HENRIQUE ALVES: quando o oportunismo vira “lealdade e coerência”

O ex-deputado Henrique Eduardo Alves divulgou nesta segunda-feira, 28, uma carta endereçada à presidente Dilma Rousseff. Nela, ele pede em caráter irrevogável demissão do cargo de ministro do Turismo. Um dia antes do encontro em que o seu partido, o. PMDB, vai anunciar o rompimento com Dilma e ajudar a cavar o fosso que a leva ao impeachment.

Um detalhe importante: a data do documento, cuidadosamente digitado, no qual pede a compreensão da agora ex-chefe para o fato de que ele precisa ter lealdade ao partido e coerência ideológica, foi posta à caneta.

O documento estava pronto. Faltava escolher o momento certo de usar. Mas até sexta-feira, Henrique tentava convencer deputados peemedebistas a não romperem com o governo.

Quando percebeu que não conseguiria apoio para um governo em processo de derrocada e, assim, salvar o seu emprego de ministro, Henrique decidiu ser “coerente e leal”.

Não se sabe a quem ou a que.

Talvez à sua própria história.

Repetiu com Dilma o que já fizera antes com Micarla e depois com Rosalba. Quando ambas tinham cargos e estrutura a oferecer a ele e seu grupo, contaram com o apoio do então deputado. Quando o poço secou, Henrique rompeu.

No melhor estilo “político-tapioca” – quando a chapa esquenta ele vira de lado – Henrique Alves sonha agora em virar ministro do amigo e “comandante” Michel Temer que poderá ser empossado presidente da República até maio.

Em matéria de oportunismo, o deputado com 46 anos de vida partidária é um PhD. Como esquecer que ele articulou para reprovar as contas do primo Carlos Eduardo Alves para tentar impedi-lo de ser candidato em 2012?

Como não lembrar que desde o ano passado Henrique já hipotecou apoio ao projeto de reeleição do mesmo Carlos Eduardo, indicando secretário e querendo indicar o candidato a vice-prefeito?
Lealdade? Coerência?

Uma consulta a um bom dicionário impediria o uso dos termos em um documento que vai entrar para a história.

Não como como sinônimo de lealdade e coerência. Longe disso.

Mas como demonstração de oportunismo.

Mas em termos de companhia, o deputado Henrique Alves vai muito bem, obrigado.

Afinal, são 46 anos de PMDB.

Não são pouca coisa.

E nesta trajetória tem muito antecedente não contado ou mal contado.

Poderíamos começar pela história da “Arena Verde” ou o “Arenebê”.

Mas essa é outra história. Muito longa.

Fica pra depois.

Um detalhe: sem o cargo de ministro, Henrique perde o direito ao foro privilegiado e, nas investigações da Operação Lava Jato, fica ao alcance da caneta do juiz Sérgio Moro.
E isso é um detalhe que pode fazer a diferença amanhã, depois ou qualquer dia desses.
Quem sabe…

 

Publicidade

Comentários:

  1. Martha Maria Barbosa Varella disse:

    A atitude de pedir demissão foi um ato de coerência com o seu partido . Henrique Alves nunca foi PT

  2. Vera Lúcia de Macedo disse:

    Esse rapaz ñ sabe o q é coerência mto menos lealdade……. Lealdade para ele é q o pai fez a vida inteira com o tio Agnelo. E o povo do nosso estado merece sim o representante q tem, assim como Alagoas, Maranhão, Rj e outros.'CADA POVO MERECE O LÍDER Q TEM'

  3. paulo disse:

    BG.
    Novas eleições já para todos os níveis de vereador a pzidente(a).

  4. Junior pinheiro disse:

    Olhem quem vai para o poder,,,, só pau de galinheiro…. Tudo sujo!!!!

  5. Sérgio disse:

    Quer dizer entao que Dilma já está impedida e temer já é o presidente??
    Então vamos tentar entender…temer sujo até o pescoço assume…ele pode? A Dilma que ainda não é ré em nenhum processo, não aparece comendo propina, será impedida? Sei ……

  6. Brasil, Meu país NÃO será dos fascistas! disse:

    Como pode a população apoiar uma barbaridade dessa?
    Um corrupto (Cunha) conduzindo o impedimento de uma presidente honesta?
    Como pode o partido mais fisiológico do país abandonar o governo com a intenção clara de tomar o poder junto com o PSDB e DEM e a mídia apoiar um absurdo desse?
    DIA 31 DE MARÇO TDOS À RUA CONTRA ESSE GOLPE!

    • Brasil, meu Pais não e do Lula e nem da Dilma disse:

      Pega o louco que acaba de fugir do hospício ele acaba de chamar ladrão de honesto

    • Wendell Fernandes disse:

      Agradecemos a todos os gênios que tanto lutaram pra tirar o poder … Trabalharam feito marionetes pra essa cheia de " boas intenções " com o Brasil, que estão pela "primeira vez" assumindo poder e que claro que já estão com o "milagre" em mãos. Parabéns a todos que ajudaram eles.

  7. Amaro Júnior disse:

    Do mais puro OPORTUNISMO, é assim que vergonhosamente nós potiguares podemos classificar esse ato.

  8. Val Lima disse:

    Rapaz, " coerência e lealdade"….homi!!!! ….é …que ….deixa "paralá"…..

  9. Dobode disse:

    Outro Mala…..

  10. FRASQUEIRINO disse:

    Nao se elege mais nem a Síndico. Estava desempregado, se ofereceu varias vezes para ser Ministro a ponto da presidente fazer cara feia na posse dele e agora depois que "roeu o osso" abandona Dilma. o RN não precisa de oportunistas.

  11. Brasil, meu Pais não e do Lula e nem da Dilma disse:

    Os molitontos agora e só MIMIMIMIMIMIMIMI

  12. Augusto Ribeiro disse:

    Lealdade e coerência são palavras que não constam no dicionário real de HEA. Aliás, de nenhum Alves!!!

  13. Joca disse:

    Oportunista …eu teria vergonha de dizer que estou a 46 anos e nunca fez nada pelo RN ….somente sugou o $$$ do nosso estado e país ,ainda verei a PF na porta desse aí também

  14. Joca disse:

    Um sangue suga …igual aos parente dele ,só pensam em si

  15. [email protected] disse:

    O pmdb e Henrique Alves se completam.

  16. Marcelo disse:

    Político como esse não nos representa, o RN sabe muito bem que nem governador ele conseguiu ser……e não tem mais vez no nosso estado, queremos políticos sérios e éticos, se vier vai levar outra chicotada.

  17. Fatima Adoeira disse:

    "Quando navio afunda, os ratos são os primeiros a pular fora".

  18. pelo um pais sem tanta injustiça disse:

    Isso e político oportunista.
    Eu fico imaginando como esse cara .c tivesse ganhando o governo do RN
    Como serra q tava.
    Esse político. Abandonou micarla prefeita d natal.
    Abandono rosalba.governadora do RN.
    Ainda tem gente q vota no cara desse. E defende ele.
    O povo besta.acorda Brasil
    Vão tira dilma do pode.
    Mais vai fica pior do q ta.
    Esses carniceiro so q o pode.