Publicidade

Em 2011 foram assaltados 55 postos em Natal. Prejuízo já chega aos R$ 2 milhões

Diário de Natal

Mais um posto de combustível foi alvo de assaltantes em Natal durante a madrugada de ontem. Cinco criminosos chegaram ao posto São Luís IV, localizado à Avenida Prudente de Morais, no Tirol, renderam três pessoas, arrombaram um cofre e levaram uma quantia ainda não contabilizada de dinheiro. Segundo a polícia, 55 desses estabelecimentos sofreram com esse tipo de crime na capital potiguar somente este ano. O diretor jurídico do Sindicato do Comércio Varejista dos Derivados de Petróleo do Rio Grande do Norte (Sindipostos/RN), Eduardo Rocha, estima que o prejuízo aos empresários do ramo já chega a cerca de R$ 2 milhões nesses últimos 10 meses.

De acordo com a polícia, o crime ocorreu por volta da 1h30 de ontem. Cinco homens armados e usando capuzes chegaram ao local em um veículo ainda não identificado e renderam um vigilante que trabalhava no local e ainda outras duas pessoas. As vítimas foram amarradas e os criminosos então partiram para o escritório administrativo doestabelecimento. Ali, com uso de ferramentas, os assaltantes conseguiram violar o cofre e levar certa quantia em dinheiro. Logo em seguida, fugiram do local com destino ignorado. A polícia foi acionada, mas não conseguiu encontrar os criminosos.

Para Eduardo Rocha, do Sindipostos, tal ocorrência é apenas mais um exemplo de como há um sentimento de insegurança entre os empresários do ramo de combustíveis. Segundo ele, geralmente há um prejuízo em torno de R$ 20 mil a R$ 30 mil por cada assalto sofrido nos postos. “Por causa disso, muitos de nossos estabelecimentos não abrem mais durante 24 horas, fechando já às 20h. Isso tudo para evitar mais prejuízos, não somente financeiros, mas também não por em risco a vida dos funcionários, vítima mais direta dos bandidos e que são mais importantes que dinheiro”, comenta.

(mais…)

enviar comentário
Publicidade

Carnatal não terá arquibancada este ano

Tribuna do Norte

O Carnatal chega a “maioridade” em 2011, pois completa 21 anos, mas a micareta que será realizada entre os dias 1º e 4 de dezembro está perdendo um pouco de sua grandiosidade em função das  obras do novo estádio a ser construído na atual área do “Machadão”.  O percurso do carnaval fora de época já havia diminuído em 800 metros, passando de 3.600 para 2.800 metros, mas agora a coordenadora de Produção do evento, Iraci Azevedo, confirmou que este ano não serão colocadas arquibancadas.

Aldair DantasEstrutura dos 96 camarotes deste ano já está sendo montada

Iraci Azevedo estava supervisionado, ontem à tarde, a montagem  dos 96 camarotes, ao invés dos 260 que existiam até o ano passado, e que este ano ficarão situados na avenida Prudente de Morais, sentido de quem desce de Candelária para o centro da cidade.

Ela explicou que em anos anteriores, cerca de nove mil pessoas podiam assistir o Carnatal das arquibancadas que era montadas no estacionamento do “Machadão” próximo ao Complexo do 4º Centenário. Em dezembro de 2010, por orientação do Corpo de Bombeiros, aquele número já havia diminuído para sete mil. “Este ano vamos ter mais ‘pipoca’, teremos mais gente no chão”, disse Iraci Azevedo, com relação aos foliões que seguem, fora da corda, à passagem dos blocos oficiais do Carnatal.
(mais…)

Comentários (2) enviar comentário
  1. Felinni di Putinni disse:

    Pôxa, os caras da Fifa já mandam mais em Natal que a turma da Destaque! Realmente, esta é uma cidade cosmopolita.

  2. Diogo disse:

    Amigo Bruno, leio seu blogo todos os dias, tem uma correção a ser feita nesse post. De acordo com nosso Código Civil, em seu artigo 5º a maioridade começan aos 18 anos. Voce fez crer que seria aos 21. Abraço!

Publicidade

Roubaram as fantasias do Auto do Natal de dentro da Capitania das Artes

Novo Jornal

OS PRODUTORES DO espetáculo Auto do Natal foram surpreendidos com o roubo das fantasias usadas na montagem do ano passado.

Praticamente 80% das peças do figurino desapareceram de uma sala da Capitania das Artes. Com 70 artistas, 123 integrantes do coro e seis contrarregras fantasiados, o saldo do roubo se aproxima de 160 figurinos, incluindo os principais da peça, tratados como obras de arte.

Nos sacos, onde as roupas estavam guardadas, os responsáveis pelo furto deixaram apenas papel picado.

O roubo foi percebido no início da tarde de terça-feira (01), mas só veio a público ontem à noite, após uma produtora cultural levantar o assunto no Twitter.

Os figurinos estavam guardados desde a edição 2010 do auto; foram lavados e armazenados em sacos plásticos pretos.

A produção do espetáculo pretendia checar o estado das peças, fazer consertos e alguma modificação.

Agora, vai ter que refazer tudo. “Eu ainda estou meio em estado de choque. Não só pelo valor do trabalho, do investimento, mas pelo valor artístico das peças.

Os figurinos principais são verdadeiras obras de arte”, lamenta a diretora artística do Auto do Natal, Diana Fontes – alguns figurinos têm a assinatura de Isaque Galvão e Ricardo San Martine e foram feitos a mão.

Ela acredita que os responsáveis pelo furto são pessoas que tinham acesso à Capitania, já que nenhuma porta foi arrombada. “Às vezes eu perguntava pelos figurinos, outras vezes olhava os sacos e eles estavam lá na sala.

Nunca ninguém imaginou que isso fosse acontecer. E ainda mais trocar as roupas por papel picado”, fala, sem esconder a indignação.

Segundo Diana, o Auto do Natal 2010, de acordo com uma pesquisa encomendada pela Prefeitura, teve aprovaçãode 97% dos expectadores.

Tão alta que os mesmos profissionais responsáveis pela montagem foram convidados para produzir o espetáculo este ano.

Para confeccionar mais de 150 figurinos a diretora artística pretende dobrar o número de costureiras, de cinco para dez; o trabalho começa já na próxima segunda-feira.

De acordo com ela, o presidente da Fundação Capitania das Artes, Roberto Lima, que estava com o telefone fora de área, prometeu medidas rigorosas para descobrir os responsáveis pelo furto. “Eu não tenho ideia como os Figurinos podem ter saído de lá, mas devem ter sido desmanchados. Você fica triste, mas, se Deus

quiser eles vão apurar e descobrir o que aconteceu. A minha função agora é ter calma e dizer, vamos fazer tudo de novo”. Com a demolição do Machadão, o Auto do Natal vai ser encenado no Largo Dom Bosco, em frente ao Museu de Cultura Popular, na Ribeira. Serão quatro apresentações, nos dias 21, 22, 23 e 25 de dezembro.

enviar comentário
Publicidade

Faxineira destrói obra de arte ao tentar remover 'mancha'.

Com o intuito de realizar seu trabalho com perfeição e deixar impecável a sala pela qual era responsável, uma funcionária da limpeza de um museu alemão deteriorou parcialmente e de maneira irreparável uma obra do artista germânico Martin Kippenberger (1953-1997), comunicou nesta quinta-feira a direção do Museu Ostwald de Dortmund, ao oeste da Alemanha.

A peça integra o acervo permanente da instituição e é composta por uma torre de pranchas de madeira em cuja base há um recipiente de borracha com uma grande mancha de cal branca.

Pensando em acabar com a mancha, a empregada eliminou totalmente essa característica da obra, para o desgosto da direção do museu, que informou que o dano é irreversível.

Um porta-voz da galeria ressaltou que todas as funcionárias da limpeza são minuciosamente instruídas sobre seu trabalho e advertidas sobre quais peças não devem tocar de forma alguma.

“É como acontece nas casas, quando dizemos: ‘limpe tudo, mas não toque na mesa do escritório'”, disse Dagmar Papajewski, porta-voz do Departamento de Cultura de Dortmund, acrescentando que o caso está sendo analisado pela companhia de seguros.

Em 1986 uma faxineira apagou do teto de uma sala a já famosa “Mancha de Gordura” de Joseph Beuys (1921-1986) na Academia das Artes de Dusseldorf, dano que o estado da Renânia do Norte-Vestfália compensou com o pagamento de 20 mil euros.

enviar comentário
Publicidade

Operação Pecado Capital: processo de Rychardon passa para a Justiça Federal

O juiz da 7ª Vara Criminal de Natal, José Armando Ponte Júnior, declinou a condução do processo que julga Rychardson de Macedo, o ex-diretor do Ipem, acusado de formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e peculato.

Com a decisão, o processo deverá passar para a Justiça Federal no RN. Essa era um tese, aliás, na qual vinha insistindo a defesa de Macedo, para quem o processo deveria passar para a esfera federal em razão de os recursos implicados no processo serem do Inmetro, autarquia da União.

Rychardson foi preso em 12 de setembro na Operação Pecado Capital, junto com seu irmão, Rhandson de Macedo e outros auxiliares que atuavam no Ipem.

Comentários (3) enviar comentário
  1. Dom disse:

    de onde veio essa informação? é um furo jornalistico? não tem no site do TJ em nenhum outro meio de comunicação.

  2. Ricardorn disse:

    Agora sim!!! Qualquer estudante do direito já sabia dessa incompetência absoluta, porém como estudante do direito não consigo entender, que só agora esse próprio juízo que prendeu os réus e sua mae, as empresas se jugou incompetente…

  3. Josy Gomes disse:

    Isso está com cara que vai terminar tudo em muita Pizza.

Publicidade

Cartórios enganam índios analfabetos e os batizam como 'Xixi', 'Tarzã' e 'Cabeção

Leio no Estadão que durante décadas, funcionários públicos colombianos enganaram centenas de índios analfabetos da tribo Wayúu e lhes deram cédulas de identidade com nomes como “Ferrari”, “Xixi”, “Marilyn Monroe” e “Cabeção”. Tem também “Alka-Seltzer”, “Land Rover”, “Tarzã”, “Coito” e “Telefone”, além de “Palhaço” e “Gorila”.

O caso pode parecer engraçado, mas não é. Trata-se de óbvia violação de um dos mais básicos direitos humanos. O nome da pessoa representa o aspecto imediato da identidade do indivíduo, é o modo pelo qual ele se faz representar ante a sociedade e, por outro lado, é a maneira pela qual esse mesmo indivíduo começa a formar uma ideia sobre si.

O nome, em resumo, é o que singulariza a pessoa – é o direito de ser ela mesma. Não é por outra razão que, ao ser privado de liberdade, a primeira coisa que um prisioneiro perde é seu nome, trocado por um número. Sua existência como indivíduo é anulada, ficando à mercê dos algozes.

O requinte de crueldade dos burocratas colombianos foi ter registrado todos os índios com data de nascimento em 31 de dezembro. Um documentário com o sugestivo título “Nascemos em 31 de dezembro”, que relata o drama da tribo, foi lançado recentemente na Colômbia. Algumas cenas podem ser vistas neste vídeo.

Comentário (1) enviar comentário
  1. Breno Cardoso disse:

    cadeia pra todo mundo

Publicidade

Prefeitura do Natal recebe mais uma ordem de despejo por falta de pagamento de aluguel de imóveis

Pela segunda vez em menos de dois meses, a Prefeitura do Natal recebeu ordem de despejo e tem 30 dias para desocupar dois imóveis locados à Secretaria Municipal de Educação no bairro do Pitimbu.

Os imóveis tinham sido alugados por R$ 17.654,26.  Segundo a empresa locadora, o total do débito já chega a R$ 196.221,00. A decisão, do juiz Cícero Macedo, relatou a jornalista Anelly Medeiros, foi proferida numa ação de despejo movida pela empresa proprietária do imóvel.

Não é a primeira vez que o juiz da 4ª Vara determina despejo da Prefeitura do Natal. No início de setembro, o mesmo juiz proferiu sentença na qual obrigou o munícipio a desocupar imóvel no bairro de Nova Descoberta.

O autor da ação assinalou que firmou contrato de aluguel com a Prefeitura no valor de R$ 2.414,27, entretanto, desde o mês de março de 2010 a março de 2011, não foi efetuado o pagamento dos aluguéis, perfazendo um débito parcial de R$ 27.951,47, correspondentes a doze meses.

 

Comentário (1) enviar comentário
  1. Anônimo disse:

    Q vergonha !!!

Publicidade

Homem mata sua esposa porque ela destruiu seus bonecos do Star Wars

Rickie La Touche, fanático por Star Wars e a mulher, Pornpilai Srisroy , morta por ele após destruir sua coleção de bonecosUm homem fanático pelo filme Star Wars matou a mulher depois que ela destruiu a sua coleção de bonecos dos personagens da saga. O crime aconteceu em  Leigh, na grande Manchester, no Reino Unido.

Rickie la Touche, 30, disse que a mulher, Pornpilai Srisroy, 28, estragou seus bonecos de Darth Vader e Luke Skywalker que ele mantinha desde criança. Segundo ele, isso era “parte da campanha dela para transformar minha vida em um inferno”.

“Nós discutimos e ela disse que faria da minha vida um inferno. Ela já havia feito isso antes, e eu não poderia suportar de novo”, disse ele no tribunal.

Depois da briga, o rapaz não pensou duas vezes e asfixiou a mulher, na cama do casal, com um travesseiro. La Touche foi condenado a 12 anos de prisão.

O casal estava junto desde 2003, e segundo La Touche, a mulher estava ameaçando deixá-lo para retornar à sua terra natal, a Tailândia. As informações são do “Daily Mail“.

enviar comentário
Publicidade

Lixão de latinhas se acumula no fundo do mar em Salvador pós-carnaval

Dez dias após o fim do circuito Barra/Ondina, no carnaval de Salvador, um grupo de amigos decidiu checar a notícia de que havia um lixão se acumulando sob a orla de Salvador, resultante da folia de Momo.

E qual foi a surpresa quando constataram o que as imagens abaixo mostram. Latinhas de cerveja sobram no talude litorâneo. Curioso é que os amigos levaram o caso à imprensa. Nenhum veículo foi lá fazer a matéria.

O Fundo da Folia

O Fundo da Folia

O Fundo da Folia

 

enviar comentário
Publicidade

Órgão reprova produtos de conhecidas marcas por excesso de sal

Cuidado com o que você come. Uma análise da ProTeste, órgão de defesa do consumidor, encontrou excesso de sal em 69 de 154 produtos, como biscoitos, aperitivos e frios.

O teste dividiu os alimentos em 26 categorias. Em algumas delas, todos os itens apresentaram alto teor de sódio. Os campeões foram salame, linguiça, azeitona e presunto.

A azeitona do Carrefour, por exemplo, tinha 2,12% da substância em sua composição, valor muito acima do aceitável, segundo classificação da ProTeste. A linguiça da Seara tinha 1,59%, também acima do recomendado.

Os produtos foram divididos seguindo escala da Food Standard Agency, agência regulatória do Reino Unido que classifica o teor de sódio em baixo, moderado ou alto.

No Reino Unido, os rótulos de alimentos têm um “semáforo” que sinaliza se o produto tem grandes quantidades de gordura, açúcar ou sal. No Brasil, não existe nada parecido.

“Não temos uma regulamentação que estabelece limites de sódio. Existe um acordo entre a indústria e o Ministério da Saúde para diminuir os níveis da substância, mas não é uma norma”, explica Manuela Dias, nutricionista e técnica da ProTeste.

Na análise, foi considerado “muito bom” o alimento cuja quantidade da substância foi menor ou igual a 0,12%; “aceitável”, aquele com teor entre 0,13% e 0,60% e “ruim”, o produto que ultrapassou 0,61%.

De acordo com a ProTeste, a quantidade encontrada nos alimentos analisados variou de 0,08% a 2,2%. Apenas dois produtos (1,3% das amostras) apresentaram baixas quantidades da substância: a manteiga Batavo e a mostarda Carrefour.

Foram considerados com níveis ruins de sódio o biscoito cream cracker da Triunfo (1,04%), o amendoim japonês da Dr. Oetker (1,07%) e da Yoki (0,74%) e os presuntos da Perdigão (1,17%) e do Carrefour (1,33%).

A quantidade máxima recomendada de ingestão de sal de cozinha é de cinco gramas por dia, segundo a Organização Mundial da Saúde. Para o sódio, a recomendação é de dois gramas. “As pessoas confundem muito. Tanto o sódio dos alimentos industrializados quanto o sal de cozinha são prejudiciais. O sódio é mais concentrado.”

É difícil calcular as quantidades ideais de ingestão só olhando os rótulos dos produtos. Nem sempre eles são claros, e o tamanho da porção ajuda a confundir, comenta a nutricionista.

“O jeito mais fácil é comparar produtos de marcas diferentes e escolher o que tem menos. E aqueles que têm porcentagens muito altas nos rótulos [60% da ingestão diária, por exemplo] devem ser evitados.”

As informações são da Folha.

enviar comentário
Publicidade

Mudanças nos acessos a Nova Parnamirim passam a vigorar a partir de segunda-feira

A partir da próxima segunda-feira (7),medidas que têm despertado polêmica, e que serão aplicadas para melhoria do trânsito, passam a vigorar sob gritaria dos moradores de Nova Parnamirim.

Nessa data, uma nova configuração no trânsito passa a ser válida, e o motorista que trafega pelas avenidas Abel Cabral, Maria Lacerda e Maria Dolores deve ficar atento.

Pelo novo ordenamento do trânsito, sugerido pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de Parnamirim, a nova entrada para o bairro em questão deverá ser a Abel Cabral. A avenida passa a ser mão única. Só vai. Se quiser voltar, o caminho inverso é pela Maria Lacerda e seu prolongamento, a Avenida Maria Dolores, conforme os sentidos discriminados no mapa abaixo.

Vias que ligam a Maria Lacerda com a Abel Cabral também passam a sentido único. É o caso da Rua Arnaldo Barbalho. As modificações foram despertadas por causa do trânsito caótico no local, principalmente em horários de pico.

Equipes da secretaria de Trânsito de Parnamirim e das Polícias Rodoviárias Estadual e Federal guiarão os motoristas a partir de próxima segunda-feira, quando as mudanças começam a vigorar.

Comentários (3) enviar comentário
  1. Lu-morgan disse:

    Parabens, acho que vai melhorar muito, pois sofria todo dia neste inferno.Temos que tentar soluçoes simples. Valeu!!!

  2. Caio Fábio disse:

    Vão cobrir um santo e descobrir o outro, o problema só se resolveria se a "mão única" funcionasse em toda a extensão das Avenidas Mª Lacerda e Abel Cabral, uma sentido BR/Ayrton Sena e a outra no sentido inverso.
    O que vai ocorrer é uma mudança do local do congestionamento, que sairá da saída da Mª Lacerda para a entrada da Abel Cabral, complicando também a vida de quem vai sair da marginal para pegar a BR no sentido de Natal.

  3. Renato Souza disse:

    Quem sabe essa mudança possa atingir a avenida Prudente de Morais e Hermes da Fonseca.

Publicidade

Jornal teve que se desculpar após publicar que atração entre pessoas do mesmo sexo é coisa do Diabo

O mais antigo jornal católico dos EUA teve que se retratar depois de publicar uma coluna na qual sugeria que a atração entre pessoas do mesmo sexo era obra do diabo.

A coluna “Algumas questões fundamentais sobre atração do mesmo sexo” foi publicada na última sexta-feira no “The Pilot” – jornal oficial da Arquidiocese de Boston – por Daniel Avila, diretor associado de pesquisas da Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos.

Na coluna, Avila afirma que “as provas científicas sobre os mecanismos da atração sexual oferecem uma base confiável para uma explicação espiritual que nos leva a acusar o diabo”. O texto também afirma que há indícios que alguns fenômenos “perturbadores” da natureza são provocados por seres sobrenaturais que, ao contrário de Deus, não têm bondade no coração.

“Algumas causas naturais perturbam o desenvolvimento biológico padrão, levando à atração pelo mesmo sexo – que não foi escolhida pela pessoa. A responsabilidade final por isso, a nível teórico, deve ser atribuída ao diabo, não a Deus”, escreveu.
Pedido de desculpas por “dor e confusão”

O jornal, de 182 anos, decidiu retirar a coluna de seu site na quarta-feira, desculpando-se pelo que considerou um erro teológico. No lugar, foi colocado um novo texto de Avila, explicando que sua opinião não representava a posição da Conferência dos Bispos Católicos. Na edição desta semana do jornal, será publicada um novo pedido de desculpas de Avila, lamentando pela “dor e confusão” que sua coluna causou.

Fonte: O Globo

enviar comentário
Publicidade