Publicidade

Elevadores do hospital Ruy Pereira quebram e cirurgias são suspensas

Todas as cirurgias foram suspensas nesta segunda-feira (17) no Hospital Estadual Dr. Ruy Pereira dos Santos. O motivo é o elevador que está quebrado desde domingo (16). Os pacientes em macas não têm como chegar ao centro cirúrgico, que fica no 2° andar do hospital. Alguns pacientes menos graves estão sendo carregados pelas escadas pelos maqueiros.

A falta do elevador também afetou outros setores, como a rouparia e a nutrição. Acompanhantes estão descendo para buscar as roupas de cama e a alimentação está sendo transportada pelas escadas em várias viagens.

Além disso, o hospital está sem energia em vários setores desde o dia 12 de abril, como a sala de repouso da enfermagem e a farmácia.

Para a servidora Edileuma Maia, da Comissão de Base, o cenário do hospital é de guerra. “Quando cheguei nesta segunda para trabalhar parecia um verdadeiro campo de concentração. O Ruy Pereira está um caos e quem sofre somos nós, os servidores e a população”, disse Edileuma.

O Sindsaúde tentou contato com a direção do hospital, sem sucesso. A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) está ciente do caso.

Com informações do Sindsaúde-RN

enviar comentário
Publicidade