Caminhão

Prefeito de Extremoz repudia construção de presídio e CEDUC no município de Ceará-Mirim

6u67i67i43i46i66iEm entrevista ao jornalista Salatiel de Souza, no programa Balanço Geral, da TV Tropical, no início da tarde desta quarta-feira, 1º de abril, o prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo, repudiou com veemência a possibilidade de construção de uma penitenciária e de um CEDUC (Centro Educacional de Menores Infratores) na cidade de Ceará-Mirim. A preocupação de Klauss é compartilhada por oito prefeitos da região, inclusive o do município escolhido para ser o anfitrião do projeto do governador Robinson Faria.

“Já fomos penalizados durante muito tempo com a permanência da penitenciária João Chaves nas proximidades de municípios com inegável vocação turística. E agora, que temos um aeroporto internacional em São Gonçalo e infraestrutura para dinamizar nossa vocação turística querem nos impingir isso. Penitenciária de novo?” Perguntou Klauss Rêgo.

O prefeito também informou que na segunda-feira, 06, oito prefeitos da região irão entregar nota de repúdio a construção da penitenciária em Ceará-Mirim ao presidente da Assembleia Legislativa. “Não precisamos de penitenciaria numa região turística. Precisamos, sim, de um centro de convenções, de estradas e de mais recursos para urbanização e modernização dos nossos destinos para dar emprego ao nosso povo”, enfatizou o prefeito.

Lagoa de Extremoz

O prefeito também falou sobre a distribuição da água da Lagoa de Extremoz. “Setenta por cento da Zona Norte de Natal e o município de Ceará-Mirim são abastecidos pela Lagoa de Extremoz. Água, que por sinal, precisa de tratamento da CAERN”, revelou o prefeito Klauss. “Já o município de Extremoz é abastecido por meio de poços”, completou.

Com relação à drenagem e saneamento da Redinha Nova o prefeito disse que estava sendo feito um estudo geral daquela praia. “É preciso fazer a drenagem e também a pavimentação. Estamos buscando recursos para isso”, disse. “Quando chove fica tudo alagado, mas existem muitas construções irregulares, até em ruas. Estamos abrindo bueiros e fazendo toda a topografia do lugar”, informou.

Com relação à buraqueira existente na Avenida Litorânea o prefeito informou que se tratava de uma RN, portanto sob a responsabilidade do Governo do Estado. “A CAERN prometeu sanear toda a área e isto ainda não aconteceu totalmente, deixando a estrada esburacada. Uma pena, porque por ela passam muitos turistas”, lamentou.

Concursados

Sobre o chamamento das pessoas aprovadas em concursos públicos da Prefeitura de Extremoz, Klauss disse que todas as que foram aprovadas foram chamadas.

O prefeito falou ainda sobre o pleno funcionamento das creches de Extremoz e da reforma de todas as escolas municipais que estão recebendo ar-condicionado em todas as salas e diretorias.

enviar comentário

Circuito Estadual de Exposições Agropecuárias terá 14 eventos regionais em 2015

RobinsonFoto: Demis Roussos

O governador Robinson Faria lançou nesta quarta-feira, 1º de abril, o Calendário do Circuito Estadual de Exposições Agropecuárias de 2015. O Circuito reúne os principais eventos do setor no Rio Grande do Norte e vai fomentar e incentivar as atividades ligadas à agricultura, pecuária e pesca em todas as regiões do Estado.

O lançamento aconteceu no Parque de Exposições Aristófanes Fernandes, em Parnamirim, e reuniu centenas de produtores rurais. “O nosso governo atravessa um momento financeiro difícil, mas faz sua parte para fortalecer e apoiar o agronegócio. Estas feiras vão gerar receitas de mais de R$ 200 milhões”, afirmou Robinson Faria, acrescentando que em apenas 90 dias a atual gestão dobrou a oferta do programa Banco de Sementes do RN que investiu quase R$ 5 milhões.

Ele também destacou que nos primeiros três meses o Governo recuperou o programa Garantia Safra com o aporte de R$ 2 milhões em recursos próprios e reiniciou as obras da Barragem de Oiticica no município de Jucurutu – que vai mais do que dobrar a capacidade de armazenamento de água na região Seridó – e a reestruturação do Programa do Leite. “Isso mostra a importância que o Governo dá ao setor”, enfatizou.

Ainda no lançamento. o governador Robinson Faria fez a entrega de seis veículos novos para o Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária (IDIARN) reestruturar a fiscalização e as ações técnicas em Natal, Pau dos Ferros, Caicó, Assu e Mossoró. Os veículos foram adquiridos através de convênio do Governo do Estado com o Ministério da Agricultura.

Este ano serão 14 exposições que vão reunir grandes, médios e pequenos produtores: Exposição de Caprinos e Ovinos do Potengi e Feirão do Pronaf, em São Paulo do Potengi, Exposição Pecuária do Seridó, em Caicó, Arraiá do Interior, Festa do Leite e Feira dos Municípios, em Parnamirim, Caprifeira em Coronel Ezequiel, Exponovos, em Currais Novos, Caprifeira de Afonso Bezerra, Festa do Bode, Exposição de Caprinos, Ovinos e Bovinos do Oeste Potiguar e 1ª Feira da Agricultura Familiar em Mossoró, Torneio de Cabras Leiteiras do Litoral Agreste, em São José do Mipibu, Exposição da Região Central, em Lajes, Torneio Leiteiro de Bovinos, Caprinos e Feira de Agronegócio, em Acari, Festa do Boi, em Parnamirim, Oeste Leite – Exposição de animais e torneio leiteiro, em Apodi, Feira Agropecuária do Seridó, em Jardim do Seridó e a Festa do Caju e Exposição Agropecuária de Jaçanã, em Jaçanã.

O evento contou com a presença da diretoria da Associação Norte Riograndense de Criadores (Anorc) e das associações de criadores de gado ovino, caprino e de eqüinos. Das associações ligadas à agricultura e à pesca, representantes dos Ministérios da Agricultura, Woden Madruga. Superintendentes do BNB, José Mendes Batista, do Banco do Brasil, Rodrigo Líbero, do Sebrae, Zeca Melo, do prefeito de Mossoró e presidente da Federação dos Municípios do RN, Francisco José da Silveira Junior, do deputado federal Beto Rosado, deputados estaduais Disson Lisboa, Galeno Torquato, José Adécio, Souza, George Soares, Carlos Augusto Maia, Gustavo Carvalho e do presidente da Fiern, Amaro Sales.

enviar comentário

Serviço de manutenção de drenagem nas ruas de Natal prossegue nesta quarta-feira

Nesta quarta-feira (01), a Prefeitura do Natal, por intermédio da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semov), continua o seu calendário de serviços da Operação tapa buraco nas quatro regiões da cidade. Os trabalhos tocados pela equipe da secretaria de Obras são de manutenção da drenagem e colocação de paralelepípedos.

De acordo com o secretário adjunto de Conservação da Semov, Walter Fernandes Neto, os serviços desta quarta-feira estão concentrados nos bairros de Nova Natal, Vale Dourado, Bom Pastor, Candelária, Lagoa Nova, Pajuçara, Rocas e Felipe Camarão. “A colocação de novos paralelepípedos está sendo feita nos bairros de Nova Natal, Vale Dourado, Bom Pastor, Candelária e Lagoa Nova. A manutenção da rede de drenagem está no Pajuçara, Rocas e em Felipe Camarão”, ressaltou.

Ainda segundo o responsável pelo setor de Conservação, o mês de abril deverá ser de grande trabalho para as equipes da Semov por conta do início da temporada chuvosa em Natal. “Março teve dias de forte chuva, mas mesmo assim, conseguimos finalizar o mês com mais de 100 ruas visitadas pela Operação tapa buraco. Agora em abril, começa verdadeiramente a temporada de chuvas. Por isso, a nossa equipe está correndo contra o tempo para acelerar e finalizar os trabalhos no maior número de ruas”, comentou Walter Fernandes.

Serviços desta quarta-feira

Paralelepípedo

Zona Norte

Rua Araruna – Nova Natal
Av. Santarém – Vale Dourado – Manutenção de calhas

Zona Oeste

Av. Miguel Castro – Bom Pastor

Zona Sul

Av. do Sol – Candelária
Av. Rui Barbosa – Lagoa Nova

Drenagem

Av. dos Imigrantes com a Carneiro Ribeiro – Pajuçara
Calçada do Mercado das Rocas – Rocas
Rua São José – Felipe Camarão

enviar comentário

Pobreza afeta desenvolvimento do cérebro, diz estudo

Electric Thoughts
Crianças de famílias mais ricas e de pais mais escolarizados têm cérebros maiores e mais habilidades mentais que crianças de famílias pobres, aponta estudo divulgado no site Daily News. Apesar da diferença, políticas sociais e estudos podem acabar com a desigualdade e fazer com o desenvolvimento seja o mesmo.

As principais diferenças foram encontradas nas regiões do cérebro responsáveis pela linguagem e pela leitura, seguidas da região da memória e da tomada de decisões, explica Elizabeth Sowell, coautora do estudo da Universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos.

— O impacto foi muito significante em termos da maneira como o cérebro dessas crianças está funcionando. Descobrimos que a condição social da família afeta o desenvolvimento cognitivo da criança.

O estudo ressalta a necessidade de proporcionar melhores condições para as crianças de baixa renda, com melhor qualidade no almoço dos pequenos, professores motivadores do desenvolvimento e programas educacionais que motivem o estudo.

— Não é tarde para pensar como impactar as fontes que podem contribuir com o desenvolvimento infantil.

No estudo, Sowell e sua equipe entrevistaram 1.099 crianças de três a 20 anos, de diferentes regiões e grupos. Eles compararam o estudo e a renda dos pais com a superfície do cérebro da criança através de tomografias e testes psicológicos.

— Faz sentido que crianças que cresceram em melhores condições de vida tenham melhor desenvolvimento cerebral e consigam evoluir mais, mas isso não significa que a criança que não possui tantos recursos está fadada ao não desenvolvimento. O estudo só reforça a necessidade de diminuir cada vez mais a desigualdade.

R7

enviar comentário