Com Neymar inspirado, Barcelona vence Sevilla com gol após os acréscimos

O craque Neymar vem mostrando que o investimento de de quase 160 milhões de reais na sua contratação valeu a pena. Em partida emocionante neste sábado, o Barcelona venceu o Sevilla por 3 a 2, pelo Campeonato Espanhol, e com bela atuação do atacante. A polêmica ficou por conta do terceiro gol do Barça, que aconteceu alguns segundos após os 48 minutos do segundo tempo, quando a partida deveria terminar após os três minutos de acréscimo dados pelo árbitro.

O brasileiro Neymar estava inspirado e deixou a torcida satisfeita. Além de sofrer várias faltas, ele ainda aplicou dribles desconcertantes, criou ótimas chances e de quebra deu a assistência para o gol de Messi.

O ex-santista começou como titular na equipe de Tata Martino mais uma vez e vem ganhando a confiança do treinador. O Barcelona, com a vitória, manteve os 100% de aproveitamento na classificação do Campeonato Espanhol, com 12 pontos em quatro jogos.

O jogo mal começou e Neymar já mostrou que estava afim de jogo. Logo aos 9 minutos, recebeu bom passe na grande área, ajeitou e chutou colocado, obrigando o goleiro Beto a fazer ótima defesa. Pouco depois, o brasileiro fez bela jogada na linha de fundo, deixou o marcador para trás e achou Tello na área, que chutou duas vezes antes de obrigar o goleiro do Sevilla a fazer outra grande defesa.

Mas o lance de Neymar que realmente levantou a torcida no Camp Nou aconteceu aos 30 minutos da primeira etapa. Com um drible de corpo desconcertante, ele saiu em arrancada com a bola até a ponta da grande área acabou sofrendo a falta. O defensor M’bia deixou a mão no rosto do atacante brasileiro e o árbitro não pensou duas vezes e marcou a falta perigosa para o Barça e ainda aplicou o cartão amarelo jogador. Na cobrança, Messi bateu no canto do goleiro e por pouco não surpreendeu.

Apesar da insistência, o gol do Barça só saiu aos 35, em jogada 100% brasileira. O lateral Adriano, que entrou no decorrer do primeiro tempo, achou Daniel Alves sozinho na área. De cabeça, o lateral da seleção brasileira abriu o placar para os donos da casa.

No segundo tempo, o Sevilla, precisando de gols, voltou com maior força ofensiva. A tática até deu certo, tanto que aos 20 minutos a equipe visitante marcou o gol de empate, mas o lance foi invalidado pela arbitragem.

Só que aí Neymar resolveu aparecer mais uma vez, e dessa vez na companhia do argentino Lionel Messi. Aos 31 minutos, o brasileiro recebeu a bola de Fábregas já dentro da grande área e fez ótimo cruzamento rasteiro para argentino, que escorou para o gol, sem chances para o goleiro.

Sem se abalar, o Sevilla foi pra cima conseguiu diminuir a diferença aos 35 minutos. E o que não parecia mais possível aconteceu. Já nos acréscimos, os visitante conseguiram empatar a partida com gol do zagueiro Andújar em cobrança de escanteio.

Entretanto, o jogador considerado melhor do mundo nas últimas quatro temporadas ainda achou tempo para resolver mais uma vez. Messi fez brilhante jogada aos 48 minutos e a bola sobrou para Sánchez marcar o terceiro e decretar a emocionante vitória do Barça. Os jogadores do Sevilla ficaram revoltados com o árbitro porque o gol aconteceu 11 segundos após os três minutos de acréscimo previamente estipulados.

Assim, o Barcelona venceu por 3 a 2 o Sevilla, com direito a show da dupla Neymar e Messi no Camp Nou. O próximo desafio dos catalães é pela Liga dos Campeões, na quarta-feira, diante do Ajax.

UOL Esporte

    Nenhum Comentário