Polícia prende homem acusado de participar de arrastão

Policiais Civis da 4ª Delegacia de Polícia prenderam, na tarde de hoje(31), Felipe Domingos Camilo, 20 anos. Felipe tem mandado de prisão preventiva decretada pelo Juízo Criminal da Zona Sul, por ter sido reconhecido em um arrastão à residência.

A prisão aconteceu quando Felipe Camilo compareceu a delegacia , por ter sido intimado a prestar depoimento sobre o homicídio de Douglas Ramalho Terto, ocorrido em Maio, na Rua Teófilo Brandão – no Bairro de Areia Preta.

Várias testemunhas apontaram Felipe Camilo como um dos participes do crime. No depoimento, ele disse que era garçom e trabalhava como free lancer em vários estabelecimentos em Natal. A Polícia descobriu que um dos restaurantes que o acusado trabalhou foi assaltado recentemente e  investiga se ele teve participação no roubo.

    Nenhum Comentário

    Homem é preso na Chapada do Apodi acusado de abusar sexualmente de duas enteadas adolescentes

    Na tarde dessa quinta-feira (22), o Delegado Renato Oliveira, titular da Delegacia de Polícia Civil da cidade de Apodi, cumpriu um mandado de prisão em desfavor de um homem, de 34 anos, agricultor e residente em uma comunidade rural na Chapada do Apodi. As informações são de O Câmera, via Blog F5 Apodi.

    Segundo a matéria, o mandado de prisão foi expedido pela comarca de Apodi, onde existe um processo. O homem é acusado de abusar sexualmente  duas enteadas adolescentes, com idades de 16 e 17 anos.

    Segundo o Delegado Renato Oliveira, o agricultor abusou sexualmente da mais velha e, por não concordar, a menina abandonou a casa. Assim ele teria passado a forçar a mais nova a ter relações sexuais, e esta não aceitando a situação, procurou a autoridade Polícia para denunciar o abuso.

    O acusado encontra-se detido no Centro de Detenção Provisória (CDP), da cidade de Apodi, a disposição da justiça.

      Nenhum Comentário

      FOTO: Preso acusado de tentar matar Radialista em Caicó/RN apresentou identidade falsa à polícia

      Um dos três homens acusados de tentar matar o radialista Roberto Valdivino de Oliveira, de 48 anos, preso na tarde dessa quarta-feira (09), apresentou uma identidade falsa à Polícia.

      Os presos haviam sido identificados como sendo Francisco Canindé do Nascimento, 45 anos, Francisco Pereira da Silva, 29 anos e Fredson Barbosa Bezerra, 28 anos. Este último, no entanto, trata-se de Paulo Márcio Rodrigues de Araújo (vulgo “Paulinho da Picada”).  Paulo Márcio possui uma extensa ficha criminal sendo acusado de homicídios na região central e oeste do interior do estado.

      PauloPaulo

      Os acusados foram conduzidos até a Delegacia Municipal de Caicó, onde foram autuados por tentativa de homicídio e associação criminosa.

      Francisco Canindé Francisco Pereira

      FOTOS: Polícia Civil prende acusado de assassinar jovem na Zona Norte de Natal

      S6000536Policiais civis da 9ª Delegacia de Polícia prenderam no final da manhã desta sexta-feira (07) o gesseiro Bruno Diógenes da Costa, vulgo “Curupira”, 21 anos. Ele é acusado de ter assassinado o jovem Edilucas Alexandre de Andrade. O crime foi cometido no início da noite do último domingo (02), na Rua Manoel Maria, no Bairro de Nossa Senhora da Apresentação, Zona Norte de Natal.

      S6000539A prisão ocorreu quando os policiais da 9ª DP estavam investigando o crime e flagraram Bruno portando uma arma de fogo calibre 32. Na ocasião do flagrante, Bruno confessou que usou a arma para matar Edilucas, alegando que o fez porque a vítima o ameaçava.

      O delegado Dimas Genuíno encaminhou a arma para exames periciais e deve concluir o Inquérito Policial no prazo legal

        Nenhum Comentário

        FOTO: Polícia Civil prende homem acusado de pedofilia em São Rafael/RN; estupros contra crianças de 8 a 10 anos

        IMG-20140308-WA0022A Polícia Civil de Santana do Matos/RN prendeu nessa sexta-feira (07), um homem identificado como a pessoa de Adevaldo Santos de Oliveira, 30 anos. Ele é acusado de estupros contra crianças de 8 a 10 anos de idade, moradoras da cidade de São Rafael/RN. A prisão teve o apoio da Polícia Militar.

        Segundo o depoimento das crianças, Adevaldo, sob o pretexto de jogar playstation em sua casa, atraía as vítimas para dentro de sua casa e lá forçava-os a manter relações sexuais com o mesmo.

        A Delegada Paoulla Maues, que investiga o caso, informou ainda que as crianças “sequer tinham conhecimento do que era uma relação sexual”, porém em declarações, relataram que  o acusado, utilizando-se de vídeos pornôs, mostrava cenas de sexo às crianças e, posteriormente, mantinha relações sexuais com as mesmas.

        O acusado será encaminhado para o destacamento de polícia militar de São Rafael, onde aguardará vaga do sistema penitenciário.

          Nenhum Comentário

          Preso no RN mais um integrante de quadrilha que aplicava golpes em políticos e empresários

          Policiais civis da Delegacia de Defraudações no RN prenderam, por força de mandado de prisão expedido pela 4ª vara criminal, na tarde dessa segunda-feira (10), Pedro Gustavo Nóbrega de Araújo, 68 anos, acusado de fazer parte de uma quadrilha de estelionatários.

          O grupo agia aplicando golpes em políticos e empresários, a quadrilha utilizava a conta corrente de Pedro para que o dinheiro obtido com os golpes fosse depositado.

          Os outros dois integrantes da quadrilha,  Edilson Genésio da Silva e João Maria Augusto da Silva, já haviam sido presos no mês passado.

          FOTO: Polícia Civil prende acusado de cometer roubos na cidade de Parnamirim

          2014.01.30 - Thales Bernardino GomesPoliciais civis da 1ªDP de Parnamirim, sob o comando do Delegado Genezio Menezes, efetuaram na manhã desta quinta-feira (30) a prisão de Thales Bernardino Gomes, vulgo “Bebeto”,  19 anos, em cumprimento ao mandado de prisão expedido pelo Juízo da 2ª Vara Criminal da Comarca de Parnamirim.

          Thales já havia sido preso em agosto de 2013 por porte de arma de fogo e nos últimos meses estava cometendo roubos na cidade de Parnamirim.

          As vítimas que reconhecerem o preso por outros delitos devem comparecer à 1ªDP de Parnamirim, para prestar declarações.

            Nenhum Comentário

            Preso em SP membro do PCC suspeito de sequestrar ganhadores da Mega-Sena

             Policiais da Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar) prenderam, na noite desta quarta-feira (15), na zona norte de São Paulo, um homem suspeito de ter participado, em dezembro, do sequestro de dois pedreiros ganhadores da Mega-Sena.

            Os irmãos foram sequestrados no dia 23 de outubro do ano passado, no parque Continental 2, em Guarulhos (Grande São Paulo).

            De acordo com a polícia, um deles, de 43 anos, é ganhador de um prêmio da Mega-Sena no valor de R$ 7,8 milhões. A quadrilha exigia R$ 500 mil de resgate. Na madrugada do dia seguinte, a polícia invadiu o cativeiro e libertou os reféns. Um bandido foi preso e outro morto no confronto.

            Segundo a SSP (secretaria de Segurança Pública), Diego Santos, 27, conhecido como “Coringa”, também é suspeito de ordenar os atos de vandalismo que paralisaram a rodovia Fernão Dias, na capital paulista, em outubro. Os casos eram investigados pelo Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais).

            De acordo com reportagem do jornal “Folha de S.Paulo”, “Coringa” é membro da facção criminosa paulista PCC (Primeiro Comando da Capital). Ele foi preso em um bar no bairro Jardim Tremembé.

            No carro do suspeito foram encontrados celulares e um caderno com anotações que, segundo a polícia, remetem à contabilidade do tráfico de drogas no Estado.

            Diego não estava armado e não reagiu a prisão. Na casa do suspeito, em Guarulhos (Grande São Paulo), foram apreendidos uma pistola 9 mm, munições e R$ 6.900, além de outro caderno com mais anotações do crime organizado.

            “Vida vale mais que dinheiro”, diz vencedor

            Os dois pedreiros vítimas de extorsão mediante sequestro foram resgatados do cativeiro na madrugada de segunda-feira (23).

            Os sequestrados foram mantidos no bairro Vila Galvão, em Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo.

            Ao sair do cativeiro, o ganhador da Mega-Sena , que não mudou de hábitos e, mesmo assim, atraiu a atenção da quadrilha, disse que a vida vale mais que dinheiro.

            A operação foi composta por integrantes da Delegacia de Investigações Sobre Facções Criminosas (Patrimônio) e do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), ambos unidades do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic).

            Vinte policiais foram destacados para libertar os reféns dos bandidos. O imóvel foi cercado. Foi quando, de acordo com a polícia, dois integrantes do bando “tentaram furar o cerco atirando”. Saulo Moraes de Araujo, feirante, 25, foi atingido —ele já tinha passagens policiais por roubo e homicídio. Felipe Firmino Torres, marceneiro, 23, acabou detido.

            A polícia ainda apreendeu uma pistola .40 e um revólver calibre 32 – que estavam em poder dos sequestradores. Agora as investigações devem prosseguir. Os policiais não descartam haver outros envolvidos no crime.

            UOL

            Polícia Civil prende acusado de assaltos a loja de eletromóveis em Natal

            A equipe de policiais civis da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur) prendeu nesta segunda -feira (13), no bairro de Pajuçara, Zona Norte de Natal, um jovem identificado como Luanderson Inácio de Souza, de 21 anos, mais conhecido pelo apelido de “Ferrugem”. Ele é acusado de praticar dois assaltos a loja de eletromóveis Maré Mansa, localizadas no centro comercial do bairro do Alecrim e no centro da cidade, crimes ocorridos em outubro e novembro do ano passado.

            De acordo com o delegado Herlânio Cruz, o acusado foi preso por força de um mandado de prisão preventiva após investigações que o apontaram como um dos autores dos referidos roubos. “As vítimas compareceram a Defur, onde reconheceram Ferrugem por fotos dos nossos arquivos”, explicou. Após informações do paradeiro dele, os policiais realizaram campana e conseguiram prende-lo.

            À Polícia Civil, Luanderson Inácio confessou ter cometido apenas um dos dois assaltos, mas foi reconhecido nos dois. Ele também já foi indiciado por um assalto a uma Casa Lotérica na cidade Mossoró/RN. “Nós estamos aprofundando as investigações para saber se o acusado também está envolvido em outros crimes”, concluiu Herlânio Cruz.

            Preso suspeito de matar irmãos gêmeos com golpes de machado e pauladas na Grande Natal

            Um jovem de 22 anos foi preso na madrugada desta sexta-feira (20), no bairro Nazaré, zona Oeste de Natal, na Operação Retorno, da Polícia Civil. Trata-se de André Roberto da Silva, conhecido como Deca, suspeito de envolvimento no assassinato dos irmãos gêmeos Gerson Paulino de Lima e Gilson Paulino de Lima, de 42 anos, crime cometido dentro da casa das vítimas, na comunidade rural de Cajazeiras, em Macaíba, na Grande Natal. O duplo homicídio, inclusive, foi terrível e lembrou cenas de filme de terror, com os homens sendo mortos com golpes de machado e pauladas.

            Segundo a Polícia, o acusado foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Macaíba. Ele é suspeito de matar os irmãos com objetivo de roubar, o que configura o crime de latrocínio (roubo seguido de morte).

            A Operação Retorno foi batizada em alusão à volta do delegado Normando Feitosa para a Delegacia de Polícia Civil de Macaíba, que reassumiu a DP há dois meses depois de um ano na regional de Nova Cruz.

              Nenhum Comentário

              Acusado de matar advogada a pauladas em motel no RN irá a júri popular

              O juiz Ederson Batista de Morais, da comarca de Santo Antônio, julgou procedente denúncia do Ministério Público Estadual e pronunciou o réu Gleyson Alex de Araújo Galvão, acusado de matar a advogada Vanessa Ricarda de Medeiros, de 37 anos, a pauladas, em um motel na cidade de Santo Antônio, no dia 14 de fevereiro de 2013. Com a pronúncia, o réu, policial militar, irá a júri popular.

              De acordo com a denúncia, o PM Gleysson Galvão teria ficado chateado com a recusa da advogada em fazer sexo com ele na frente de uma outra pessoa. Assim, atacou a vítima de surpresa, desferindo pauladas em sua cabeça. Para o MP, ficou evidenciado o motivo fútil, a utilização de meio cruel e a utilização de recurso que dificultou a defesa da vítima como qualificadoras do crime de homicídio.

              Em sua decisão, o magistrado considerou o laudo de exame necroscópico, bem como os depoimentos das testemunhas do fato, que convalidam os argumentos da acusação.

              O juiz Ederson Batista de Morais também manteve a prisão preventiva do réu, considerando informações de que o PM chegou a ameaçar de morte um dos policiais responsáveis por sua prisão, o que revela a necessidade de garantia da ordem pública, face à possibilidade de que ele volte a delinqüir. Também foi considerada a conveniência da instrução criminal, na medida em que o procedimento adotado pelo réu, mesmo diante de policiais armados, demonstra que ele pode chegar a ameaçar as testemunhas do caso.

              TJRN

              Polícia Civil prende em Ponta Negra acusado de roubar vários veículos; com ele foram apreendidos R$ 34 mil

              Policiais Civis da Deprov prenderam na tarde desta sexta feira (13), Stayner Gomes Rodrigues, 24 anos, ele é acusado de roubar vários veículos, dentre eles um Gol da cor branca, ano 2013, tomado de assalto na quarta-feira passada no Cidade Satélite.

              Stayner foi preso na rua campestre, em Ponta Negra. Com ele foram apreendidos 34 mil reais em espécie, além de bolsas, malas, e outros objetos que podem ser provenientes de roubo.

              Neste momento ele encontra-se prestando depoimento na Deprov.

                Nenhum Comentário

                Preso homem acusado estuprar enteada em São Paulo do Potengi

                Por interino

                Policiais civis da 1ª Regional de São Paulo do Potengi-RN prenderam em flagrante no início da tarde desta terça-feira (03) um homem de 26 anos, acusado de estuprar sua própria enteada de sete anos de idade.

                Ele foi flagrado pela sua companheira, mãe da criança, na madrugada de hoje, quando ao se levantar e notar a ausência de seu companheiro no quarto, foi ao quarto da filha e, lá chegando, o presenciou, totalmente despido, em cima de sua filha, que também já estava sem roupa.

                Após ver a mãe da vítima gritar desesperadamente, o acusado levantou-se rapidamente, se vestiu e correu, colocando algumas peças de roupa em uma sacola. Quando acionados, os policiais civis da 1ª DRPC, entraram em diligência e conseguiram prende-lo próximo a uma academia de musculação, já arquitetando sua fuga.

                A vítima foi levada ao hospital Regional de São paulo do Potengi, e lá foi constatada a agressão.

                FOTOS: Homem confessa à Polícia Civil matar vigilante em latrocínio em Natal

                Kessi-Jones-da-Silva-Fraga,O delegado Luiz Lucena, titular do 14º Distrito Policial, ouviu na manhã dessa terça-feira (26) o acusado de praticar um latrocínio contra um vigilante no bairro de Felipe Camarão, próximo à linha férrea, crime ocorrido na manhã do último dia 05 de novembro. Kessi Jones da Silva Fraga, de 21 anos, confessou ter participado do crime para roubar uma moto.

                O acusado havia sido preso na semana passada por policiais da Rocam, no bairro Planalto, de posse de uma arma e de uma moto roubada. As investigações da Polícia Civil apontam Kessi Jones como sendo uma dos autores do latrocínio. Na delegacia, Kessi Jones confessou o crime, mas negou ter efetuado o tiro que matou Paulo Francisco de Oliveira, de 56 anos, que na ocasião reagiu ao assalto.

                “Ele disse que quem deu o tiro na vítima foi o comparsa dele conhecido como Tandinho, que foi morto recentemente na cidade de Macaíba, mas estamos investigando essa versão”, contou o delegado.

                Segundo o delegado Luiz Lucena, a moto roubada da vítima foi vendida ao valor de R$ 500 em Macaíba. “O acusado disse que o dinheiro era para comprar roupa”, detalhou.

                Arma-apreendida-com-Kessi-JCom Kessi Jones foi apreendido um revólver calibre 32, que passará por exame de balística no Itep para saber se foi a mesma usada na morte do vigilante. Outra moto roubada também foi apreendida na residência dele. O delegado afirmou também que outro suspeito do crime está sendo investigado. “Não resta dúvidas que Kessi foi um dos criminosos e por isso iremos solicitar a prisão dele”, concluiu Lucena.

                  2 Comentários

                  1. Rafael Maia disse:

                    Para comprar Cyclone

                  2. Sergio Nogueira disse:

                    Alguém mais percebeu que bandido quando é preso e aparece em foto trara logo de fazer cara de “gato com fome”? Quando estão nas ruas são verdadeiros leões, matam sem qualquer piedade, mas quando a Policia pega… Deve ser para dar argumento aos defensores dos Direitos Humanos, que como sabemos, só bandido tem.

                  Acusado de matar empresário em frente a Promater é condenado a 23 anos

                   O juiz José Armando Ponte Dias Junior, da 7ª Vara Criminal de Natal, condenou Christian Quintiliano da Fonseca, acusado de cometer o crime de latrocínio que culminou com a morte de Claudiomar Pereira de Souza, empresário de 60 anos, em junho deste ano, de frente a Promater, a uma pena de 23 anos de reclusão e 160 dias-multa em razão de ser o réu menor de vinte e um anos à data dos fatos.

                  O réu deverá cumprir a pena privativa de liberdade em estabelecimento prisional adequado, inicialmente em regime fechado. Foi negado ao acusado o direito de recorrer em liberdade, haja vista que persistem inalterados os motivos que deram motivo à decretação da sua prisão preventiva, motivos esses que ganham significativo reforço com a condenação.

                  Narra a denúncia do Ministério Público que o acusado, em 21 de junho de 2013, em frente ao Hospital Promater, em Natal, agindo em coautoria com um adolescente, subtraiu da vítima Claudiomar Pereira de Souza um veículo Mitsubish L200, tendo a vítima, por ocasião da subtração, e mesmo sem esboçar qualquer tipo de reação, sido alvejada por um tiro de arma de fogo disparado pelo adolescente, vindo a óbito.

                  A defesa do acusado pleiteou pela nulidade da audiência de instrução em que foram ouvidas as testemunhas arroladas na denúncia, por haver sido realizada sem a presença do réu, requerendo, no mérito, a absolvição do réu por falta de provas suficientes à condenação. Requereu ainda a instauração de incidente de insanidade mental em favor do réu.

                  Análise judicial do caso

                  Inicialmente, o juiz não vislumbrou a menor necessidade de instauração de incidente de insanidade mental em benefício do acusado, uma vez que o mesmo, quando ouvido em Juízo, nada fez ou disse que pudesse ao menos suscitar a hipótese de que seria, ao tempo do crime, acometido de doença mental que pudesse lhe ofuscar o entendimento acerca do caráter lícito ou ilícito de suas atitudes.

                  José Armando enfatizou que a materialidade ficou devidamente provada nos depoimentos testemunhais, pelo próprio Auto de Prisão em Flagrante Delito, e ainda pelo Auto de Exibição e Apreensão do veículo da vítima e da arma de fogo utilizada no crime, Auto esse anexado aos autos, bem como pelo Laudo de Vistoria do Veículo e seguintes e pelo Termo de Entrega, onde consta que foi devolvido à família o veículo recuperado por ocasião da prisão em flagrante do réu.

                  Com relação à autoria, considerou que os depoimentos testemunhais colhidos na instrução processual, não diferentes entre si, não deixam dúvidas de que o acusado foi um dos autores do roubo ao veículo da vítima, roubo esse, aliás, praticado no momento em que a vítima estava com seu carro estacionado em via pública, de frente ao Hospital Promater, em Natal, por volta das 13h30.

                  TJRN

                  “Bulldog”, preso acusado de atear fogo e matar morador de rua em Natal confessa ter assassinado mais um

                  moradorderuaFoto: Divulgação Polícia Civil

                  Preso na manhã desta quinta-feira (14), Márcio Alexandre dos Santos Leite, conhecido por “Bulldog”, acusado de atear fogo e matar um morador de rua identificada como Denilson Gomes da Silva, de 28 anos, no mês de julho deste ano, na zona sul de Natal, acabou surpreendendo a todos e confessando o assassinato de mais um morador de rua no mês de março, em motivação e características não reveladas.

                  No último homicídio, o mais aterrorizante, “Bulldog”, que tem um mandado de prisão em aberto pelo crime de furto, alegou ter ateado fogo e matado Denilson Gomes por vingança, pois teria sofrido uma tentativa de homicídio por parte da vítima dias antes.

                  No dia do crime, Denilson Gomes da Silva foi atacado por volta das 5h, quando a movimentação na via pública, próximo a Avenida Engenheiro Roberto Freire era mínima. Ele ainda chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), com 90% de queimaduras pelo corpo, mas não resistiu a gravidade do quadro, morrendo quatro dias depois.

                    Nenhum Comentário

                    Carregar Mais Posts