Publicidade

Reativação do Aeroporto viabiliza turismo de 25 cidades brasileiras para Mossoró

Foto: Ivanízio Ramos

O Governo do RN cumpriu a meta de reativação do Aeroporto Dix-Sept Rosado, em Mossoró e já com anúncio de voo inaugural previsto para 12 de abril, com regularidade diária para Recife e de Recife para conhecer o potencial cultural e turístico de Mossoró.

O titular da pasta estadual de Turismo, Ruy Gaspar, ressalta que a ação é fruto de um trabalho de dois anos desenvolvido pelo governador Robinson Faria e pela Secretaria de Estado do Turismo do RN. “Mais uma promessa de governo cumprida pelo Governo e uma meta da nossa secretaria concretizada”.

Ruy Gaspar lembra que em 6 de fevereiro de 2015 aconteceu a primeira visita do governador e do secretário com o diretor da companhia Azul Linhas Aéreas, Marcelo Bento, responsável pela viabilização de voos. Na oportunidade foi exigida a reforma do aeroporto e a consequente aprovação e liberação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), além da mesma postura adotada pelos estados do Ceará e Pernambuco de redução do ICMS no querosene de aviação, de 17% para 12%.

“Pouco mais de 20 dias depois, em 28 de fevereiro, o governador anunciou essa redução, pleiteada pelo trade do nosso Estado há anos. E desde então procuramos viabilizar a reforma do aeroporto para atender as exigências da ANAC. Houve outras várias reuniões, inclusive com a presença do presidente da companhia, Antonoaldo Neves, que sempre reiterou o interesse por Mossoró”, ratificou o secretário.

O governador Robinson Faria e o secretário Ruy Gaspar estiveram presentes à reinauguração do Aeroporto Dix-Sept Rosado, dentro de uma ampla agenda de ações promovidas pelo executivo estadual em Mossoró.

O voo diário da Azul será realizado pela aeronave ATR 72-600, com capacidade para 70 assentos. As viagens terão duração aproximada de uma hora e meia (via terrestre a duração pode durar até sete horas). A estimativa da companhia é que Mossoró possa ser acessada por várias outras regiões do país, já que Recife é o principal centro de distribuição de voos da Azul no Nordeste, já com 25 cidades brasileiras atendidas, além de Orlando, nos Estados Unidos.

 

Comentários (13) enviar comentário
  1. Carvalho disse:

    Uma hora e meia para Recife + tempo para conexão + 45 minutos de vôo para Natal.
    Tempo de viagem Mossoró / SGA = aproximadamente duas horas e quarenta minutos, se o passageiro tiver sorte.
    De São Gonçalo para Natal: mais 45 ou 50 minutos (na hora do rush), se o passageiro tiver sorte.
    Tempo final Mossoró/Natal: três horas e trinta minutos.
    Será mesmo que é uma grande vantagem?

  2. Genason Fonseca disse:

    Acredito que a notícia merece ser retificada: a data não seria 01.04.2017?

  3. Educador disse:

    Na prática mesmo esse aeroporto servirá apenas para os residentes em Mossoró se deslocarem para outras capitais do Brasil mais rapidamente, sem precisar se deslocar 84 km de carro até o aeroporto de Aracati. Ah…pessoas que necessitem ir a trabalho para Mossoró com urgência também utilizarão o aeroporto da cidade. O Turismo em Mossoró por enquanto não justifica o funcionamento do aeroporto. Se tivesse sido ativado antes do de Aracati aí sim teria demanda.

    • Gustavo Carvalho disse:

      E a Rota das Falésias que Mossoró faz parte???? Como não justifica??? Visitar Mossoró com suas águas termais, salinas, eventos culturais, mais Canoa Quebrada, Beberibe, Kite Surf, dunas, falésias…

  4. Maracujina disse:

    Rosalba disse que tinha sido ela que conseguio já como fruto do seu trabalho de prefeita .

  5. Carlos disse:

    Existem documentos da ANAC apontando vários problemas para pousos e decolagens no aeroporto de Mossoró.
    Será que esses problemas foram resolvidos, antes da liberação? Ou a liberação foi facilitada na base da conversa política?
    Pergunto isso pelo fato de que um dos problemas apontados eram os prédios nas proximidades do aeroporto. E até onde se sabe, os prédios continuam lá…

  6. Elvécio disse:

    Governador sarado. Adooooro!

  7. Brasileiro disse:

    😂😂😂😂😂 turismo em MOSSORÓ???? É pra rir ???

    • Curioso disse:

      Águas termais, omi…
      Cura mais do que a camisa ensanguentado do Valdomiro…

    • Gustavo Carvalho disse:

      Incrível a ignorância!!!!! Kkkkkkk Vc sabia que Mossoró faz parte de uma região turística onde tem diversos atrativos turísticos mais variados que Natal??? Onde além de várias praias, Costa Branca, Canoa Quebrada, Beberibe, Uruau, com falésias, passeios de buggie, dunas, muitos hotéis, inclusive 5 estrelas, tem águas termais, salinas, em breve abre pra funcionamento o Parque Nacional de Furna Feia, sem falar nos eventos cultirais e esportes radicais, com destaque pro Kite Surf!!!! Mas pelo jeito vc não conhece nada da região!! É pra rir mesmo!!!! Kkkkkkk

Publicidade

Feriados prolongados deverão impulsionar a economia, diz Ministério do Turismo

A expectativa é de que as viagens nos fins de semana prolongados injetem R$ 21 bilhões a mais na economia em 2017 – (José Cruz/Agência Brasil)José Cruz/Agência Brasil

Os dias de folga poderão impulsionar a economia brasileira, segundo estudo do Ministério do Turismo. A pasta espera que as viagens nos fins de semana prolongados por feriados que caem na segunda, terça, quinta ou sexta-feira injetem R$ 21 bilhões a mais na economia em 2017. A projeção divulgada hoje (12) considerou um acréscimo de 22 dias de folga, quando 10,5 milhões de viagens deverão ser feitas.

Na contramão de outros setores que projetam prejuízos com os feriados, como o comércio e a indústria, o Ministério do Turismo acredita que as viagens e o consumo nos dias de folga gerarão renda e emprego. O turismo, de acordo com o Conselho Empresarial de Hospitalidade e Turismo da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), é grande impulsionador de mais 52 áreas, direta ou indiretamente.

O feriado que deve gerar maior impacto é o Dia de Nossa Senhora Aparecida, em 12 de outubro, quando 1,94 milhão de viagens movimentarão R$ 3,9 bilhões na economia.

O levantamento foi feito pelo Ministério do Turismo, em parceria com a Fundação Getulio Vargas, levando em consideração os feriados de 21 de abril (Tiradentes, sexta-feira), 1º de maio (Dia do Trabalho, segunda-feira), 15 de junho (Corpus Christi, quinta-feira), 7 de setembro (Independência do Brasil, quinta-feira), 12 de outubro (Dia de Nossa Senhora Aparecida, quinta-feira) e 2 de novembro (Finados, quinta-feira). O Carnaval, a Semana Santa, o Natal e Réveillon foram desconsiderados, porque via de regra geram fins de semana prolongados e a ideia da projeção foi levantar qual o valor a ser acrescentado na movimentação econômica nacional em 2017.

Agência Brasil

 

Comentários (3) enviar comentário
  1. FRASQUEIRINO disse:

    Menos para Natal onde pagamos uma das tarifas mais altas do.pais tanto para embarque quanto desembarque.

  2. Helio Motta disse:

    Não creio que o turismo faça frente as perdas da indústria e comércio com esses feriados.
    Nem todos os que ficarão dispensados do trabalho, mas que receberão o salário do dia do mesmo jeito, farão turismo.
    Os que tem essa condição não vão gastar o mesmo ou mais daquele custo. Mais um custo para quem quer produzir.
    Esses feriados deveriam ser restringidos, fora os nacionais apenas uns dois estaduais e tchau.

  3. Marcelo disse:

    E ajudar a quebrar o restante das empresas.

Publicidade

Plano de Marketing de Natal é divulgado no site do Ministério do Turismo

O Plano de Marketing Turístico de Natal que inclui, também, um projeto de turismo sustentável, essencial para estimular os turistas a visitar a cidade no período de baixa e alta estação, foi tema de matéria veiculada esta semana pelo site do Ministério do Turismo (MTur). O plano foi elaborado pela empresa Start que venceu licitação promovida pela Prefeitura do Natal, por intermédio da secretaria municipal de Turismo (Setur) com apoio do MTur.

Segundo o secretário de Turismo de Natal, Fred Queiroz “o Ministério acompanhou todo o processo, validando o plano para que seja eficaz. O principal ponto é o aumento do fluxo turístico, com a indicação de mercados onde precisamos investir e a divulgação de nossas potencialidades na mídia”, completou.

O plano propõe ainda em até cinco anos obter os resultados esperados com o crescimento turístico, demanda de turistas, oferta de roteiros e passeios entre outras sugestões reforçando a promoção de atrativos oferecidos para quem visita Natal e ajuda a fortalecer o setor como importante atividade econômica.

O site da revista Panrotas também avalia positivamente o investimento nas ações de marketing para promover a cidade. “Trabalharemos essas ações por meio da parceria com operadoras de viagens e da divulgação regional dos atrativos de cidade. Com isso, pretendemos manter o número de visitantes a Natal, que está em torno de 1,5 milhão ao ano, além de aumentar em 5 pontos percentuais a ocupação hoteleira (hoje em torno de 55% a 60%), lembrando que nossos hotéis são constantemente elogiados pelos turistas pela qualidade que apresentam”, completa Fred.

Comentários (2) enviar comentário
  1. Manoel Cavalcanti Neto disse:

    A parceria e a divulgação serão fundamentais.

    • Carlos Alberto disse:

      Pra que visitar Natal ou o Brasil, para ser roubado ou talvez morto ?? Prefiro juntar dinheiro e fazer turismo entre outros países.

Publicidade

RN quer atrair turista e voo holandeses

O Governo do RN abre o calendário de eventos turísticos de 2017 presente na primeira grande feira do setor. A partir de amanhã (10) e até domingo (15), o Rio Grande do Norte divulgará seus destinos turísticos na Vakantiebeurs, a principal feira de turismo do Benelux – o bloco de países formado por Bélgica, Holanda e Luxemburgo.

A Secretaria de Estado do Turismo do RN e a Empresa Potiguar de Promoção Turística do RN terão um propósito maior neste evento: a recuperação de voos fretados para Amsterdam, na Holanda. Além de iniciar as ações de promoção do Estado potiguar para este ano, em contato direto com profissionais e público final, com o potencial mercado holandês.

“O europeu, em geral, tem paixão pelo Sol e Mar. E isso nós temos de sobra. Precisamos é divulgar nossos destinos, recolocar o RN novamente na vitrine para gerar demanda e, consequentemente, viabilizar um voo fretado de Amsterdam para nosso Estado”, prevê o secretário estadual de Turismo, Ruy Gaspar.

A presidente da Emprotur, Aninha Costa, enaltece ainda o potencial pouco explorado do turista holandês no Brasil: “A Holanda é apenas o 18º emissor de turistas ao Brasil, o sétimo entre os países da Europa e até pouco tempo tinha apenas 13 voos semanais para nosso país. Sabemos que gostam de sol e mar. Então precisamos trazer esse turista pra cá”.

O Rio Grande do Norte montará estande na feira em parceria com o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur). A feira é visitada anualmente por mais de 100 mil holandeses e belgas, conta com mais de 1200 expositores e abre espaço para negociações a parcerias junto ao trade e público.

 

Comentários (3) enviar comentário
  1. JegueDegue disse:

    Pra quando chegando aqui mau conseguir usufruir com qualidade da praia de Ponta Negra com escaradarias de acesso feitas de sacos de areia, serem extorquidos por taxistas malandros, assaltados, estuprados ou até mortos pelos bandidos numa das cidades mais violentas do País. Pessoas de Países desenvolvidos não são como nós que aceitamos pagar por coisas, serviços e produtos de péssima qualidade. Mas mesmo assim a beleza do litoral Potiguar ultrapassa esses detalhes e deixam os "gringo" de queixo caído. Temos td para sermos um Estado desenvolvido em vários setores, porém a politicagem oligárquica que predomina só faz o RN andar pra trás. Precisa nem dizer né: Alv….. Mai…. e o revezamento.

Publicidade

Jogo da Seleção Brasileira contribuiu para fomentar o turismo no RN em 2016

 

Em 2016 alguns acontecimentos ligados ao mundo do esporte contribuíram fortemente para a divulgação e consequente ocupação de cidades como Pipa, São Miguel do Gostoso e Natal nesta alta estação.

Segundo José Odécio Rodrigues, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do RN, toda divulgação é válida. “Tudo que divulga a cidade e o estado com certeza ajuda o setor turístico. Com os eventos esportivos não é diferente, o fato de mostrar Natal para o Brasil inteiro atrai mais pessoas e desperta o interesse de muitas outras em conhecerem o nosso estado”, disse.

Em outubro de 2016, a partida entre Brasil e Bolívia pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, além de toda cobertura realizada em volta deste jogo, foram destaques bastante relevantes que auxiliaram na divulgação da Cidade do Sol de forma bastante positiva.

“Esse jogo do Brasil gerou uma boa mídia espontânea, foi um dos melhores eventos que divulgaram Natal. O Galvão Bueno falou muito bem da cidade, os jornalistas ficaram aqui por mais tempo, ou seja, a emissora de mais destaque no país mostrou muito bem as coisas daqui”, afirmou o presidente da ABIH.
O presidente da Federação Norte-riograndense de Futebol (FNF), José Vanildo, também destacou o poder do futebol como ferramenta de divulgação turística. Segundo ele, “essa vinda do jogo coloca o RN em todos os níveis de mídia já que todos os principais meios de comunicação estão presentes, grandes redes de televisão e rádio. Esse fato deveria ser mais bem aproveitado pelos segmentos públicos e privados”.

De acordo com José Odécio, o ano de 2016 fechou com a média de ocupações um pouco menor, quando comparada à média de 2015. Porém, o dado não traz grande preocupação, devido à crise econômica que atingiu diversos setores do país no ano que passou. “Apesar de a ocupação ter sido um pouco menor, temos que lembrar que o ano que passou foi um ano de crise. Mas, a expectativa para 2017 é boa, pois muitas vendas ocorrem de última hora”, finalizou.

enviar comentário
Publicidade

ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL ALVO DE INVASÕES: Sesed e Idema firmam parceria para fiscalização no Morro do Careca

Nos últimos dias nas redes sociais circularam uma série de fotos e vídeos com pessoas subindo o Morro do Careca, na praia de Ponta Negra, maior cartão postal de Natal. Por ser uma área de proteção ambiental desde 1997, não é permitido a circulação de pessoas no local para evitar a erosão da duna e a deterioração da vegetação.

Diante dessa realidade, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) e o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema) se reuniram nessa terça-feira (3) e definiram uma parceria para evitar que novos casos desse tipo continuem acontecendo.

“Assumimos o compromisso de intensificar o monitoramento no morro através das câmeras do CIOSP (Centro Integrado de Operações de Segurança Pública), principalmente na maré baixa, onde aumenta o cometimento do crime ambiental naquele local. Sendo identificado o infrator, o CIOSP registrará uma ocorrência e encaminhará a CIPAM (Companhia Independente de Proteção Ambiental) ou na ausência da mesma, a outra unidade mais próxima”, explicou o major Júlio César Vilela, coordenador do CIOSP.

Já o Idema ficará responsável pela confecção de placas informativas que serão colocadas nos arredores do morro, informando a proibição e penalidades de subir no local. “Solicitamos a reunião com a Sesed para juntos tomarmos medidas mais enérgicas em relação à fiscalização do Morro do Careca. É importante que as pessoas tenham a consciência de que subir no morro é proibido e quem desobedecer, estará sujeito à multa e prisão”, afirmou Rondinelle Oliveira, diretor geral do Idema.

enviar comentário
Publicidade

Revista de bordo da TAP leva o Rio Grande do Norte a 1 milhão de leitores

O Rio Grande do Norte foi o destino de capa da UP Magazine, revista de bordo da companhia aérea TAP que tem mais de 1 milhão de leitores. A publicação foi distribuída nas aeronaves da companhia durante todo o mês de dezembro, mas seu conteúdo – dedicado a roteiros turísticos na capital e no interior do estado – continua disponível na internet na íntegra.

A TAP é uma das principais companhias do mundo. Por semana, realiza cercas de 2.500 voos, conectando 29 países. No Rio Grande do Norte, são feitos três vôos por semana da companhia, ligando a capital potiguar à Lisboa.

Voltada para os viajantes, a UP Magazine desvenda paisagens, histórias, lugares e segredos, não só de Portugal como de outros lugares e destinos em todo o mundo. Na edição passada foi retratado tudo o que o turista que vem ao Rio Grande do Norte precisa saber, desde a descrição dos pontos turísticos até o que levar na bagagem e onde se hospedar.

A publicação define o RN como um “espanto”, o que no português brasileiro seria como um espetáculo. “De Natal a Galinhos, passando por Pipa e por São Miguel do Gostoso, no litoral, às localidades de Santa Cruz e de Sítio Novo, no interior, existe uma forma de estar genuína. Outros ares, outras vivências, longe da agitação dos grandes centros, onde, de pés descalços ou de buggy, se descobrem praias, lagoas e dunas, mas também de mochilas às costas e um calçado confortável, os monumentos, as serras e os vales sertanejos, sempre com muita emoção”, destaca a abertura da sessão “Partida”.

Cheia de imagens, a publicação leva o leitor a um passeio pelos principais roteiros turísticos do estado, a começar pelo litoral. São destaques a Lagoa de Guaraíras, em Tibau do Sul, o chapadão da Pipa, o Forte dos Reis Magos e as dunas de Genipabu, entre outros. Toda a publicação é escrita em português e traduzida para o inglês. As descrições são ricas em detalhes geográficos e históricos. A hospitalidade do potiguar também ganhou espaço.

Ao falar sobre Galinhos, na costa norte do estado, lugar descrito como o paraíso, a publicação afirma: Todos se conhecem e todos recebem as visitas de forma genuína, com alegria e respeito.

Do litoral para o sertão. A interiorização do turismo – política adotada pela gestão estadual – foi tratada tomando como exemplo a cidade de Santa Cruz, onde, durante os festejos de Santa Rita de Cassia, em maio, são recebidos visitantes de todo o país. A publicação destaca a imagem religiosa da santa, considerada a maior do país, com 56 metros de altura.

Ainda pelo interior, ganhou espaço o Castelo de Zé dos Montes, em Sítio Novo, cerca de uma hora de distância de Santa Cruz. O local parecido com um castelo, construído envolto a muito mistério e fé, já tem hoje 30m e 183 pequenas torres. O objetivo do seu idealizador é chegar a 213 torres.

A revista ainda traçou um roteiro gastronômico com os principais restaurantes e hotéis, no litoral e no interior.

Moda

A revista, nas páginas dedicadas ao Rio Grande do Norte, fez um editorial de moda com crianças nativas da Pipa. Com looks românticos de importantes marcas internacionais – H&M e Zara-, as crianças encheram oito páginas com “fantasia, diversão e riso”, como é descrito o ensaio. As fotos e edição de fotografia são de Paulo Gomes.

Premiada

Editada em português e inglês, a UP Magazine dispõe de uma rede internacional de colaboradores de excelência, que todos os meses preparam reportagens, crónicas e artigos em exclusivo para os mais de 1 milhão de leitores da edição impressa. Reconhecida internacionalmente como a melhor revista de bordo pela Marie Claire espanhola e pela RES Travel Magazine escandinava, a UP foi ainda premiada pelo site norte-americano UCity Guides.

No site UP é disponibilizada uma seleção dos conteúdos de revista impressa. A edição de dezembro está disponível no link: http://upmagazine-tap.com/2016/12/?post_type=pt_artigos

enviar comentário
Publicidade

Trânsito na Ponte Newton Navarro terá alterações neste sábado a partir das 10h; veja também nas Praias do Meio e dos Artistas

Foto: João Maria Teixeira /Arquivo Secom

A operação de trânsito durante as festas para celebrar o Ano Novo já foi definida pela Prefeitura do Natal, por meio da secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU). A secretaria vai atuar com 66 agentes de trânsito, viaturas e batedores nos principais pontos de concentração da cidade.

Segundo a STTU, o efetivo é suficiente para atender e disciplinar o trânsito na orla – entre as praias de Redinha (litoral Norte), Meio, Artistas e a praia de Ponto Negra (litoral Sul), além de intervenção na Ponte Newton Navarro onde acontece todos os anos a tradicional queima de fogos.

De acordo com o diretor de Fiscalização de Trânsito da STTU, Rogério Leite “as alterações no trânsito começam às 10h do sábado, quando o sentido Redinha/Forte da Ponte Newton Navarro estará fechado ao tráfego de veículos, ficando o sentido Forte/Redinha com mão dupla. A intervenção total na ponte nova acontece das 19h até 1h do dia 1o de janeiro quando o trânsito será liberado novamente”.

Nas Praias do Meio e dos Artistas, a STTU alerta que alguns trechos do calçadão estão interditados para instalação do enrocamento e a recuperação do passeio e que as pessoas deverão evitar. Já em Ponta Negra, o show pirotécnico da virada será uma balsa dentro do mar.

 

Comentários (2) enviar comentário
  1. Tarcísio disse:

    Ja devem ter mudado os planos, pois hj por volta das 4h dá manhã já estavam colocando os cones na pista sentido praia dos artistas/redinha.

    • Tarcísio disse:

      Mas ainda continua em ambos os lados o tráfego, nesse exato momento.

Publicidade

Arituba Turismo recebe premiação “As Melhores Empresas do Ano 2016”, concedida pela revista Negócios.Net

Referência no mercado de turismo potiguar, a agência de viagem Arituba Turismo se destaca entre as “MELHORESEMPRESAS DO ANO DE 2016”, premiação que lhe foi concedida pela Revista Negocios.Net, na noite desta quinta-feira, durante evento que será realizado no Hotel Holiday Inn Arena das Dunas.

Dirigida pelo empresário Abdon Gosson, a Arituba será homenageada, juntamente com outras empresas que se destacaram em diversas outras áreas da economia, como o agronegócio, tecnologia, saúde, educação, imóveis, supermercado e shopping center.

Durante o evento, foram entregues os certificados às empresas homenageadas em cada setor de atuação específico.

enviar comentário
Publicidade

Natal entre os destinos e pacotes mais buscados para Festas e feriados em 2017

O Decolar.com, maior agência de viagem da América Latina, fez uma análise dos destinos mais buscados para as festas de final de ano e feriados de 2017 dos produtos voos, hotéis e pacotes.

“Já percebemos uma alta procura por pacotes para o Carnaval. Estamos passando pelas festas de final de ano, mas já temos grande demanda para fevereiro. São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador serão os destinos mais visitados durante janeiro e mantem-se em fevereiro como preferência dos nossos usuários. ”, disse André Alves, Country Manager do Decolar.com.

Voos nacionais:

· Mercados mais buscados:
Super-Ponte (PAOSAO, CWBSAO, BSBSAO e BHZSAO), Ponte-Aérea, São Paulo – Salvador, São Paulo – Recife e São Paulo – Florianópolis.

· Datas mais buscadas:
Finais de Semana de Janeiro, Natal e Ano Novo

Voos Internacionais:
· Mercados mais buscados:
São Paulo – Buenos Aires, São Paulo – Miami, São Paulo – Lisboa, São Paulo – Santiago e Rio de Janeiro – Buenos Aires.

· Datas mais buscadas:
Finais de Semana de Janeiro, Natal, Ano Novo e Carnaval

Hotéis Nacionais:

· Destinos mais buscados:
Rio de Janeiro, São Paulo, Fortaleza, Foz do Iguaçu e Natal.

· Datas mais buscadas:
Finais de Semana de Dezembro, Finais de Semana de Janeiro, Carnaval e Natal.

Hotéis Internacionais:
· Destinos mais buscados:
Buenos Aires, Orlando, Paris, Santiago e Lisboa.

· Datas mais buscadas:
Finais de Semana de Dezembro, Finais de Semana de Janeiro, Carnaval e Natal.

Pacotes nacionais:

· Mercados mais buscados:
Super-Ponte (PAOSAO, CWBSAO, BSBSAO e BHZSAO), Ponte-Aérea, São Paulo – Natal, São Paulo – Salvador e São Paulo – Florianópolis.

· Datas mais buscadas:
Finais de Semana de Janeiro, Natal e Carnaval

Pacotes internacionais:
· Mercados mais buscados:
São Paulo – Orlando, São Paulo –Buenos Aires, São Paulo – Santiago, São Paulo – Punta Cana e São Paulo – Montevidéu.

· Datas mais buscadas:
Finais de Semana de Fevereiro, Natal e Carnaval

enviar comentário
Publicidade

Quadriciclos deverão ser emplacados e licenciados; portaria do Detran-RN publicada nesta quarta

O Departamento Estadual de Trânsito do RN publicou nesta quarta-feira (21) uma portaria regularizando a exigência de registro e licenciamento dos quadriciclos para circularem em vias públicas. A norma segue a Resolução do Contran 573/2015, que estabelece requisitos de segurança e circulação para esse tipo de veículo. O prazo para regularização dos veículos será de 30 dias a partir da data da publicação.

Os quadriciclos continuam proibidos de circular por rodovias estaduais e federais. Segundo a portaria, ficam proibidas a transformação de outros tipos de veículos em quadriciclos e também a circulação em vias públicas de veículos similares sem legalização. “As exigências incluem aspectos importantes. Porque não é só necessário fazer o registro e ter o licenciamento, mas os condutores também devem atender aos itens de segurança exigidos.”, comenta o diretor geral do Detran, Marco Medeiros.

Pela Resolução do Contran, os quadriciclos só poderão circular por vias urbanas se estiverem emplacados com placa de identificação traseira, como ocorre como as motos. Além do mais, o condutor tem que ser maior de idade e ter carteira nacional de habilitação do tipo B e a garupa precisa ter mais de 7 anos de idade. Ambos devem obrigatoriamente utilizar capacetes com viseira ou óculos protetores.

Para registrar o quadriciclo, o proprietário do veículo deve ir ao Detran ou uma das Ciretrans com a nota fiscal original carimbada pela Secretaria Estadual de Tributação, Identidade e CPF do proprietário e comprovante de residência. No caso do proprietário Pessoa Jurídica, precisa apresentar o CNPJ, contrato social, Identidade e CPF do representante legal da empresa e comprovante de residência.

A portaria pode ser encontrada no site do Detran/RN.

Comentários (5) enviar comentário
  1. Roberto junior Gazolla disse:

    Quem fez a lei precisaria conversar com com fábrica e usa.

  2. Diogenes Sousa Junior disse:

    Muito sábia esta atitude, parabenizou o Detran Rn pela atitude.

  3. Andre disse:

    Vejamos: emplacar tudo bem, mas o quadriciclo não tem setas, espelhos retrovisores e no manual não pode transportar passageiros. Como fica?

  4. BarbyBarby disse:

    Algo plausível dessa direção! Parabéns porque esses quadricilcos abusam no verão nas praias e quando eram apreendidos saíam do mesmo jeito que entrava, ou seja, sem pagar absolutamente nada. Agora, creio eu, se cobrará todos os encargos para a devida liberação.

  5. Val Lima disse:

    Nada mais lógico…
    Se existe obrigatoriedade (emplacamento) para cinquentinha,
    pq não para esse tipo de veículo??!!

Publicidade

Bugueiros comemoram avanços na regulamentação da profissão no RN

Por interino

O presidente do Sindicato dos Bugueiros Profissionais (Sindbuggy), Luiz Thiago Manoel, avaliou como história a audiência pública que discutiu o Projeto de Lei 5.256/16, que regulamenta a profissão do bugueiro turístico. A audiência foi realizada neste final de semana na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Entre os principais benefícios pontuados no PL estão: reconhecimento nacional da profissão, segurança jurídica e o direito à aposentadoria. “É uma conquista histórica para que possamos ter a garantia jurídica que ainda não temos como uma aposentadoria e o acesso às praias em todo o Brasil. Somos os maiores distribuidores de rende ao litoral do país”, destacou.

O Sindbuggy acredita que outras vantagens podem ser conquistadas com a regualmentação. Entre elas o maior combate aos clandestinos, que realizam passeios ilegalmente sem terem feito previamente cursos de capacitação, sem terem a autorização dos órgãos competentes para realizar o transporte e para realizar o passeio, colocando os turistas em risco e ameaçando a atividade no Estado.

O PL é de autoria do deputado federal Walter Alves. O relatório da proposta deve ser apresentado até fevereiro na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público. Em seguida, segue para outras comissões e encerra o debate na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ). “Não há necessidade de votação no Plenário. Após aprovação na CCJ, o projeto segue para o Senado”, avisou o parlamentar.

Comentários (5) enviar comentário
  1. flauberto luiz bezerra disse:

    O que o presidente do sindicato deveria faze, era pressionar o governador para baixar o imposto sobre o combustivel dos navios, para poder movimentar o porto, o presidente do sindicato esta cochilando nessa parte, esta lá o terminal maritimo entregue as baratas, milhões de reais gastos para praticamente nada , só porque o secretario de turismo é dono de hotel, não sabe os bugueiros, que navios no porto, é dinheiro todo dia, além de movimentar a ribeira, aproveitar o espaço para colocar um feira de artesanato, na rua chile, é só uma ideia!

  2. AOS disse:

    entao se alguem possuir um buggy e não for bugueiro e for passear nas dunas com a familia,estará fazendo o tramsporte clandestino? as dunas são exclusivas dos bugueiros?

  3. hsb disse:

    Que não queiram impedir o cidadão passear nas dunas com seu veiculo, como ja aconteceu.

  4. Nice disse:

    Oxiiii, querem se aposentar? E só contribuir fio. E trabalhar até o tempo estimado. Ganham bem até demais. Dois passeios se fizerem durante 1 dia, é o valor do salário mínimo.

  5. Coxinha de Mortadela disse:

    Concordo, só falta os seus veículos apresentarem real segurança aos turistas. O que se vê não é isso.

Publicidade