Publicidade

Eleições 2012: Natal deve ter 464 candidatos a 29 cadeiras vereador

As eleições desse ano mostram que cada vez mais os políticos estão tentando disputar cargos em Natal. O Tribunal Regional Eleitoral registrou para as eleições desse ano 464 pedidos de candidatura para uma vaga de vereador na Câmara Municipal de Natal.

Esse número é praticamente o dobro dos registros das últimas eleições municipais, quando a Justiça Eleitoral registrou 266 pedidos. Em tese, todos os 464 postulantes estão concorrendo às vagas, mas algumas candidaturas podem ter o pedido indeferido, o que pode reduzir um pouco o total de concorrentes. O número oficial de candidatos, já com essas análises, deve sair ainda este mês.

Mas não é apenas o número de candidatos que será maior. A Câmara Municipal também vai ter o número de vagas ampliada devido a nova legislação. No total, serão 29 vereadores, oito a mais do que a Casa tem na atual legislatura, o que significa que novos nomes podem aparecer ou antigos ressurgirem.

 

enviar comentário
  1. prof ivonaldo disse:

    Também sou postulante ao cargo e espero o apoio da populaçao para implementar alguns projetos. Um deles, julgo essencial: dificultar e minimizar o vínculo perigoso e terrível para nossa cidade, de gente bonita e hospitaleira, que é o vínculo de determinados líderes comunitários com políticos profissionais, muitos comercializam a comunidade por 30 moedas e deixam a comunidade órfão de serviços essenciais e refém de políticos inescrupulosos. A criação de uma estrutura que permita a qualificação dessses líderes. Isso permitirá a profissionalização do conselho comunitário com os poderes legislativos e executivo, proporcionando a existência de concurso público, diminuindo os cargos comissionados. Prof ivonaldo

  2. maria eunice roque tavares disse:

    eu sou uma das muitas candidatas  lutado para tem uma das vagas só pesso a deus q ele mim deixe ser uma delas,pois sei q vou ser não a melhor mas diferente de todos q passarão na quela casa.

Publicidade

Eleições 2012: Quase metade dos candidatos concorre fora do estado natal

Quase metade dos candidatos a prefeito nas capitais brasileiras não nasceram no Estado onde concorrem – há de tudo: gaúchos em São Paulo, candidato jovem paulista tentando sua primeira eleição em outro estado, e dois estrangeiros: um paraguaio e um chileno. Em pelo menos três capitais, os “forasteiros” são a maioria na disputa. O levantamento foi realizado com base nas informações preliminares do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que ainda não divulgou as informações de Belém (PA), Florianópolis (SC) e Maceió (AL).

Segundo o TSE, em Palmas (TO) não haveria nenhum candidato nascido no Estado concorrendo à prefeitura. Adail Pereira (PSDC) é natural de Ponte Alta do Tocantins, cidade goiana, segundo o TSE. Já a Confederação Nacional dos Munícipios afirma que a cidade faz parte de Tocantins. Sendo assim, o democrata-cristão é o único a concorrer no mesmo estado que nasceu. Aberlado Gomes Ferreira (Psol), é de Alto Parnaíba (MA), mesmo Estado do candidato do PRB, Dr. Luciano. Marcelo Lelis (PV) e Luana Ribeiro (PR) são de Goiás. Carlos Amastha (PP) nasceu fora do País: na Colômbia. Do Paraná, o representante é Fábio Ribeiro (PTdoB).

Em Cuiabá (MT), dois conterrâneos concorrem com um paranaense (Adolfo Grassi, do PPL), um mineiro (Carlos Brito, do PSD) e dois goianos (Ludio Frank do PT e Mauro Mendes, do PSB). Natural de Anápolis, Mendes tenta a prefeitura de Cuiabá desde 2008 e encabeça a lista dos candidatos mais ricos nas capitais.

Em Porto Velho (RO), a situação se repete: são nove postulantes – apenas quatro são de Rondônia. Os outros candidatos são do Mato Grosso do Sul (Aloizio Vidal, do Psol), de Minas Gerais (José Augusto, do PMDB), do Mato Grosso (Lindomar Garçom, do PV) e do Rio de Janeiro (Mauro Nazif, do PSB). Com 25 anos, a vereadora Mariana Carvalho (PSDB) disputa sua primeira eleição majoritária na capital de Rondônia, distante do estado onde nasceu: São Paulo.

Em um cenário com seis candidatos, Natal (RN) tem três potiguares (Rogério Simonetti do PSDB, Hermano Morais do PMDB e Roberto Lopes PCB) contra um mineiro (Fernando Mineiro do PT) e dois cariocas: o professor Robério (Psol) e Carlos Eduardo Alves (PDT) que, embora faça parte do clã Alves, conhecida família na região, nasceu na capital fluminense.

Em Boa Vista (RR), a disputa também está dividida: dois candidatos da capital concorrem contra Mecias de Jesus (PRB), de Graça Aranha (MA), e Maria Teresa (PMDB), de São Manuel (SP). O mesmo acontece em Vitória (ES), são três capixabas contra três “estrangeiros”: o carioca Edson Ribeiro (PSDC), e dois mineiros: Iriny Lopes (PT) e Montalvani de Sousa Lima (PRTB).

As outras capitais seguem a tendência de ter a maioria dos candidatos do próprio Estado. Em Campo Grande (MS), a maioria é sul-mato-grossense, mas a disputa é acirrada com três paulistas: professor Sidney (Psol), Suél Ferranti (PSTU) e Edson Giroto (PMDB).

Em São Paulo, dois gaúchos estão na disputa: Ana Luíza (PSTU) e José Maria Eymael (PSDC). Há ainda um mineiro de Mutum, Levy Fidelix (PRTB), e um paranaense de Porecatu, Paulinho da Força (PDT) – a maioria deles concorre na capital paulista há anos. No Rio, entre cariocas, existem um mineiro (Cyro Garcia) e um sergipano (Otavio Leite do PSDB). Um estrangeiro bem carioca está na lista: Rodrigo Maia (DEM) nasceu no Chile. Paulistas e cariocas também estão na disputa de Salvador (BA) – são os únicos “estrangeiros” no meio da maioria baiana.

Em Manaus, há dois catarinas (Vanessa Grazziotin do PCdoB e Henrique Oliveira do PR) e um pernambucano: Jeronimo Maranhão (PMN). Em Rio Branco, há um paulista (Marcus Alexandre do PT). Tião Bocalom, político conhecido no Acre, não é do Estado, mas sim de Bela Vista do Paraíso, cidade paranaense.

Em Recife (PE), o único intruso é o petista Humberto Costa, que é de São Paulo. Assim como em Porto Alegre: Wambert di Lorenzo (PSDB) vem da Paraíba. O que não chega a acontecer em Belo Horizonte (MG) e João Pessoa (PB): nessas capitais todos são mineiros e paraibanos, respectivamente.

Fonte: Terra

enviar comentário
Publicidade

Eleições 2012: Passada praticamente uma semana, campanha segue "fria" em Natal

Não precisa ser um “expert” em política para ver que a campanha em Natal está seguindo a passos bastante lentos. Os candidatos a prefeito parecem estar economizando, guardando o dinheiro para a reta final, porque, depois de passada quase uma semana, pouco se vê de movimentação nas ruas como acontecia em campanhas anteriores.

Com praticamente uma semana de campanha, apenas algumas ações voltadas para as redes sociais foram realizadas. Várias delas, inclusive, mal avaliadas pelos usuários, que reclamam das “timelines” poluídas de informações pouco úteis.

Não precisa ir muito longe para ver que Natal está com a campanha praticamente parada. Em vários municípios do interior do Estado, incluindo grandes como Caicó e Mossoró, a disputa já começou. Os candidatos já estão colocando os blocos nas ruas, tocando seus jingles na porta do eleitorado e tudo mais. Em Natal? Se vê um marasmo e muita conversa de bastidor. Os bastidores para esse ano, inclusive, estão prometendo muitas bombas.

Rogério Marinho deve ser o primeiro a começar a batalha, ele deve iniciar caminhadas neste final de semana. Mineiro, por enquanto, está focado nas lideranças e em escutar a população reclamar dos problemas da cidade. Hermano ainda costura alianças. Carlos Eduardo está calado, pelo menos até agora, enquanto aguarda iniciar a campanha de verdade. O BG não teve informações das campanhas de Roberto Lopes e Professor Robério.

Será que a campanha desse ano vai ser feita nas ruas junto ao eleitorado ou em brigas de palanque e brigas judiciais? Esperemos! Porque mesmo estando fria, praticamente congelando, a campanha promete esquentar.

Só lembrando, pelo calendário eleitoral, divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão só começa a partir do dia 21 de agosto.

enviar comentário
Publicidade

Irmão do assassino de F. Gomes é solto em Caicó

O homicida, Abrão Glauco Félix da Costa, de 22 anos, servente de pedreiro, residente na Rua Piaui, em Caicó, foi posto em liberdade na tarde de quarta-feira, (11), por força de alvará de soltura expedido pelo Juiz Luiz Cândido de Andrade Villaça, da Vara Criminal.

O homem, que é irmão de João Francisco dos Santos, o “Dão” que matou o jornalista F. Gomes, ganha a liberdade após mais de 8 meses preso na Penitenciária Estadual do Seridó.

Ele matou com disparos de arma de fogo no dia 30 de outubro de  2011, o jovem José Lucas Leonardo da Silva, de 18 anos. O crime aconteceu nas proximidades do Muralhas Clube no Bairro Walfredo Gurgel.

Fonte: Blog Sidney Silva

enviar comentário
Publicidade

Polícia investiga circulação de cédulas falsas no interior do RN

Está no DN Online. A Polícia Militar da cidade de Lagoa Nova apreendeu por volta das 16h dessa quarta-feira (11) cinco notas de R$50 reais que estaria com o jovem Renato José de Oliveira Santos, de 21 anos. Informações preliminares dão conta que o jovem fez um depósito na agência dos correios no dia de anterior e os funcionários só perceberam a falsificação de duas das notas, quando ele deixou o local. Então, somente na tarde dessa quarta-feira, o acusado voltou para fazer um saque de R$ 1.000(hum mil reais) e foi reconhecido pelo os funcionários, que chamaram a polícia.

Renato alega que foi vítima e que não sabia que o dinheiro era falso. Ele disse que o dinheiro foi arrecadado durante um bolão de vaquejada que foi realizado no Sitio Macambira III, no último final de semana, e que ele tem algumas suspeitas. Ele ainda destacou que uma pessoa passou a noite toda comprando cerveja no bar e pagando com notas de R$ 50,00 (cinquenta reais).

O jovem foi encaminhado para a delegacia na companhia da mulher, que foi liberada por ter uma criança de colo. Ela também confirmou a versão do marido e agora a polícia tentará descobrir quem estaria repassando esse dinheiro na Serra de Santana.

Depois do flagrante, um comércio que vendeu bebidas a Renato também procurou a polícia e devolveu outras três notas que foram repassadas por ele no pagamento da bebida vendida no evento.

Os policiais disseram que a falsificação é quase perfeita e só com muita atenção se consegue distinguir e falsa da verdadeira. A polícia alerta aos comerciantes para que tenham atenção nas notas de R$50,00(cinquenta) reais do modelo velho.

enviar comentário
Publicidade

Governo lança novas linhas de apoio e financiamento para a cultura popular

O Governo do RN, através da Secretaria Extraordinária da Cultura/ Fundação José Augusto, lança nesta quinta-feira (12) seis editais de apoio à Cultura Popular. A solenidade acontecerá às 11h, no Auditório da Governadoria.

Serão selecionados em torno de 160 projetos que envolvem um universo de mil brincantes e recursos de R$ 600 mil. Os editais a serem lançados são: Prêmio Deífilo Gurgel de Apoio à Cultura Popular – que vai destinar R$ 216 mil a grupos folclóricos nas modalidades circulação, formação de grupos infantis e juvenis e aquisição de instrumentos musicais; Prêmio Palhaço Facilita de Apoio ao Circo Potiguar – de apoio a cursos e oficinas de formação na área do circo, além de circos menores, conhecidos como panos de roda;Edital Chico Traíra – é um processo seletivo público para escolha de 12 cordéis para publicação dentro da Coleção Chico Traíra, com recursos da ordem de R$ 12 mil; Registro do Patrimônio Vivo – concede de forma vitalícia apoio financeiro a mestres da cultura popular, destinando R$ 40 mil para 2012; Prêmio Iluminar Artes Cênicas – vai selecionar propostas para realização de oficinas de direção teatral, iluminação, figurinos, cenários e expressão corporal, num investimento de R$ 74 mil; Prêmio Iluminar Artes Visuais – vai selecionar propostas para realização de duas oficinas de elaboração de roteiro, direção, fotografia, edição/montagem, sonorização, com recursos da ordem de R$ 75,5 mil.

Além disso, será lançado durante a solenidade o II Salão de Artes Plásticas Chico Santeiro, que vai selecionar 30 obras de arte para exposição durante o Agosto da Alegria. Serão concedidos três “prêmios aquisição” no valor de R$ 3 mil e 27 “prêmios participação” no valor de R$ 400, cada. Com a premiação, serão investidos R$ 20 mil no II Salão de Artes Plásticas Chico Santeiro, que encerrou ontem suas inscrições, alcançando 100 participações.

Todos os editais serão publicados no Diário Oficial do RN e no endereço www.cultura.rn.gov.br, com um prazo de, aproximadamente, 40 dias para inscrições dos projetos, no protocolo da Fundação José Augusto. A análise dos pleitos será feita em duas etapas: análise técnica jurídica pela Comissão de Licitação da FJA e análise do mérito, que será realizada por uma comissão de especialistas designados para este fim.

Todos os editais publicados nesta quinta-feira (12) foram submetidos e aprovados pelas Comissões de Gestão e de Controle do Fundo Estadual de Cultura. Veja abaixo informações completas sobre cada edital.

Prêmios/Editais

1.    Prêmio Deífilo Gurgel de Apoio à Cultura Popular vai apoiar, com recursos da ordem de R$ 216 mil: A) grupos folclóricos nas modalidades circulação, formação de grupos infantis e juvenis, aquisição de instrumentos musicais; 200 brincantes para recebimento de figurinos, e iniciativas de resgate de manifestações folclóricas extintas; B) o Teatro de João Redondo recebe apoio também na modalidade circulação para aquisição de instrumentos de som e empanadas, também seleciona projetos para realização de oficinas e formação de novos grupos; C) implantação da escola de João Redondo; D) apoio a seis festivais de repentistas e violeiros; E) criação do Prêmio Deífilo Gurgel para distinguir trabalhos acadêmicos de graduação, mestrado e doutorado que registre e contribua para o fortalecimento da cultura de tradição.

2.    Prêmio Palhaço Facilita de Apoio ao Circo Potiguar vai apoiar cursos, oficinas de formação na área do circo e circos menores, conhecidos como panos de roda. Através deste edital, artistas independentes podem receber apoio financeiro para renovação de seus espetáculos. O edital também concede apoio para realização de pesquisa e publicação sobre a história do circo no RN. Os valores disponibilizados são da ordem de R$ 150 mil. Esse é o primeiro apoio oficial do Governo do RN aos circos do Estado.

3.    Edital Chico Traíra é um processo seletivo público para escolha de 12 cordéis para publicação dentro da Coleção Chico Traíra. Cada cordel selecionado será publicado com tiragem de 1.000 exemplares, ficando 60% para o autor, 10% para o xilogravador e 30% no acervo da FJA; o valor estimado do edital é R$ 12 mil.

4.    Registro do Patrimônio Vivo é uma Emenda Parlamentar do Deputado Fernando Mineiro, amparada pela Lei 9.032 de 27/11/2007, que concede de forma vitalícia apoio financeiro a mestres da cultura popular. Para o ano de 2012 estão estimados R$ 40 mil e seleção de cinco artistas populares.

5.    Prêmio Iluminar Artes Cênicas vai selecionar propostas para realização de oficinas de direção teatral, iluminação, figurinos, cenários e expressão corporal num total de 170 horas aulas por formação. Serão ministrados quatro grupos de oficinas nas quatro Meso Regiões do estado. Esse edital atende demanda dos diretores e atores dos autos realizados nos municípios do RN que buscam a formação técnica. Serão investidos R$ 74 mil.

6.    Prêmio Iluminar Artes Visuais vai selecionar propostas para realização de duas oficinas de 200 horas/aulas cada, trabalhando os seguintes conteúdos: elaboração de roteiro, direção, fotografia, edição/montagem, sonorização.  Para as oficinas de vídeo estão previstos investimentos de R$ 75.500,00.

enviar comentário
Publicidade

Projetos de Lei: Confira como foi o desempenho dos nossos deputados estaduais no primeiro semestre

Um deputado estadual é um agente político, representante do povo, eleito através do voto popular, para desempenhar a atividade legiferante, ou seja, de criar leis no âmbito dos estados. Lógico, que a atividade deles vai bem mais além de apenas criar leis, mas esse é o papel principal.

Alguns dos nossos deputados demostram que estão trabalhando bastante, que estão preocupados com a criação de novas leis, que beneficiem o povo potiguar. Por outro lado, outros estão mais preocupados com outros temas da Casa. O que não é ilegal. Que fique bem claro.

O primeiro período da segunda sessão legislativa da atual legislatura ou simplesmente primeiro semestre de 2012 da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (AL/RN)  terminou com 64 projetos de lei apresentados. Grande parte deles já aprovados em plenário e encaminhados para sanção governamental. Os dados foram obtidos pelo blog junto à Secretaria Legislativa da AL/RN.

O problema é que alguns deputados se destacam com bons números de projetos e outros sequer existem tais dados.

Entre os que se destacam está o presidente da Casa, deputado Ricardo Motta, que apresentou 10 projetos.Desses, seis são só de reconhecimentos de órgãos de utilidade pública; três são projetos de concessão de títulos; e um de nomeação de rodovia.

Logo atrás, na lista dos que mais apresentaram projetos, está Walter Alves e Larissa Rosado, ambos com nove proposituras e muitas delas com conteúdos realmente interessantes nas áreas da saúde, segurança, trabalho e meio ambiente.

Por outro lado, os parlamentares Fábio Dantas, Getúlio Rêgo, Gilson Moura, Gustavo Fernandes e Raimundo Fernandes não estão na lista que o blog teve acesso. Isso não quer dizer que eles deixaram de apresentar projetos, pois existe a possibilidade da lista estar desatualizada. Inclusive, essa possibilidade vale para todos da lista. O BG tentou confirmar durante a manhã de hoje a exatidão dos dados constantes no documento, mas devido ao recesso parlamentar não foi possível.

Esse ano é ano de eleições municipais, ou seja, elegeremos prefeitos e vereadores, mas daqui a dois anos, será a vez dos nossos deputados, juntamente com o governador e um senador. Então é bom acompanharmos o que os nossos políticos estão fazendo para que possamos saber realmente em quem votar em 2014. Que venha o segundo semestre.

Número de Projetos de Lei apresentados no primeiro semestre de 2012:

Ricardo Motta – 10

Walter Alves – 9

Larissa Rosado – 9

Leonardo Nogueira – 6

Dibson Nasser – 5

Hermano Morais – 4

Nélter Queiroz – 3

Márcia Maia – 3

Gesane Marinho – 3

George Soares – 2

Fernando Mineiro – 2

Poti Júnior – 2

Gustavo Carvalho – 1

Tomba Farias – 1

Antônio Jácome – 1

Vivaldo Costa – 1

Ezequiel Ferreira de Souza – 1

Agnelo Alves – 1

Fábio Dantas – (não há registro)

Getúlio Rêgo – (não há registro)

Gilson Moura – (não há registro)

Gustavo Fernandes – (não há registro)

Raimundo Fernandes – (não há registro)

 

enviar comentário
Publicidade

Rogério Marinho é condenado mais uma vez por propaganda antecipada

A juíza da 3ª zona Eleitoral de Natal, Neíze Fernandes, julgou na última segunda-feira (9) três processos de propaganda eleitoral antecipada por parte de Rogério Simonetti Marinho, por ter o agora candidato realizado propaganda irregular antes do período permitido, que começou em 6 de julho. As decisões foram publicadas hoje (11) no Diário da Justiça Eletrônico (DJE), e condenam o deputado federal, até então pré-candidato à Prefeitura, a multas que totalizam o valor de R$ 20 mil. Em outra decisão publicada no DJE de ontem (10), a juíza ainda deferiu liminar requerida pela representante do Ministério Público Eleitoral contra Edivan Martins, determinando que o vereador e agora candidato recolha imediatamente todos os calendários do ano de 2012 que contenham sua foto e/ou nome.

Em duas das sentenças contra Rogério Marinho, a juíza acatou os pedidos do Ministério Público Eleitoral que pediam aplicação de multa por propaganda antecipada na internet. No primeiro caso, em função da publicação, pelo candidato, em seu perfil no twitter, de discursos do pré-candidato, da governadora Rosalba Ciarlini e do senador José Agripino em evento fechado do partido Democratas no qual a governadora e o senador declaravam seu apoio à candidatura de Rogério Marinho. Na segunda representação, Rogério Marinho foi condenado pela divulgação, em sua página na internet, de evento que seria realizado na Câmara dos Dirigentes Lojistas de Natal, no dia 15 de junho, no qual o pré-candidato pretendia apresentar documento, com cerca de 100 páginas, expondo problemas existentes e soluções para a capital potiguar. Neste caso, a juíza entendeu que o equilíbrio da disputa eleitoral ficou “visivelmente afetado em razão da estratégia empregada pelo representado em utilizar-se da Internet para dar amplitude a sua já anunciada candidatura nas eleições de 2012”, de acordo com trecho da sentença.

No terceiro processo julgado, a juíza apenas reconheceu cumprida liminar que determinava que o candidato se abstivesse de realizar o anunciado evento na Câmara dos Dirigentes Lojistas, o qual, segundo termo de constatação elaborado pela equipe de fiscalização da 3ª zona Eleitoral da capital, de fato não ocorreu. Em função do anúncio e propagação do evento, Rogério Marinho foi condenado a multa de R$ 10 mil. E por causa da divulgação dos discursos proferidos na reunião do Democratas, foi multado em mais  R$ 10 mil.

Em decisão também proferida pela juíza da 3ª Zona Eleitoral, o vereador Edivan Martins, então pré-candidato a novo cargo no Legislativo Municipal, foi condenado a recolher imediatamente todos os calendários do ano de 2012 que foram distribuídos com sua foto e/ou nome. De acordo com o MPE, a distribuição se configurou como “evidente promoção pessoal com intuito de captação de eleitorado antes do prazo permitido em lei”. A juíza aceitou os argumentos, entendendo que o vereador de fato agiu em desacordo com a lei eleitoral, e deferiu a liminar determinando que todos os calendários fossem recolhidos.

enviar comentário
Publicidade

Corpo de capitão da Aeronáutica é encontrado na Redinha

Foto: Canindé Soares

 

O corpo supostamente de um capitão da Aeronáutica foi localizado ontem a noite sobre o quebra-mar da Redinha, nas proximidades da ponte Newton Navarro.

O homem não foi oficialmente identificado, mas ele estava com o fardamento militar que indica a patente. Tudo indica que esse é o corpo de um militar que se jogou da ponte na manhã da última segunda-feira (9). O corpo desse militar ainda não havia sido localizado.

A Polícia Militar (PM) foi acionada para fazer o isolamento do local, enquanto o Instituto Técnico-científico de Polícia (Itep) fazia a perícia e o recolhimento do corpo.

As informações foram obtidas junto ao jornalista Jacson Damasceno e ao repórter fotográfico Canindé Soares. Agora pela manhã o BG entrou em contato com o Itep que não confirmou ainda a identidade do rapaz.

 

enviar comentário
Publicidade

Governo Rosa pega carona em projeto do governo passado e anuncia como se fosse novo

Essa semana todos que se atentam um pouco na área econômica puderam acompanhar que o Governo de Rosalba Ciarlini assinou o protocolo de Intenções com a Petrobras Biocombustível (PBIO) para implantação da unidade fabril de biodiesel na cidade de Guamaré. Um passo realmente importante para o desenvolvimento de um novo polo.

A notícia foi tão boa, que o secretário sazonal do Desenvolvimento Econômico, Benito Gama, aquele que dá expediente de segunda a quinta-feira, chegou a dar declarações como se tivesse sido um trabalho apenas da equipe da Rosa. Benito chegou a enaltecer o compromisso da governadora em “trabalhar a distribuição equitativa da economia do Rio Grande do Norte”. Discurso muito bonito por sinal, mas, na verdade, tudo foi uma carona de um projeto antigo tocado pelo ex-secretário Jean-Paul Prates, da equipe de Wilma de Faria, ainda em 2009.

Na época, Jean-Paul noticiou a implantação de uma planta para produção de 20 toneladas de biodiesel que já deveria estar em pleno funcionamento diga-se de passagem. Agora, mais de três anos depois, o governo noticia a assinatura do protocolo de intenções para implantação com produção de 20 milhões de litros/ano. Errou a Petrobras por não ter dado continuidade ao anunciado e o Governo por não corrido atrás antes.

Será que a assessoria do Governo vai dizer, novamente, que isso é coisa de blogueiro também?

Segue o release do Governo enviado essa semana

RN pode se transformar em centro de referência no biodiesel

A governadora Rosalba Ciarlini assinou Protocolo de Intenções com a Petrobras Biocombustível (PBIO) nesta terça-feira (10) para implantação da unidade fabril de biodiesel na cidade de Guamaré. O empreendimento terá um investimento estimado de R$ 5,1 milhões e resultará na geração de 12 empregos diretos e 25 indiretos.

Além disso, serão criados até 2.430 postos de trabalho rurais com uma capacidade anual de produção na fábrica de 20 milhões de litros/ano e um faturamento anual estimado em R$ 50 milhões quando a produção estiver estabilizada.

O presidente em exercício da Petrobras, Alberto Fontes Júnior, afirmou à governadora que a intenção é transformar o Rio Grande do Norte em sede do centro de inteligência tecnológica da empresa nesse setor debiodiesel.

A governadora Rosalba Ciarlini destacou os benefícios que o protocolo de intenções vai proporcionar ao Rio Grande do Norte. “Isso vai fortalecer ainda mais a geração de emprego e renda no estado”, comentou.

A chefe do Executivo enalteceu a parceria com a Petrobras nesse projeto da fábrica de biodiesel e o apoio tecnológico aos agricultores. Rosalba falou do desejo em levar o projeto a mais cidades no Rio Grande do Norte.

O presidente em exercício da Petrobras Biocombustível, Alberto Fontes Júnior, elogiou a aliança do Governo do Estado com a Petrobras e adiantou que o objetivo é transformar o projeto em uma usina comercial. “Esse foi o primeiro projeto da Petrobras e iniciamos em 2004”, recordou.

O secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico (Sedec), Benito Gama, lembrou do compromisso da governadora em “trabalhar a distribuição equitativa da economia do Rio Grande do Norte”.

Para o titular da Sedec, a matriz econômica do RN “é rica e diversificada” e “precisava desse estímulo”, citando a fábrica de biodiesel da Petrobras Biocombustível (PBIO).

Benito Gama lembrou que “a cadeia produtiva do Rio Grande do Norte é fundamental”. “Temos condições de avançar na cadeia produtiva da agricultura familiar depois desse protocolo com a Petrobras”, analisou.

Além disso, Fontes Júnior fez elogios à equipe do Governo do Estado que esteve à frente do processo que resultou na assinatura do Protocolo de Intenções.

Segue algumas notícias antigas de fontes oficiais publicadas na época

Nominuto/Assecom:

Abegas/Diário de Natal:

Fetracan/Tribuna do Norte:

enviar comentário
Publicidade
Publicidade

Esposa do Governador do Piauí tem nomeação suspensa pela justiça para conselheira do TCE

A JF no Piauí, por meio da 5ª vara Federal, suspendeu os efeitos do ato denomeação de Lilian de Almeida Veloso Nunes Martins ao cargo de Conselheira do TCE/PI.

Lilian Martins é esposa do governador do Estado e tomou posse no cargo em abril último. A ACP foi ajuizada pela OAB/PI.

No texto decisório, a JF considerou que a “urgência da medida (periculum in mora) se faz presente em razão da relevância das atribuições do cargo na medida em que o seu exercício pode vir a ocasionar prejuízo no controle das contas públicas o que, ainda em análise preliminar, deve ser evitado em face da supremacia do interesse público“.

A decisão ressalta ainda que a escolha e nomeação dos membros do TCE é um ato complexo. “Tanto assim que, na retidão do texto constitucional, a nomeação deve ser assinada pelo Chefe do Executivo. Não é o Regimento Interno de uma Casa Legislativa que pode alterar a essência de tal fato“, diz o texto.

Especificamente no caso concreto analisado nos autos, este aspecto é de suma importância, porque, tratando-se da esposa do governador, é inegável que um dos partícipes do ato, o Chefe do Executivo, incorreu em nepotismo, que é vedado pela Constituição e rechaçado pelo Supremo Tribunal Federal“, prossegue o texto da decisão judicial.

A decisão cita ainda precedente do STF que, em sede de reclamação por desobediência à súmula vinculante 13, afastou os efeitos da nomeação para o Tribunal de Contas de irmão de governador de outro Estado da Federação.

 

enviar comentário
Publicidade