Movimentos sociais convocam miltância para protesto urgente em SP contra pedido de prisão de Lula

A Frente Brasil Popular, que reúne mais de 60 movimentos sociais, convocou há pouco militantes para um protesto imediato em São Paulo contra o pedido de prisão preventiva do ex-presidente Lula, feito nesta quinta-feira (10) pelo Ministério Público de São Paulo.

A mensagem, enviada pelo aplicativo Whatsapp, diz que a convocação tem caráter de “urgência”. O grupo pede que “toda a militância” se reúna na noite desta quinta em frente à sede da Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial de SP), na Praça da República, no centro de São Paulo.

Lideranças da Frente Brasil Popular já estavam reunidos no local acertando detalhes das manifestações programadas para os próximos dias. Por isso, a escolha da Praça da República como ponto de encontro.

Há previsão de manifestações ainda em frente à sede do sindicato dos bancários, na capital paulistana, e da casa do ex-presidente, em São Bernardo.

Além de movimentos sociais, integram a Frente Brasil Popular centrais de trabalhadores, como a CUT , e partidos políticos como o PT e o PC do B.

Segundo militantes, a ideia é fazer uma espécie de “vigília” até que as lideranças deem novas orientações.

“Queremos todos aqui. Vamos protestar e pensar agora no que iremos fazer”, diz Raimundo Bonfim, coordenador da CMP (Central de Movimentos Populares), que integra a Frente.

A convocação ocorre pouco depois de os promotores Cassio Conserino, José Carlos Blat e Fernando Henrique Araújo pedirem a prisão preventiva de Lula.

Os promotores alegam que a prisão do ex-presidente é necessária para garantir “a ordem pública, a instrução do processo e a aplicação da lei penal”. Segundo eles, em liberdade, o petista pode destruir provas ou agir para evitar determinações da Justiça.

REAÇÃO

O presidente do PT, Rui Falcão, chamou o pedido do Ministério Público de “ignomínia” e “midiático”. E disse estar “confiante de que a juíza não vá atender a esse pedido transloucado”.

O caso será analisado pela juíza Maria Priscilla Ernandes Veiga Oliveira, da 4ª Vara Criminal de São Paulo. Ainda não há dia certo para ela decida sobre o caso.

Mais cedo, os movimentos haviam desistido de uma manifestação programada para o domingo (13) em São Paulo. A decisão fora tomada para evitar conflito com o ato contra o governo e a davor do impeachment da presidente Dilma Rousseff, convocado para o mesmo dia.

Até então, a Frente Brasil Popular decidira que a prioridade seria o dia 18 de março, onde planejavam ações em todas as capitais sob o mote “não vai ter golpe”.

Folha Press – Painel

Publicidade

Comentários:

  1. Antônio Silva disse:

    Eu vou ajudar Consentindo. No primeiro capítulo do 18 brumário de Luís Bonaparte, complementando Hegel, que havia dito que a historia sempre se repete, Marx complementou "
    a primeira vez como farsa e a segunda como tragedia".
    Desmoralização completa!

  2. Antônio Silva disse:

    Marx e Hegel, quá quá quá…

  3. Sergio Nogueira disse:

    O prêmio de "Mico do Ano" vai para o professor da UFRN que criou grupo no WhatsApp para defender Lula e incluiu, ao que se comenta aos risos, alunos sem qualquer pudor.
    Fora esse professor, TODOS saíram do grupo tão logo perceberam o "presente".
    Está lá falando ao vento… Aliás como todo bom petista.

    • BRASIL MOSTRA TUA CARA disse:

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Val Lima disse:

      Excepcional Doutor Professor,mas infelizmente criou o gp errado…pelo q vi nas redes foi desconcertante,em pouco tempo a palavra "saiu" se multiplicou,resultado, só ficou ele pouco mais de uma dezena de simpatizantes da causa…

  4. JOAO MARIA disse:

    os militontos vão encher os bolsos, vão ter trabalho para o resto do ano

  5. Marcio disse:

    Da com força doutora juíza

  6. caio fabio disse:

    Tem que colocar o Exército na rua e baixar s borracha nessa corja.

  7. Eilson disse:

    Volta Jesus, volta Jesus, volta Jesus!!!
    Não tem mais jeito infelizmente…
    A corrupção é o DNA dos políticos.

  8. Rodrigo disse:

    Erraram de novo. Estão fazendo exatamente o que os promotores do ministério público de São Paulo explicou. Esse tipo de comportamento é uma das razões, a fúria petistas bota em risco o País.

  9. FRASQUEIRINO disse:

    Aproveita e mete também na cadeia os baderneiros petistas.

  10. RICARDO disse:

    De uma coisa tenho certeza….pegue pão com mortadela… num vai ter tetinha pra mamarem mais nao

  11. Joca disse:

    Seus VERMES se mudem para a Venezuela ou Cuba

  12. Na bandeira do meu país não existe a cor vermelha disse:

    Será que está chegando no ponto sonhado por muitos da ala radical da esquerda? a luta de classes, sempre ignorando a lógica, a razão, o bom senso e sempre querendo ser os eternos perseguidos políticos e as pobres vítimas?