Feliz com o que vê no espelho, potiguar Cacau, do “BBB16”, diz sofrer com gordofobia

Ela emagreceu muito. Pulou do manequim 44 para 38, mas Maria Claudia Macedo, a Cacau do “BBB16”, volta e meia é vítima da gordofobia – preconceito ou intolerância contra pessoas gordas. É só a ex- sister colocar uma foto de lingerie ou de roupa de praia nas redes sociais, que chovem comentários maldosos sobre a sua forma física.

“Sempre fui gordinha, sempre tive problemas com a balança e, hoje, eu tenho uma relação diferente com meu corpo, com a minha imagem. Gosto do que vejo no espelho. Não vou mentir que me incomoda os comentários, mas eu relevo porque são mais elogios do que críticas ou xingamentos. As pessoas torcem por mim”, conta a potiguar de 21 anos.

Cacau, que viveu o “efeito sanfona” dentro do confinamento, não esconde de ninguém que fez lipoaspiração, colocou silicone nos seios, entre outros inúmeros procedimentos estéticos, tudo aliado a certeira combinação de dieta com exercícios físicos.

“Já tive um momento mais magra, mais focada. Dei uma relaxada e agora estou voltando a dieta e a malhação. Faço isso para melhorar a saúde e por ordem na mente e no corpo e não como reflexo de um espelho”, explica a youtuber.

Ela ainda comentou a carreira de modelo pluz size da também ex-BBB Fani Pacheco. “Achei corajoso da parte dela. Só que não quero estar em nenhum padrão”, compara.

Com um pouco mais dois milhões de seguidores no Instagram – antes de entrar no reality show era 50 mil — Cacau se orgulha de estar entre as cinco ex-BBBs mais populares. “Não existe uma receita ou uma dica. Acredito que o povo que me segue, segue por que vê a minha sinceridade, o meu respeito e o meu carinho. Tenho uma relação de amizade com o público.”

E é graças a essa relação que Cacau também é uma digital fluencer e que consegue se manter com os trabalhos de campanhas publicitárias e presenças vips. “Sou muito grata ao ‘BBB’. Acho que segundo lugar até merecia um prêmio maior, mas o que o programa me trouxe não tem como calcular. Eu sempre tive mais ambições profissionais que financeiras e graças a Deus me sinto realizada com meu trabalho”, diz.

Apesar de ter uma equipe para cuidar de agenda e contratos, Cacau assume ser um pouco controladora e que gosta de saber de todos os detalhes. “Eu avalio e participo de tudo e por mais que legal que seja o trabalho, por mais lucrativo, se não bater não faço. Tenho esse cuidado porque é o meu nome que vai estar em jogo e eu não posso colocar qualquer coisa para os meus seguidores.”

Solteira desde que terminou o namoro de quatro meses com Edilson Junior, prefeito do município de Sítio Novo, no Rio Grande do Norte, no início de novembro, Cacau diz que no momento o coração está fechado e o foco é outro. “Recebi uma proposta muito boa de trabalho, de uma emissora de televisão de Natal. Estou aguardando a resposta e o foco agora é profissional [risos]. Tenho certeza que 2018 vai começar muito bem”, anuncia a moça.

UOL

 

Publicidade

Comentários:

  1. mito disse:

    Eita que o mimimi dá mídia. semana passada foi a de Thais Araújo, a gora uma sumida aparece…. ô mimi pra vender revista.

  2. Ana disse:

    Há meu papa capim!!!!

  3. ADIPOSOPLUS disse:

    Nesta onda do politicamente correto , está precisando da expressão “FRESCUROFOBIA ”!