Uber compra US$ 1 bilhão em carros que vão dirigir sem motorista

Não é segredo que o Uber quer se livrar dos motoristas humanos no futuro, substituindo-os por carros autônomos para reduzir custos. Bem, a empresa acaba de dar um enorme passo nesse sentido.

O Uber concordou em comprar 24 mil veículos utilitários da Volvo para formar uma frota de carros sem motorista. Eles serão entregues entre 2019 e 2021, e receberão sensores e software para dirigirem sozinhos.

Cada Volvo XC90 custa US$ 47 mil nas concessionárias dos EUA, então a frota completa valerá mais de US$ 1 bilhão. O valor do acordo, no entanto, não foi revelado.

O Uber já usava cem unidades do Volvo XC90 para testes autônomos em Pittsburgh, oferecendo corridas de graça com carros que dirigem sozinhos. Eles tinham um motorista atrás do volante caso algo desse errado.

Este mês, o Uber anunciou que receberá investimentos no total de US$ 10 bilhões, dizendo que “isso ajudará a alimentar nossos investimentos em tecnologia”.

E a empresa quer muito adotar tecnologias autônomas: “ela só se torna um negócio comercial ao remover da equação o operador do veículo”, diz Jeff Miller, chefe de alianças automotivas do Uber, à Reuters. No ano passado, o então CEO Travis Kalanick disse à Bloomberg que, no longo prazo, as corridas serão mais baratas nos carros autônomos porque não será necessário pagar o motorista.

Ao reduzir custos, o Uber talvez consiga lucrar no futuro. Por enquanto, eles vêm amargando prejuízo após prejuízo: no segundo trimestre, as perdas foram de US$ 645 milhões.

Tecnoblog, com informações: Bloomberg, Reuters, Engadget

 

Publicidade

Comentários:

  1. BR disse:

    Vai quebrar os taxistas!