Publicidade

Petrobras dá “RT” em piada com Temer, mas apaga quando vê que a gozação era com a Dilma

Acompanhem o episódio, que retrata num gesto aparentemente bobo toda a dimensão da estupidez deste governo. Vamos lá: 1 – o internauta Yashá Gallazzi, famoso por seus tuítes contra Dilma (e também contrários à culinária italiana, ao Flamengo e ao conjunto Roupa Nova, vai entender…) faz uma piada, o que é seu costume; 2 – O perfil oficial da Petrobras, em vez de lidar com a comunicação da empresa para o interesse nacional, dá um “RT” na piada, pois pensava que seria uma gozação com o Temer; 3 – Várias outras figurinhas mais do que carimbadas do petismo 2.0 também fazem isso; 4 – A piada era no fim das contas com a Dilma, e todos apagam O “RT”.

Vejamos os “prints” desse momento de ouro na história da comunicação corporativa estatal:

11111111 222222

Destaque para o “não reconhecemos como oficial” o RT que de fato deram. Como é isso? Foi um retuíte “extra-oficial”? O “RT não-canônico”? Haja… Mas sigamos.

Por que isso é importante? Ou melhor, porque a desimportância do episódio ainda assim nos mostra algo interessante? Porque revela o método do petismo quando ele invade funções públicas e até empresas estatais.

Uma coisa são as “pessoas físicas” de petistas, outra são os perfis corporativos, cuja função DEVERIA ser suprapartidária e voltada a todos. Mas nada disso: o aparelhamento é total.

E quando ele chega até mesmo a perfis de twitter de empresas públicas, especialmente empresas com histórico recente de casos gravíssimos de corrupção, aí já pode dar um beijo na viúva da ética. Está mesmo tudo dominado.

Este é um governo patético. E pateta.

Implicante

Comentários (7) enviar comentário
  1. Eduardo Andrade disse:

    Asclepíades, eu conheço funcionário da Petrobras que é capaz de morrer pelo PT, pode parecer incrível, mas é verdade!

  2. Frede disse:

    house of cards na netflix todinho….igualzinho. Os ratos são os primeiros a abandonar o navio.

  3. Carvalho disse:

    Os brasileiros de bem têm que se livrar desse governo asqueroso e maldito do PT, que destruiu a economias do país, aumentou a inflação, entre outras desgraças.
    As principais marcas do governo PTista são as más práticas na política, a mentira, a enganação, a corrupção, a incompetência, a maquiagem, a manipulação e o apoio a ditaduras de esquerda pelo mundo afora.
    O Brasil não merece esse flagelo.

  4. Asclepíades disse:

    Depois do PT praticamente destruir a petrobras, desviando recursos, manipulando a contabilidade, mascarando o pré sal e dando incentivo, atrás de incentivo aos funcionários, o PT ainda é defendido por eles, que ficam na cota dos necessitados funcionais do PT.
    Porém, vamos combinar, não venham dizer que depois que tudo que é PROVADO, dos MILIONÁRIOS do PT, vocês continuem achando que os MILHÕES de situações expostas e baseadas com provas, não passa de "coisa da mídia golpista". Se assim pesam, que tal um profundo exame mental, vão se consultar com psiquiatras e se tratar, pois a mente não é mais sã.

    • IB disse:

      Quem destruiu a Petrobras foi Sergio Moro e sua empreitada irresponsavel para destruir o setor de petroleo e construção nacional e entregalo a empresas estrangeiras!

    • Joao disse:

      Quem destruiu a petrobras foi o PT, a CUT e os petroleiros cumplices. A empresa pertence ao povo que gastaram seu suor para bancar uma Estatal atraves do preço de combustiveis inflados. Nunca uma investigacao de roubo ou gatunagem poderia ser considerada algo ruim. O Juiz fez seu honrado trabalho. Meu caro, va para pampuda. Hoje é melhor nao ter empresas estatais para evitar o emparelhamento corrupto de certos partidos, tais como o PT.

    • SURPRESO disse:

      Eu me recuso a acreditar que vi um comentário como esse do tal IB…PQP!

Publicidade