Com Segóvia na Polícia Federal, Temer não precisa de advogado

O inquérito ainda não foi concluído. Uma vez que seja, caberá à Procuradoria Geral da República pedir ou não o seu arquivamento ao Supremo Tribunal Federal (STF). Mas o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, não quis nem saber.

Em entrevista à agência de notícias Reuters, Segovia afirmou que não há indícios de que o decreto dos Portos sancionado pelo presidente Michel Temer beneficiou a empresa Rodrimar. Essa é a única investigação que resta contra Temer no STF.

Nomeado para o cargo por recomendação do ex-senador José Sarney, do senador Renan Calheiros e de outros caciques do PMDB de Temer, Segóvia fez mais. Admitiu que poderá ser punido o delegado Cleyber Malta Lopes, o encarregado do inquérito.

Esta é a segunda vez desde que assumiu o cargo em novembro último que Segóvia manda às favas todos os escrúpulos e sal publicamente em defesa de Temer. Antes, ele já criticara o relatório da Polícia Federal que afirmou que Temer era suspeito de ter recebido propina do Grupo J&F.

Espera-se para hoje uma nota da Associação dos Delegados da Polícia Federal a respeito da mais nova tentativa de Segóvia de interferir em investigações para beneficiar Temer.

 

Noblat

Publicidade

Comentários:

  1. Amigo disse:

    Sem condições de permanecer no cargo e na polícia federal.

  2. Ana disse:

    Isso é uma vergonha pra polícia Federal. Se apequenou diante de um grande corrupto. Quem poderá nos salvar, se até chapolim foi pra Globo.

  3. Romualdo disse:

    Normal, tudo como antes do PT que não havia corrupção.

  4. Ferreira disse:

    Segóvia na Polícia Federal, Alexandre Morais no STF, Raquel Dodge na Procuradoria Federal de Justiça, Ministro da Justiça, Torquato Jardim…
    Marun e Cristhiane Jefferson no Ministério…
    Processos de Serra e Jucá arquivados por prescrição, mulher de Cunha absolvida, devolução do helicoca ao Senador do PSDB Zezé Perrella, amigo de Aécio Neves, liberação de Gedel para prisão domiciliar, soltura de Cavendich e Henrique Alves em um dos seus processos…
    Romero Jucá disse realmente tudo:"PRECISAMOS TIRAR A DILMA. TÁ TUDO COMBINADO COM OS MILITARES E O STF. A SANGRIA PRECISA SER ESTANCADA!"

  5. Roberto disse:

    Isso é obstrução da justiça, num país sério esse lixo já tava preso.

  6. Ronaldo Souza disse:

    Pr isso foi nomeado!!!…alguma duvida disso ???…País da vergonha publica e clara. Nao se esconde mais os acordos vergonhosos de impunidades a caciques

  7. Rafael disse:

    "Um grande acordo.."