Juiz critica casta do funcionalismo: “Quase 400 ganham igual a ministro do STF no Fisco”

Em meio à crise e à convocação dos poderes para dar sua contribuição para solução fiscal do Rio Grande do Norte, o juiz Henrique Baltazar utilizou sua conta no Facebook para ilustrar a disparidade de salários dentro do próprio Executivo, que enfrenta dificuldadades para quitar salários e de onde partem críticas sobre a responsabilidade dos demais órgãos do RN.

“O fato de sermos solidários aos policiais que não estão recebendo os salários em dia (por incompetência gerencial do Poder Executivo) não significa que devemos aceitar mentiras”, escreveu Baltazar.

Em sua postagem, ele ilustrou uma comparação que expõe as ilhas de excelência do serviço público estadual.

“Na Polícia Civil do RN 16 delegados ganham igual a ministros do STF (e isso porque é aplicado o redutor, que extirpa a parte do salário que passaria do dos ministros) e outros 14 ganham entre 30 e 33 mil”, anotou ele, registrando que os dados são do Portal da Transparência, antes de apontar para o Fisco.

“No Fisco estadual do RN quase 400 (quatrocentos) servidores ganharam igual a ministro do STF (e como eles ganham mais que isso, é aplicado um redutor, ficando os rendimentos iguais aos dos ministros)”, escreveu ainda Baltazar, que também traçou o comparativo do Tribunal de Justiça.

“No TJRN, que tem mais servidores que o Fisco, foram apenas 16 (quase todos desembargadores e não juízes) que ganharam igual a ministro. Gostaria que todos os servidores públicos ganhassem igual aos do Fisco, mas isso é impossível. Porém, sejamos justos nas críticas”, criticou Baltazar.

Publicidade

Comentários:

  1. Jonas Carvalho da Silva disse:

    Esses absurdos sobre pagamentos de salários e vantagens pagas a servidores de algumas classes favorecidas do Estado, não é novidade nenhuma e, isto tem que acabar a partir de uma canetada ou de outra form, que não acho das melhores.
    Só queria que alguém me disse se o pessoal da Receita, Delegados e o alto comando da estão ou não com seus salários em dia?
    Estão todos muito caladinhos.
    O pessoal da magistratura, MPE e TCE esses não são são servidores, são os donos do Poder e, por assim ser não falta dinheiro pra eles.
    Só gostarias que as grandes empresas de mídia local fizesse uma matéria nesse sentido.

  2. Maciel disse:

    Recado ao Juiz:
    Amigo, poste aqui nos comentários o print de seu último contracheque!

  3. José disse:

    Engraçado o nobre juiz "esquecer" dos penduricalhos do seu próprio contracheque e de seus pares. No Poder Executivo o subteto é cumprido e não é salário de Ministro do STF, e sim do Desembargador. Comparar "apenas" o subsídio do juiz ou do promotor é omitir os valores que representam acréscimos líquidos significativos (mais de mil Reais de aux. alimentação, mais de 4 mil Reais de aux. moradia, remuneração extra por plantão judicial ou por acúmulo de comarca, venda de férias e licenças…). Também esqueceu de contar aos seus leitores que juízes (assim como promotores e procuradores do MP) têm 2 meses de férias anuais, mais 15 dias de recesso natalino…Pelo que eu sei, é o Fisco do RN quem está dando show de eficiência na arrecadação de tributos da competência estadual. Já o TJRN tem deixado a desejar neste quesito!

  4. Hilton Macedo disse:

    Ontem sóbrio, qdo postei mensagens aqui, hoje ébrio volto a escrever. Hoje um dos maiores problemas nas relações pessoais é o ser humano emitir opinião num assunto q não entende. Deus foi generoso com o magistrado Dr. Henrique Baltazar, imagine se ele tivesse caminhado para medicina como médico cirurgião de hospital de emergência, decerto teria mandado muitos para a grande viagem mais cedo.

    • Santiago disse:

      O Sr. Hilton está firmando que o tal do desembargador se fosse médico, mataria um monte de gente. Ou seja, seria incompetente mesmo tendo conhecimentos médicos. O que temos que ter uma revolução armada para acabar com essa farra do dinheiro público que esses poderosos sanguessugas esvaziam dos cofres públicos.

  5. Celia disse:

    Vergonha. Vem falar do Fisco lá os técnicos ganham muito mal. Agora a justica bando que só olham para eles. Salários alto e recebem as venda de férias. Licença prêmio. Recebe ajuda casa. Paletó. Plano de saúde. Remédios. E Junto TC RN. Tudo caladinhos. Odioo de tanta safadezas.

  6. Pedro Eneas disse:

    Salários de 100, 150 e 200 mil para um servidor público está errado. Seja ele quem for. Pode ser até "legal" dentro das regras estabelecidas, mas sem sombra de dúvida é imoral diante do quadro atual do país.
    De fato há má gestão do Executivo, privilégios mil no Judiciário e pouca resolutibilidade do Legistativo. Fatos irremovíveis.
    Não esquecemos, contudo, que a iniciativa privada ou mercado não são um poço de candura nesse país. Não nos esqueçamos das sonegações de impostos, de que se há corruptos há também corruptores e que estelionato é crime não praticado pelo Estado e sim pessoas físicas.
    Em todo ramo existem os péssimos e os ótimos. Demonizar não resolve. Diagnosticar o problema e propor soluções conjuntas sim. Ninguém é dono da verdade, mas todos podem se agregar em busca de resoluções.
    Estou humildemente dizendo essas poucas palavras para lembrar que faz 500 anos que elegemos um culpado por nossas mazelas e esquecemos que se todos nós não fizermos concessões aos nossos "luxos" e pensarmos como nação e no que queremos ser no mundo essa discussão se arrastará por mais 500 anos sem mudanças.
    Utopia? Pode ser. Mas o que seria do mundo se só existisse a realidade…

  7. Sergio Macêdo disse:

    No fisco, assim como todo servidor do executivo, o teto salarial (em fim de carreira) é o subsidio do Desembargador (30.471,00). Ninguém ganha mais que isso como aduz o Juiz em sua tentativa de desvio de foco. Outra diferença é que no fisco se TRABALHA…E MUITO!!!!!!

  8. Desalentado disse:

    Tentou desviar o foco, realmente há salários altos no executivo, CONTUDO o grosso do absurdo se encontra noutros poderes, seja em forma de salários ou "penduricalhos"( recesso além das férias, gratificações).
    Qualquer nível médio de outro poder que não executivo, ganha mais que superior do executivo. Aliás, só o Auxílio alimentação destes poderes é quase 300 reais acima do salário mínimo, que é o VENCIMENTO de muitos de nível fundamental do EXECUTIVO Estadual.
    Se for falar do IMORAL auxílio-moradia, do recebimento retroativo, vira textão.
    Pelos outros comentários abaixo, a conversinha não colou.

  9. A favor do Brasil disse:

    Pelo visto tem Juiz DESESPERADO com o foco que eles, com seus altos salários SEM TETO QUE SEGURE, tem tido e que tanto repercute no quadro que tem "ajudado" a sufocar as finanças do Estado, em especial quanto ao salário do executivo estadual! Mas querer tirar o foco de si simplesmente distorcendo a verdade e querendo igualar algumas carreiras ao que ocorre no TJRN É UMA VERGONHA E UMA AFRONTA A INTELIGÊNCIA DO POVO NORTE RIOGRANDENSE que só tende a voltar contra ele próprio e seus pares.

    Primeiro que o Executivo não deixa ninguém receber acima do Teto Salarial existente. Ou seja, no Executivo SE RESPEITA o teto a que está submetido!
    Segundo que apenas no final de carreira é que se recebe um salário melhor, MAS NUNCA acima do Teto Salarial.
    Terceiro que o Teto do Executivo NUNCA foi igual ao teto de Ministro do STF! NUNCA, ou seja, falando inverdades para enganar a sociedade.
    E por fim, só para reforçar, NÃO EXISTE AUXÍLIO DE QUALQUER NATUREZA CRIADO somente para "burlar" o limite salarial E, AINDA MAIS, FAZENDO-SE IRREGULARMENTE SER RETROAGIDO HÁ VÁRIOS ANOS para beneficiar uma única carreira do Estado, JUSTAMENTE no momento de grave crise financeira por que passa este mesmo Estado.

    Seria melhor não ter feito comentário tão absurdo e calunioso. Prestaria melhor favor ao próprio TJ.

  10. Luiz Fernando disse:

    Pelo menos no Fisco se faz alguma coisa.

  11. Olavo disse:

    Quem ganha pior é quem serve a população pobre: Saúde e educação

  12. Sincero disse:

    Exemplo simples tirado da folha agora.
    Juiz substituto (cargo de entrada) – subsidio 24.818,91 + verbas "indenizatorias" 6.277,73 + adicional de substituicao 2.681,26 = total 33.777,90

    E isso é o que ganha um SUBSTITUTO que acabou de entrar no cargo…
    Verbas indenizatorias criadas a rodo so para inflar as remuneracoes. Fora as regalias: carro do tribunal, motorista, copeira, cafezinho, estrutura para trabalho. Trabalho TQQ (tercas quartas e quintas) + 2 meses de ferias + 20 dias de recesso + 2/3 de férias. E por ai vai…
    O judiciario nao tem moralidade pra falar de ninguem.

  13. JMB2018 disse:

    Né só o fisco, tem A DEFENSORIA PÚBLICA, A PROCURADORIA DO ESTADO e OS CONSELHEIROS DO TRIBUNAL DE CONTAS, que ganham muito quase uns CARMEN LÚCIA POTIGUARES. Muita gente com status financeiro de PRESIDENTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. O MAGISTRADO ACERTOU!!!!!!!! AS CRÍTICAS NÃO SÃO JUSTAS!!!!

  14. Alexandre Magno disse:

    Concordo com o juiz mas e é bom da uma olhada pra dentro da justiça e ver tamb em os super salários e mordomias que vcs tem

  15. Ana disse:

    Essa discussão tá massa, quem mais que o outro, quem recebe mais penduricalho que o outro, quem tem ou não moral pra falar mal do outro por está no mesmo rolo. Enquanto isso, os pobres mortais da saúde, educação, UERN, polícia estao lutando pra sobreviver com um salário miserável. É difícil entender a humanidade

  16. A favor do Brasil disse:

    Pelo visto tem Juiz DESESPERADO com o foco que eles, com seus altos salários SEM TETO QUE SEGURE, tem tido e que tanto repercute no quadro que tem "ajudado" a sufocar as finanças do Estado, em especial quanto ao salário do executivo estadual! Mas querer tirar o foco de si simplesmente distorcendo a verdade e querendo igualar algumas carreiras ao que ocorre no TJRN É UMA VERGONHA E UMA AFRONTA A INTELIGÊNCIA DO POVO NORTE RIOGRANDENSE que só tende a voltar contra ele próprio e seus pares.

    Primeiro que o Executivo não deixa ninguém receber acima do Teto Salarial existente. Ou seja, no Executivo SE RESPEITA o teto a que está submetido!
    Segundo que apenas no final de carreira é que se recebe um salário melhor, MAS NUNCA acima do Teto Salarial.
    Terceiro que o Teto do Executivo NUNCA foi igual ao teto de Ministro do STF! NUNCA, ou seja, falando inverdades para enganar a sociedade.
    E por fim, só para reforçar, NÃO EXISTE AUXÍLIO DE QUALQUER NATUREZA CRIADO somente para "burlar" o limite salarial E, AINDA MAIS, FAZENDO-SE IRREGULARMENTE SER RETROAGIDO HÁ VÁRIOS ANOS para beneficiar uma única carreira do Estado, JUSTAMENTE no momento de grave crise financeira por que passa este mesmo Estado.

    Seria melhor não ter feito comentário tão absurdo e calunioso. Prestaria melhor favor ao próprio TJ.

  17. País podre disse:

    Esse exmo. fala de mais e sem respaldo. Pq será que a caixa preta donjudiciario com o pagamento de todos os penduricalhos, que diga-se de passagem que são isentos de imposto de renda, não é aberta? Esse exmo. inclusive é pq eu solta os pobres inocentes nas maravilhosas audiências de custódia? Ahhhhhh…. pra mim não possui crédito nenhum. Pra mim, a casta domjudiciario, só terá crédito quando cortarem na própria carne, coisa que está bem distante de ocorrer, pois a ganância de receber sempre mais prevalece e pra eles nunca há limite prudencial e nem abate teto.

  18. Ângelo Junior disse:

    Agora, pergunta que não quer calar, quando a Justiça do RN e o MPRN transformaram em pecúnia as férias e licenças não gozadas, estes direitos, com possibilidade de usufruir no serviço ativo, como também, pagamento retroativos de auxilio moradia, fizeram com previsão orçamentária ou com as sobras de orçamento que lá se encontravam, cujo dinheiro, era previsto para outras finalidades?

  19. Só olhando disse:

    Pelos comentários creio que sejam dos que ganham esses absurdos e ainda querem justificar.

    Pura hipocrisia.

  20. Ângelo Junior disse:

    Pelo que eu sei os auditores fiscais ganharam uma causa milionária na justiça, (www.tribunadonorte.com.br/noticia/estado…auditores-fiscais-do-rn…/356686 sem caber mais recursos), caso o governo pagasse, o estado do RN nem mais no mapa existiria, então houve um acordo para a possibilidade de pagar nos salários, portanto, ficaram com super salários. sendo, assim e se não estiver equivocado, isso é natural e, assim, esse comentário do juiz seria descabido.

  21. Gus disse:

    Os juízes são os magnatas da burocracia. Posam de bacana com o dinheiro dos outros. Trabalham pouco e só querem regalias. Deveriam serem os primeiros a dar o exemplo, afinal representam a justiça.

  22. Felipe disse:

    Ele mesmo não está sendo justo. No judiciário todo técnico, que possui nível médio, ganha entre 15 e 20 mil. No executivo, um TNS (técnico de nível médio) ganha em média 1.500. O caso do fisco é uma ilha dentro de um oceano de desigualdades. Eu quero que o nobre magistrado me diga qual a média salarial dos servidores do judiciário, tirando os cedidos.

    • M.D.R. disse:

      Enquanto, um técnico de Nível SUPERIOR, R$ 4.056,00 ao longo dos anos e levando em consideração os salários vêm congelados durante aproximadamente oito anos. E,sem perspetivas com atual administração capega.

  23. Rafael disse:

    Constituição de 88, socialística, prometeu tudo, bem estar social de todos, porém esqueceu que não há prato de comida grátis. Somente no Brasil o empreendedorismo é tratado como crime. Esquecem que é o privado que financia o público. O Estado só tem um função: ser um parasita.
    O púbico coopta o privado há décadas. Somente uma profunda revolução, que com certeza não vira da casta estatal e seus 3 poderes, trará esperança. A mudança não vira através do voto, todas as instituições estão corrompidas.

  24. Eu disse:

    Tentativa de tirar o foco do saldo da conta do judiciário e das regalias dos magistrados. Dêem o exemplo, parem de estourar os nossos impostos com salários e vantagens,comissionados e afis devolvam as sobras orçamentárias ao executivo que depois vc vão ter moral pra falar dos outros, antes disso, é essa fala é só pra desviar o foco da questao principal.

  25. Maria silva disse:

    Os auditores fiscais são os responsáveis pela arrecadação do Estado. Inclusive arrecadação que vem batendo recordes, fruto de um trabalho de excelência. Só que a arrecadação do Estado é repassada através de duodécimos obrigatórios para os demais poderes. Com isto é possível o poder judiciário pagar em dia seus servidores e pagar auxílio moradia para os juízes, até mesmo para os que têm casa própria. E os servidores do executivo pagam a conta com seus salários atrasados. O ideal seria que todos os trabalhadores também tivessem direito ao auxilio moradia igualzinho aos ilustres juízes.

    • Maracujina disse:

      Muito bonita sua explicação . Concordo com tudo que você disse . Só acho que o estado não tem como pagar esse salário aos nobres fiscais , como não tem condições de pagar esse salário e penduricalhos aos nobre juízes e membros do MP . Ou o estado se ajusta e vive a realidade do possível , ou todos vão perder . Quanto aos recordes de arrecadação parabéns aos nobres fiscais . Estão executando as ações de suas responsabilidade funcional. A desigualdade no entanto dos níveis salariais é gritante e o estado não suporta isso .

    • angela disse:

      Os repasses dos duodécimos dos demais poderes não chega a 30% do orçamento do Estado. O problema não está nos demais poderes mas na incompetencia do Executivo. Enquanto os salários dos servidores do executivo estavam atrasados o governo do Estado fez uma farra de dinheiro em Roma na canonização dos mártires de Cunhau. Tem muita gente falando do que não sabe.

    • Desalentado disse:

      Angela, sério? Você acha pouco o duodécimo? Veja quantos servidores o executivo tem e quanto o resto dos poderes possui, a diferença de quantidade é abismal, fora a diferença salarial.
      Agora veja nos vizinhos, quanto eles repassam? Só aqui no RN a casta Tribunalesca-Assembleística vive em um regime faraônico.
      Concordo, muita gente falando do que não sabe, uns até distorcendo fatos para não perder suas regalias.

  26. Luta contra hipocrisia disse:

    Oh!!! Tapa na cara. Alguns com muito e a maioria pedindo esmolas.

  27. Raphael disse:

    PALHAÇADA. Ninguém é culpado. Todo mundo tirando o da reta. O que faltam no RN é um homem que peite todos e diga: o governador rouba; o juiz rouba; o promotor rouba; o sindicato rouba; o policial rouba; o funcionário rouba, o auditor fiscal rouba, etc……… HOJE SOMOS "IMPLOQUITAS" e defendemos um lado, mas na verdade todos os lados são iguais . É só virar a cueca pelo avesso

    • Rico disse:

      Raphael camarada…em qualquer instituição existe pessoas desonestas, inclusive na sua…isso se vc tem uma,não era pra ser assim mas infelizmente é.
      O que não pode é generalizar, eu sou policial militar com muito orgulho e não costumo roubar ou fazer qualquer coisa que possa denegrir minha imagem, o que eu não concordo e um número pequeno de pessoas que retêm o poder prejudicar a grande maioria que na verdade é o alicerce dessa estrutura que se movimenta para fazer funcionar o RN e inclusive auquecer comércio melhorando as vendas e etc…enfim contibundindo com as privadas, é um círculo. quando se faz isso não vemos sucumbir a pessoa do funcionário público…mas a instituição a que pertence à família que ele tem e os agregados.
      Com certeza vc deve conhecer alguem do estado que não roube, que não seja desonesto e esteja passando por esse caos, e com seu comentário não contribuiu em nada para ajudá-lo a erguer a cabeça…isso se tu tens concederão por ele.

    • Eu disse:

      Essa não é a realidade só do RN… É do Brasil! Todos roubam todos! Cada um por si! O povo brasileiro merece essa merda mesmo, povo corrupto por Natureza!

  28. JrRN disse:

    Quer dizer que um Juiz pode receber igual ou acima do Ministro do STF? Quer dizer que um juiz pode receber auxilio moradia? Ele deixou de receber o auxílio moradia dele?
    O ser humano só olha para o umbigo dele mesmo!!
    Basta de hipocrisia..

  29. Rivaldo disse:

    Para os delegados, auditores e demais servidores MORTAIS, o teto é o limite.
    Para os JUÍZES e MP nem o céu limita a ânsia de esvaziar os cofres públicos.

  30. Rivaldo disse:

    Segundo o portal 360, em julho de 2017 os juízes do RN receberam mais de R$ 900 mil além do teto.
    Isso representou um PREJUIZO para o RN de R$ 11,7 milhões somente em 2017.
    ABSURDO contra os cofres públicos que não tem como justificar.

  31. malvadesa disse:

    Diferente do judiciário o Executivo ganha igual ao Desembargador 30 mil agora servir ganha mais de 40 mil

  32. Rivaldo disse:

    Uma coisa é dizer que determinados servidores DEVERIAM receber acima do teto. Mas, que NÃO recebem em face do teto.
    Outra coisa totalmente diferente são os juízes e promotores que efetivamente RECEBEM muito ACIMA do TETO.
    Não há como comparar o DEVER ser com o SER.
    Segundo estudo do Portal360, em torno de 83% dos juízes recebem acima do teto constitucional.
    FATO…

  33. Hilton Macedo disse:

    Todos os servidores do Fisco/RN desde 1977, ingressaram no quadro por concurso público. Quer estiver interessado a ingressar no Fisco/RN, recomendo que estudem desde já para fazer o concurso em breve, nível superior uma das exigências, muitos estão se aposentando.

  34. Tarcísio Eimar disse:

    Gostaria que os juízes ganhassem igual o servidor público de baixo escalão

  35. Hilton Macedo disse:

    O Juiz Henrique Baltazar está equivocado na sua colocação a respeito do teto da remuneração do Fisco. Nenhum servidor do executivo estadual tem proventos bruto superior a R$ 30.471,00; nenhum valor é adicionado, mesmo tendo cargo de chefia. Do valor bruto o servidor recebe 2/3 e o Governo Estadual fica com 1/3(Imposto de renda e previdência estadual). Portanto, não merece crédito a matéria citada.

    • Filho disse:

      Você está equivocado! É só olhar o portal da transparência: valores que chegam a quase R$ 40.000,00. Quando se aplica o redutor do teto, vocês ficam ganhando igual a Desembargador.

    • Flávio disse:

      Caro amigo, olhe direitinho no portal da transparencia do RN quanto ganha o delegado Maurício Pinto

  36. BRASILEIRO disse:

    Gostaria que ele não recebesse auxílio-moradia e opinasse menos….é o rei do besteirol.

    • Roberto rocha disse:

      Alguns que não o conhecem acham o magistrado o último biscoito do pacote. Depois de conhecer, contudo, ai se percebe que o ser humano realmente deve ser extinto…