Trecho da BR-101 no Rio Grande do Norte será interditado neste sábado

A Superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes no Estado do Rio Grande do Norte (DNIT/RN) informa que, neste sábado (18/11), a partir das 07h,  será realizada interdição na pista principal da BR-101/RN,  do km 98 ao km 99,6.

A interdição  tem previsão inicial de 6 (seis) meses de duração e é necessária para a execução da passagem inferior no km 98 e do Viaduto no km 99,6 (próximos, respectivamente, da Av. Maria Lacerda e Av. Abel Cabral), ambos no sentido longitudinal da rodovia.

O tráfego será desviado para as vias marginais direita e esquerda, mediante agulhas de entrada e saída nos seguintes pontos:

Sentido Parnamirim – Natal – agulha de entrada próximo ao rio Pitimbu (após o Viaduto de Emaús) e agulha de saída antes do monumento dos 400 anos de Natal;
Sentido Natal – Parnamirim – agulha de entrada logo após o monumento dos 400 anos de Natal, e agulha de saída próximo ao rio Pitimbu.

A situação no local será avaliada semanalmente com relação ao fluxo de trafego e a acessibilidade das pessoas, pela Polícia Rodoviária Federal, DER-Departamento de Estradas de Rodagem, DETRAN-Departamento Estadual de Trânsito, STTU-Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Natal e SETRAS-Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes de Parnamirim.

Para evitar conflitos de veículos provenientes dos bairros com os do desvio de tráfego, a Superintendência Regional informa também que as saídas da Avenida Abel Cabral (Bairros de Nova Parnamirim e Cidade Verde) e da Avenida Cidade do Sol (Bairro de Cidade Satélite e Planalto) serão fechadas, provisoriamente, sendo permitida apenas a entrada aos bairros nessas ruas.

Os veículos provenientes desses bairros poderão utilizar, respectivamente, a Avenida das Alagoas e a Avenida dos Caiapós (que será reaberta ao tráfego) para acessarem a rodovia. Ao mesmo tempo, os semáforos existentes no segmento serão desativados. Os viadutos de Neópolis e Emaús servirão como alternativas de retorno para Parnamirim e Natal, respectivamente.

 

 

Publicidade

Comentários:

  1. Mugabe disse:

    E tome agulhada no povo que tem que passar por ali