Publicidade

Orquestra Sinfônica da UFRN abre temporada 2017 neste sábado

A Orquestra Sinfônica da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (OSUFRN) abre a Temporada Oficial 2017 neste sábado, dia 18. O concerto mantém o projeto de internacionalização da OSUFRN com a participação especial do pianista alemão Markus Stange, fruto da parceria mantida nos últimos anos entre a UFRN e a Universidade de Karlsruhe (Alemanha). O evento começa às 20h e a entrada é gratuita.

O maestro André Muniz conta que o público vai apreciar duas obras brasileiras e o Concerto n.03 para piano e orquestra, do compositor húngaro Bela Bartók. Do repertório nacional, o maestro destaca a abertura da ópera O Guarani, de Carlos Gomes, popularmente conhecida como tema do programa radiofônico A Voz do Brasil.

O primeiro concerto marca também a estreia dos instrumentistas selecionados no início deste ano. É prática da Orquestra Sinfônica da UFRN fazer seleção para novos músicos a cada início de temporada. Segundo André Muniz, a audição é a preparação dos alunos dos cursos técnicos, bacharelado e pós-graduação para o mercado. “Mantemos a qualidade sonora no mais alto nível, bem como preparamos nossos alunos para seleções dos grandes conjuntos orquestrais”, afirma o maestro.

O pianista

Markus Stange atua há mais de 20 anos como pianista solo. Teve participação especial em concertos na Europa, Canadá, Estados Unidos, México, Gana, Coreia do Sul e Japão. O músico também toca e grava regularmente em rádios da Alemanha. Em 2003, foi convidado para ser solista da Orquestra Filarmônica de Berlim, um dos melhores conjuntos orquestrais do mundo.

A vinda do pianista faz parte da parceria entre a UFRN e a Universidade de Karlsruhe por meio do Programa UNIBRAL. Segundo o coordenador, professor Fábio Presgrave, apesar de terem conseguido a renovação do projeto, esta será uma das últimas ações por conta das mudanças das políticas públicas no país em relação ao setor artístico.

A parceria levou em 2015 a Orquestra Sinfônica da UFRN para os palcos da Alemanha e trouxe a Orquestra de Karlsruhe para turnê no Brasil. Também é fruto desta parceria a vinda de cinco alunos para UFRN e a ida de quatro estudantes da Escola de Música para Europa.

Com informações da UFRN

Comentários (2) enviar comentário
  1. Silvio Romero disse:

    Excelente matéria. Só a título de sugestão, seria interessante divulgar também o local do espetáculo.

  2. Saul Saraiva disse:

    Aonde será?

Publicidade