores, torcedores e atletas, restringindo aos trabaladores o protagonismo.

Serve o presente instrumento, ainda, para NOTIFICAR o clube empregador a fim respeitar as Normas que tratam da segurança do trabalhador, art. 7º da C.F. e art. 483 da CLT, sem prejuízo das medidas judiciais a serem adotadas.

Felipe Augusto Leite

Presidente

Comentários (4) enviar comentário
  1. Joedson disse:

    Respeitar o torcedor que é bom, nada!!
    Jogador tem que chegar no clube e jogar com garra, vontade de vencer…. A maioria dos atletas do América estão fazendo corpo mole e estão recebendo em dia, até onde sei!!
    Sindicato, peça para os jogadores respeitarem o torcedor e o clube e honrá-los dentro de campo.

  2. Marcelo disse:

    Alguém pode me explicar, se todo atleta tipo os jogadores de futebol que vem de outra federação, ao chegar ao estado tem a obrigatoriedade de se filiar a associação dos atletas local?

  3. FRASQUEIRINO disse:

    Esse Sindicato só grita aqui. Quando é um clube do sul/sudeste o silencio é grande.

  4. Ivan Colares disse:

    VIOLÊNCIA NÃO JUSTIFICA, principalmente nessa situação. A maior culpa do desastre que é esse time do América, é da DIRETORIA. Contrataram um treinador – Felipe Surian com o time entrando em férias em 2016. Ele indicou e montou a equipe. O time não rendeu, limitado demais, sem esquema tático, sem preparo físico, sem garra. Demitem o treinador e deixam os jogadores indicado por ele. O resultado não poderia ser outro, é surra atrás de surra, o time faz corpo mole. Time de série E, para jogar campeonato de várzea e não o estadual, muito menos o brasileiro.
    Vão contratar 300 treinadores e os jogadores trazidos por Felipe Surian não vão render. Essa DIRETORIA vai literalmente DESTRUIR O AMÉRICA.
    A torcida tem que cobrar da diretoria, sem violência, pois eles não sabem gerir o futebol, provam isso a cada decisão que tomam no América – TODAS ERRADAS.

Publicidade

ABC goleia o América no Frasqueirão

O ABC fez a estreia no returno do Campeonato Potiguar apenas na terceira rodada, por conta das participações na Copa do Nordeste e Copa do Brasil, e a torcida não podia esperar um resultado tão importante como o deste domingo. No Frasqueirão, onde não perde há mais de um ano, o Mais Querido atropelou o rival América-RN, que enfrenta um crise no futebol e na gestão administrativa, e aplicou uma goleada por 4 a 1.

Para a festa ficar ainda mais completa, só golaços em campo. Do lado alvinegro, o zagueiro Cleiton fez o primeiro ao mandar um bomba em uma cobrança de falta; Gegê bateu bonito de fora da área e marcou o segundo; Gegê fez boa jogada na ponta esquerda e contou com o toque contra de Richardson; e de novo Gegê, em um chute de fora da área, pôs fim ao resultado positivo em casa. O Mecão descontou com o zagueiro e capitão Paulão, após cabeceio em uma cobrança de falta de Everton.

 

Globo Esporte

Comentários (10) enviar comentário
  1. Azevedo disse:

    Parabéns Beto Santos pelo excelente trabalho que vem desempenhando a frente do América. Sua torcida agradece! #FicaBetoSantos

  2. Val Lima disse:

    Rapaz tranquilamente o América escapou de um vexame maior,
    poderia ter perdido por mais de seis gols.
    4×1 ficou de bom tamanho…

  3. Totinha Rocha disse:

    #FicaBetoSantos
    #DeixemoHomemTrabalhar.

  4. Rachid disse:

    #FICABETOSANTOS

  5. Edu disse:

    Tá dando pena do mequinha, próximo ano fica sem série, será que no Jerns consegue ganhar do Marista????? Kkkkkkkkk

  6. rumo a sem serie disse:

    NUVIDADE………………………….

  7. Charles disse:

    Kkkkkkkk as paquitas estão desesperadas.

  8. thiago disse:

    Mais um mérito do nosso querido presidente Beto Santos.

  9. Ôlôco, Óxente disse:

    BG, conta novidade, Já prenderam LULA, ou ele disparou nas pesquisas depois da inauguração da chegada da transposição em Monteiro/PB?

  10. João Bosco disse:

    O time da funerária fez jus, acaba de enterrar o merrequinha !

Publicidade
Publicidade

Clássico-Rei: mais de 100 anos de história

Veja um pouco da história centenária do Clássico-Rei:

 

O maior artilheiro do Clássico-Rei do RN é o ex-atacante Marinho Apolônio com 23 gols, sendo 12 pelo América e 11 pelo ABC.

O maior público da história do Clássico-Rei do RN se deu em 04/06/1976, no antigo Castelão, com 50.486 pessoas para ABC 1 x 2 América.

São 524 jogos registrados entre os dois maiores clubes do RN desde 1915: com 184 vitórias pro ABC, 175 pro América e 165 empates.

enviar comentário
Publicidade

Torcidas do América soltam nota referente aos incidentes no CT do clube

Torcidas do América enviaram ao BG uma nota de esclarecimento referente a nota que postamos do clube relacionada aos incidentes no CT na tarde deste sábado. Segue:

“Nota de Esclarecimento.

Os movimentos e torcidas organizadas do América Futebol Clube, vem por meio desta, prestar esclarecimentos à toda nação alvirrubra, bem como repudiar a nota oficial do clube sobre os protestos do dia 18/03/2017.

Inicialmente, queremos lembrar que o direito de liberdade de expressão (art. 5º, IV) e de reunião (art. 5º, XVI) são direitos garantidos pela Constituição Federal.

Munidos desse espírito democrático e revoltados com a situação em que se encontra o América Futebol Clube, fomos ao CT do América protestar PACIFICAMENTE contra a direção omissa do América e contra a ausência de vontade do elenco. Chegando ao local, de fato, estava fechado. Após negociações, foi-nos permitido adentrar no CT para conversar com os jogadores.

É bom lembrar que o regulamento do SÓCIO-TORCEDOR permite que a entrada dos mesmo a qualquer dependência do clube.

Ressalta-se, que EM NENHUM MOMENTO HOUVE AGRESSÃO aos jogadores ou, sequer, coação. Houve sim cobrança para que o elenco saiba da gravidade da situação. O único desentendimento de fato registrado envolveu um torcedor e o atleta Dija Baiano. O atleta em questão chamou o torcedor para a briga, atitude esta REPROVADA pelo próprio elenco. Após a conversa com os jogadores, saímos de lá e fomos à Sede Social do Clube, esta que vive fechada, sem movimento (fora a lojinha) onde colocamos faixas de protesto.

Lamentamos, por fim, que o clube, através de uma nota oficial, queira da forma mais vil, nos criminalizar e, principalmente, nos colocar contra a Torcida Americana ao dizer que não somos torcedores do clube. Somos torcedores sim, muitos sócios-torcedores, que sempre dedicaram um pouco da sua vida ao América e que estão inconformados pela situação atual do clube, com a omissão do Conselho Deliberativo e com o desastre administrativo da direção comandada por Beto Santos e cia.

Isso apenas reflete o que se tornou o América e deixa claro a urgência de mudanças estruturais no clube, para que o clube possa trazer de volta seu associado para dentro do clube, com os devidos direitos estatutários, bem como caminhe para uma gestão técnica profissionalizada que nos tire do buraco que o Conselho e Beto Santos nos colocou.

Att,

Torcida Twitteros do Mecão – TTM
Movimento Portão 5
Democracia Alvirrubra
Torcida Mecão Beer
META – Mecão Eu te Amo.
Loucos do Mecão.
Bonde do Mecão”

Comentários (5) enviar comentário
  1. Azevedo disse:

    Calma, deem uma nova chance ao bixinho, ele que tanto fez e ainda faz pelo clube, merece o respeito e a admiração de todas as paquitas do RN. #FicaBetoSantos

  2. Michael domingos disse:

    Lamentável a situação do nosso América, pra mim, quem realmente nos colocou nessa situação, foi o político Gustavo Carvalho esse é o maior culpado de todos, o BS atualmente, mas ele foi o maior culpado, desapareceu quando o clube mais precisa. "Políticos safados"

  3. Brasílileiro disse:

    Ainda tem IMBECÍ que perde tempo com o ABC e AMÉRICA??? Um bando de pernas de pau em fim de carreira ganhando 60/70 mil por mês para fazer PN

  4. Edu disse:

    Calma paquitas, hoje fecharemos o caixão, kkkkkkk pega fogo cabaré kkkkkkk

  5. Marcelo disse:

    E agora diretoria, vai afastar também as organizadas, porque o torcedor e todos que gostam e respeitam o América vcs já afastaram..
    Tenham a decência de fazer o trabalho ao qual foram eleitos ou saiam e deixe que o façam….

Publicidade

Atleta morre atingido por uma palmeira durante prova no ES

O atleta carioca Wagner Carneiro Leão morreu atingido por uma palmeira que caiu durante uma corrida de obstáculos. A fatalidade aconteceu por volta das 10h30, neste sábado (18), em Morada da Barra, em Vila Velha, no Espírito Santo.

A organização do evento informou que o corredor foi socorrido por uma ambulância que estava no local, mas não resistiu e morreu no novo Hospital São Lucas, em Vitória.

Wagner estava na segunda bateria e no quinto obstáculo da prova King’s Race quando o acidente aconteceu. “É uma palmeira da natureza, que estava sendo utilizada como apoio para uma rede, onde o corredor precisava passar por cima”, diz a organização.

Sobre a dinâmica do acidente, a organização disse que não sabe informar se a árvore caiu na hora em que Leão passava pelo obstáculo. “A gente acredita que ele não tinha nem começado a transpor a rede. Todos os obstáculos foram testados, inclusive crianças e deficientes visuais participavam da corrida”, reforçou uma representante da organização do evento.

A organização disse que Wagner estava sozinho no obstáculo no momento da queda, mas que outras pessoas já tinham passado pelo local.

G1

enviar comentário
Publicidade