Publicidade

Gays merecem um pedido de perdão da Igreja, diz papa Francisco

O papa Francisco afirmou neste domingo (26), durante uma conversa com jornalistas na viagem de volta da Armênia para o Vaticano, que gays e outras pessoas que a Igreja marginalizou no passado, como os pobres e explorados, merecem um pedido de perdão.

No avião em que voltava para o Vaticano, o pontífice foi questionado por jornalistas se concordava com uma declaração do cardeal alemão Reinhard Marx, um de seus principais conselheiros, que disse em uma conferência em Dublin, na Irlanda, que a Igreja deve desculpas aos gays por tê-los marginalizado. A declaração foi dada dias após o ataque que deixou 50 mortos em uma boate gay de Orlando.

O papa também afirmou que a Igreja deveria pedir perdão pela maneira como tratou mulheres, por ter ignorado questões ligadas ao trabalho infantil e por “ter abençoado tantas armas” no passado.

Francisco relembrou ensinamentos da Igreja de que homossexuais “não devem sofrer discriminação. Eles devem ser respeitados e acompanhados pastoralmente”.

“A questão é: se uma pessoa que tem essa condição tem boa vontade e procura por Deus, quem somos nós para julgar?”, disse.

A resposta é uma variação da famosa frase “Quem sou eu para julgar?”, dita pelo pontífice durante sua primeira coletiva de imprensa aérea em 2013, sinalizando uma nova era de aceitação para os gays na Igreja.

O papa também acrescentou que parte do comportamento politizado da comunidade homossexual é condenável por ser “um pouco ofensivo para os outros.”

O porta-voz do Vaticano, o reverendo Federico Lombardi, disse a repórteres após a coletiva de imprensa que o papa não se referia a uma condição médica quando falou sobre a “condição” dos gays, e sim a uma pessoa naquela situação.

Folha Press

enviar comentário
Publicidade

Mais de 14 mil estabelecimentos do setor de alimentos fecharam no início de 2016

comidaCom o fechamento dos mais de 14 mil estabelecimentos, 29,7 mil vagas de empregos formais também foram fechadasArquivo/Agência Brasil

Cerca de 14,3 mil estabelecimentos do setor de supermercados, alimentos e bebidas fecharam as portas de janeiro a abril deste ano. Segundo um estudo divulgado hoje (27) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o número é quase seis vezes maior do que o registrado no mesmo período do ano passado, quando 2,4 mil estabelecimentos encerraram suas atividades.

O estudo da CNC mostra que, com o fechamento dos mais de 14 mil estabelecimentos de varejo alimentício, foram encerradas 29,7 mil vagas de empregos formais.

O setor responde por 30,3% do faturamento anual do varejo brasileiro e é responsável por 30,6% da força de trabalho no setor. Nos quatro primeiros meses de 2016, o segmento teve o pior resultado nas vendas, desde 2003, com queda de 3,2%.

Para a CNC, a demanda dos consumidores já vinha caindo devido à recessão econômica. A alta de preços contribuiu ainda mais para o recuo das vendas.

Agência Brasil

enviar comentário
Publicidade

Lista reúne os 20 carros automáticos mais baratos do Brasil; veja

GM-Onix-AT-Carplace-1-620x465Abandonar a embreagem e descansar o pé esquerdo é uma opção cada vez maior entre os motoristas do país. Seja para tentar minimizar o cansaço no trânsito das grandes cidades ou simplesmente por conforto, hoje em dia o câmbio automático já responde por uma boa parcela das vendas de carros compactos.

Observando este movimento, as montadoras passaram a equipar também os carros mais acessíveis, e não apenas os médios e grandes como em alguns anos. Para ilustrar melhor o novo cenário que visa mais conforto ao dirigir, fizemos uma lista com as 20 opções mais baratas para aposentar o pedal da embreagem.

Mas vale lembrar: o levantamento inclui tanto opções automatizadas, ou seja, o câmbio manual sem pedal de embreagem e com controle robotizado das trocas de marcha, como as transmissões automáticas convencionais e continuamente variavél (CVT). Também consideramos apenas a primeira configuração mais barata de cada modelo dentro da gama de versões regulares.

tabela-automaticos-774x316Completa, a lista revela algumas curiosidades. Para começar, o primeiro da lista é um modelo equipado com câmbio automatizado. Também é possível notar que entre os cinco mais baratos do ranking, dois são equipados com com câmbio “automático de verdade”, caso do Toyota Etios X 1.3 (R$ 47.625) e Kia Picanto 1.0 Flex (R$ 49.990), embora ambos tenham apenas quatro marchas. Único SUV da lista, o Chery Tiggo 2.0 com seu câmbio automático de quatro marchas aparece entre os 10 mais baratos do país.

Ranking dos carros automáticos/automatizados mais baratos do Brasil

1111111111111 222222222222

UOL, via Carplace

enviar comentário
Publicidade

EMPARN prevê tempo nublado com redução das chuvas no RN nos próximos dias; veja onde mais “caiu água” no fim de semana

62192_Papel-de-Parede-Chuva-de-Verao_800x600As instabilidades de origem oceânicas vão continuar provocando chuvas nos próximos dias nas regiões Agreste e Leste (litoral), mas as análises dos parâmetros meteorológicos indicam uma redução do volume de chuvas. A informação é da Gerência de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), confirmando o prognóstico da semana anterior de tempo mais frio e seco neste início de inverno.

No fim de semana, de sexta-feira até a manhã de hoje (27), a EMPARN registrou boas chuvas em vários pluviômetros monitorados diariamente. Na mesorregião Leste, choveu mais forte em Baía Formosa, 50,4 milímetros; Natal, 41,8mm; Parnamirim (Base Física da EMPARN), 41,5mm; Nísia Floresta, 30,6mm; São Gonçalo do Amarante (Base Física da EMPARN), 29,1mm; Canguaretama, (Base Física da EMPARN), 24,2mm e Goianinha, 21,8mm, além de outros municípios, como São José de Mipibu, Ceará-Mirim, Espírito Santo, Pureza e Taipu.

Na mesorregião Agreste, choveu em Jundiá (Emater), 40,0mm; João Câmara, 19,1mm; Bento Fernandes, 19,0mm; Ielmo Marinho, 16,5mm e Bom Jesus, 15,1mm. Choveu ainda em Monte Alegre, Lagoa de Pedras, Serrinha, Boa Saúde, Santa Cruz, Sítio Novo, Barcelona e Lajes Pintadas.

Na mesorregião Oeste, choveu em Caraúbas 5,5mm; Serra do Mel, 4,5mm; Assu (Emater/st. Casa Forte); 4,0mm; e Porto do Mangue. Choveu ainda em Tibau, São Rafael, entre outros. Na mesorregião Central, choveu em Jardim de Angicos, 21,5 milímetros, Angicos, 2,0mm e Pedro Avelino, 1,1mm.

enviar comentário
Publicidade

Impeachment: Temer recebe lista de demandas em troca de apoio no Senado, diz jornal

michel-temer-pensativo(FOTO: WILSON DIAS/AGÊNCIA BRASIL)

Do apoio do Planalto em disputas locais a indicações para cargos em estatais e até para o comando do BNDES – o maior financiador de empresas do país -, o presidente em exercício Michel Temer está sendo pressionado por senadores em troca de apoio no julgamento do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff. A votação final está prevista para acontecer até o fim de agosto.

Por causa do assédio, Temer tem recebido parlamentares no Palácio do Jaburu para almoços, jantares e reuniões, marcados muitas vezes fora da agenda oficial. Nos encontros, escuta mais do que fala. “O Temer está comprando a bancada. É uma compra explícita de apoio”, disse o senador Roberto Requião (PMDB-PR), peemedebista contrário à saída de Dilma.

Para interlocutores do governo no Senado, o “movimento” nada mais é do que uma lista de demandas. O caso mais pitoresco, segundo relatos de três senadores próximos a Temer, é o de Hélio José (PMDB-DF). Ele pediu 34 cargos, entre os quais a presidência de Itaipu, Correios, Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e até o comando do BNDES. O senador foi convencido por colegas da inviabilidade dos pedidos e do risco político que correria em sua base se apoiasse Dilma. Não levou nada e ainda decidiu votar pelo afastamento.

O senador Romário (PSB-RJ), que votou pela admissibilidade do impeachment, ficou indeciso sobre o afastamento definitivo poucos dias depois. A dúvida foi comunicada ao Planalto acompanhada de uma fatura. Ele pediu o comando da Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência e uma diretoria em Furnas. A primeira vaga já havia sido prometida para a deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP). Cadeirante e militante histórica, ela queria emplacar um nome da área. Romário ganhou apenas o cargo, que ficou com a ex-deputada Rosinha da Adefal.

Ex-presidente do Cruzeiro, o senador Zezé Perrella (PTB-MG) conseguiu pôr seu filho, Gustavo Perrella, na Secretaria Nacional do Futebol e de Defesa dos Direitos do Torcedor. Em outra frente de pressão, Temer é cobrado a se posicionar politicamente em disputas locais. O caso mais emblemático é o do Amazonas, onde o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio (PSDB), aliado do senador Omar Aziz (PSD), é adversário do senador Eduardo Braga (PMDB). Todos são aliados de Temer e estarão em lados opostos na eleição municipal.

O senador peemedebista reivindica o apoio do presidente em exercício para seu candidato, Marcos Rota. Já Aziz quer que Temer ajude Virgílio. No Placar do Impeachment do Estado, Braga consta como indeciso e Aziz não quis responder. Temer enfrenta o mesmo dilema no Paraná, onde dois aliados, o governador Beto Richa (PSDB) e o senador Álvaro Dias (PV), são adversários políticos e disputam influência em Itaipu.

Contas

Pela estimativa do Planalto, a cassação de Dilma está nas mãos de 15 senadores. Hoje, 38 se posicionam a favor do impedimento – são necessários 54. O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, se recusa a revelar a “estratégia” para evitar a volta da petista. “Não vou revelar nomes, mas temos um controle diário dentro do Senado. Temos informação do movimento de todos, até mesmo daqueles que se dizem indecisos”, disse, em um almoço com empresários na semana passada.

O titular da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, confirmou que tem dialogado com senadores que buscam espaço no governo. “As conversas estão sendo republicanas e não está havendo essa pressão que se imagina, não”, afirmou. As articulações são criticadas pela oposição. “Quando há um processo de julgamento de uma presidente, há uma alteração da condição do senador, que vira juiz.

No período do julgamento, ele não pode negociar posição com cargo”, disse o senador Lindbergh Farias (PT-RJ). Senadores que estiveram com Temer disseram que não trataram do afastamento. “Ele não tocou no assunto. Eu disse que ele precisava de uma agenda para os excluídos e perguntei quem iria pagar pelo ajuste”, disse Cristovam Buarque (PPS-DF), indeciso sobre o voto final e que também visitou Dilma. Na admissibilidade, ele votou contra a presidente.

Hélio José relativizou suas demandas. Ele disse que sugeriu nomes “apenas quando foi consultado” e considerou um “folclore” a lista de cargos que teria apresentado. A assessoria de Romário afirmou, por meio de nota, que não houve negociação por seu voto no impeachment e negou a demanda por uma diretoria em Furnas. Procurados, Perrella, Braga e Aziz não foram localizados. Álvaro Dias disse que “quer distância” de cargos.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Época

Comentários (2) enviar comentário
  1. Eterno Vascaino disse:

    O único crime que Dilma cometeu, foi ter esse senhor como vice !

    • Paulo Ambrósio disse:

      Estão vendo, os PETISTAS continuam delirando e escorregando para manter viva a corrupção, custe o que custar. Todo dia vemos mais e mais denúncias de corrupção por membros do PT, para onde se investiga, aparece corrupção patrocinada pelo PT.
      Tem Petrobrás, Correios, CEF, Fundo de Pensões, totalmente endividadas e com problemas de fluxo de caixa. Obra do PT!
      Tem a Odebrecht com seu setor oficial de propina, que tem tamanha sofisticação que até banco foi comprado para operacionalizar o propinaduto.
      Tem as outras empresas que deram apoio e desviaram recursos para o PT como OAS, UTC, Camargo Correia.
      Recentemente vemos o desvio de recursos nos empréstimos consignados através de ministro do PT.
      Existe mais de uma dezena de nomes ligados e protegidos do PT – CONDENADOS. Se for para lista de investigados, aí vamos falar em mais de 03 dezenas.
      Temos um país com inflação, economia parada, indústria em queda de produção e DESEMPREGO a mais de 12 MILHÕES de brasileiros. Tudo obra do PT.
      Temos nossos recursos sendo distribuído gratuitamente a países com Ditaduras, especialmente Cuba e Venezuela.
      Dilma fez uma campanha presidencial baseada em mentiras e caixa 2.
      Aí aparece um delirante oportunista, amestrado e fala: "O único crime de Dilma, foi ter Temer como vice". Qual foi o crime que o PT e Dilma não cometeram?

Publicidade

Perícia a pedido da defesa de Dilma, vê ação em decretos, mas não identifica nas pedaladas

auditoria_pedaladasPeritos do Senado entregam à comissão do impeachment perícia feita em auditoria do TCU sobre decretos suplementares e pedaladas fiscais (Foto: Vanessa Cezar)

Uma perícia elaborada por técnicos do Senado, a pedido da defesa de Dilma Rousseff, apontou que houve irregularidades na edição de decretos de créditos suplementares sem autorização do Congresso e nas chamadas “pedaladas fiscais”, ambas cometidas no governo da presidente afastada.

Ainda segundo a perícia, há provas de que Dilma agiu diretamente na edição dos decretos. No entanto, segundo os técnicos, não foi identificada uma ação direta da presidente afastada que determinasse o atraso nos pagamentos da União para bancos públicos que configuraram as “pedaladas”.

A perícia foi realizada em cima de laudos do Tribunal de Contas da União (TCU), que embasam o pedido de impeachment. Num primeiro momento, a comissão de impeachment negou a solicitação da defesa para que os técnicos analisassem os documentos. Depois, atendendo a recurso dos advogados de Dilma, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, determinou que a perícia fosse realizada.

Créditos suplementares

Uma das principais denúncias do pedido de afastamento da presidente é de que ela teria editado decretos para liberar R$ 2,5 bilhões em crédito extra, no ano passado, sem aval do Congresso Nacional.

A defesa da presidente afastada vem afirmando, nas diversas sessões do processo de impeachment, que não era necessário o aval do Congresso. Os técnicos do Senado disseram na perícia que essa autorização era obrigatória.

“Como esses decretos não se subsumem às condicionantes expressas no caput do art. 4 LOA/2015 [Lei Orçamentária Anual], sua abertura demandaria autorização legislativa prévia, nos termos do art. 167, inciso V, da CF/88”, afirmou a perícia.

G1

Comentários (6) enviar comentário
  1. Joae disse:

    Tchau querida!!! Petista precisa ler melhor o texto!! Kkkkk

  2. Eterno Vascaino disse:

    Thau Querido !

    • Rômulo disse:

      Infelizmente a luta ainda vai ser grande! Bem que eu gostaria de postar "Tchau Golpista Maldito", mas infelizmente não se pode esperar justiça daquele "tribunal da inquisição", com senadores "juízes" comprados por cargos para seus apadrinhados!

  3. cabral disse:

    A verdade chegou. kkkkkkkkkkk

    • João disse:

      "Uma perícia elaborada por técnicos do Senado, a pedido da defesa de Dilma Rousseff, apontou que houve irregularidades na edição de decretos de créditos suplementares sem autorização do Congresso e nas chamadas “pedaladas fiscais”, ambas cometidas no governo da presidente afastada."

      Ainda segundo a perícia, há provas de que Dilma agiu diretamente na edição dos decretos.

      Cabral e Eterno Vascaino, acho melhor ler novamente…

    • Rômulo disse:

      "No entanto, segundo os técnicos, não foi identificada uma ação direta da presidente afastada que determinasse o atraso nos pagamentos da União para bancos públicos que configuraram as pedaladas”

      Leia você novamente. O argumento das pedaladas ilegais caiu. Só falta agora derrubar o argumento da ilegalidade dos decretos. Admita que o golpe é frágil. Se Dilma cair, não será por conta de alguns decretos, e sim porque Temer já comprou seus votos no Senado com cargos, usando a mesma velha política de sempre!

Publicidade

Filipino advindo de embarcação da África tem diagnóstico de malária confirmado, e segue internado em Natal

infografico_malaria_abr15NOTA – Paciente atendido em Areia Branca/RN

NATAL (RN), 27 de junho de 2016.

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), por meio do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância da Saúde (Cievs) esclarece que:

No domingo, 26, um homem de 29 anos, natural das Filipinas, advindo de uma embarcação proveniente da África, foi atendido no hospital de Areia Branca/RN apresentando febre, vômito e cefaléia.

No mesmo dia o paciente foi encaminhado ao Hospital Giselda Trigueiro, em Natal/RN, onde passou por exames e teve confirmado o diagnóstico de Malária. O paciente já foi medicado e seguirá internado para realização do tratamento e acompanhamento.

A Malária é uma doença infecciosa transmitida por mosquitos e provocada por protozoários parasitários do gênero Plasmodium.

A doença é geralmente transmitida através da picada de uma fêmea infectada do mosquito Anopheles, a qual introduz no sistema circulatório do hospedeiro os microorganismos presentes na sua saliva, os quais se depositam no fígado, onde maturam e se reproduzem.

Assessoria – Sesap

enviar comentário
Publicidade

Humorista Fábio Porchat detona presidente do Vasco, Eurico Miranda: “Um ser da pior espécie possível”

fabioporchat-record-grandeO humorista Fábio Porchat nunca escondeu de ninguém seu time de coração: o Vasco da Gama.

No último sábado (25), no programa “Aqui com Benja”, do Fox Sports, Fábio não poupou o folclórico presidente vascaíno. Sem papas na língua, ele começou: “Eurico Miranda é um ser da pior espécie possível. Um câncer para o Vasco e e o futebol”.

O novo contratado da Record, que estreia seu talk-show no segundo semestre, continuou a detonar o cartola: “Não há qualidades nesse ser humano. Ele fez as pessoas odiarem o Vasco. Éramos um time querido, o primeiro a lutar para ter negros jogando e todo mundo gostava de nós. Criou-se uma raiva contra o Vasco que não existia”.

Porchat foi anunciado pela Record em fevereiro deste ano, depois de meses de negociação. A expectativa é ter um talk-show com sua cara, e com liberdade.

Já o “Aqui com Benja”, programa em que ele esteve no último final de semana, é exibido todos os sábados, a partir da meia-noite, sob comando de Benjamin Back no Fox Sports.

Na Telinha, UOL

enviar comentário
Publicidade

Projeto de inclusão da Assembleia será modelo para Câmara Federal

unnamedFoto: Assessoria de Comunicação

O programa que desde 2011 transformou a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, a partir da inclusão de três servidores com síndrome de down na convivência diária de servidores e deputados, deverá ser modelo para a Câmara Federal.

O exemplo de Manuela, Kalina e Felipe, nomeados para trabalhar no Cerimonial da Casa e no auxílio às funções do plenário durante as sessões, foi levado pelo deputado federal Rafael Motta (PSB) para a Primeira Secretaria da Câmara, que enviou a Natal técnicos do setor de acessibilidade da Câmara para conhecer a ação pioneira no legislativo potiguar.

“A Assembleia oportunizou a três jovens com síndrome de down a trabalharem nessa Casa num momento de interação entre essas pessoas, os funcionários e os deputados estaduais. Esse é um exemplo que vem ser conhecido in loco pela Câmara Federal para que possa ser implantado por ela. É um marco e mais uma vez a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte é pioneira num projeto de inclusão tão importante e tão relevante”, afirma o presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB).

“Nós temos um programa de acessibilidade lá na Câmara que é bem amplo e envolve não só pessoas com deficiência intelectual, mas pessoas com deficiência física, dificuldade de locomoção, pessoas com deficiência visual, deficiência auditiva, não só para o público interno, mas também para visitantes, internautas, telespectadores que acessam a TV Câmara, então nós temos vários recursos de acessibilidade”, explicou Adriana Padula Jannuzi, coordenadora do programa de acessibilidade da Câmara, que veio a Natal com Virgínia Queiroz Alves, técnica de plenário da Câmara dos Deputados.

“Temos um projeto de inclusão social no mercado de trabalho apoiado. São pessoas com deficiência intelectual que fazem higienização de livros na biblioteca da Câmara. Não temos nenhum projeto semelhante a esse para inclusão de pessoas com síndrome de down para atividades de plenário e de cerimonial”, afirmou Adriana, que acompanhou todo o trabalho dos nomeados pela Assembleia dentro do programa de inclusão.

“Já trabalho com deficiência desde 2004 e tenho consciência que trabalhar com essas pessoas traz uma visão mais humana do mundo. Eu acho que é benéfico para eles, pois ganham cidadania, recebem salários e têm uma atividade produtiva. Bom também para quem trabalha com eles porque muda a visão”, concluiu a servidora da Câmara Federal.

O presidente Ezequiel Ferreira adiantou que a próxima ação de inclusão da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte será a implantação do programa de interpretação de libras, para que as pessoas com deficiência auditiva possam assistir e entender o que está sendo discutido no plenário da Casa.

ALRN

enviar comentário
Publicidade

MEIO-DIA RN desta segunda em RESENHA com os publicitários Alexandre Macedo e Pedro Ratts

Os publicitários Alexandre Macedo e Pedro Ratts são os convidados da Resenha Meio-Dia RN desta segunda-feira (27).

Participe enviando a sua pergunta para o WhatsApp do MEIO-DIA RN. Anote aí! (84) 99212-2276!

Você também pode participar do programa através das nossas redes sociais: Twitter: @meiodiarn_; Facebook: /meiodiarn e Instagram: @meiodiarn.

enviar comentário
Publicidade

Foragido da Justiça é capturado com carro roubado no Alecrim

Ocorrência no Alecrim (1)Ocorrência no Alecrim (2)Policiais do 1º Batalhão de Polícia Militar (1ºBPM) prenderam na noite deste domingo (26) um foragido da Justiça identificado como Juciano de Oliveira dos Santos, ao ser flagrado conduzindo um veículo, modelo Corola, com registro de roubo, no Bairro do Alecrim, na zona Leste de Natal. O automóvel estava trafegando com a placa OWE 9400 porém a placa original era QGE 1148.

Os militares suspeitaram do veículo e realizaram um acompanhamento tático com abordagem. Constatada que havia um mandado de prisão em aberto contra Juciano de Oliveira, ele foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil e ficou à disposição da Justiça.

Comentário (1) enviar comentário
  1. José de Arimatéia disse:

    Duvido o nome dele ficar de fora do indulto do dias das mães, natal e tudo mais que nossos bandidos coitadinhos tenha direito. Viva o mundo criado pelo PT!!!

Publicidade

Família de idosa em Natal vítima de erro médico será indenizada pelo Estado

tjrn

Uma família de Natal será indenizada pelo Estado do Rio Grande do Norte após ter sofrido danos morais 1ª Vara da Fazenda Pública de Natal em razão de suposta falha na prestação de serviço de saúde, já que a mãe e esposa dos autores veio a falecer por omissão quanto ao encaminhamento à UTI e realização de cirurgia emergencial, no Hospital Walfredo Gurgel, em 2012.

A sentença é do juiz Airton Pinheiro, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Natal, que condenou o Estado do RN ao pagamento de indenização a título de danos morais, no valor de R$ 20 mil ao esposo da vítima e R$ 10 mil para cada um dos cinco filhos, valor a ser corrigido e acrescido de juros de mora.

Os autores afirmaram na ação judicial que em 09 de maio de 2012 a idosa deu entrada no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel com febre e dor torácica, sendo constatado pelo médico que a atendeu a urgente necessidade de transferência para a UTI cardiológica em 14 de maio de 2012 para maiores cuidados e a realização de procedimento cirúrgico denominado “cateterismo”.

Apontaram que após quatro dias de espera, sem que houvesse a transferência da paciente para a UTI ou a realização da cirurgia de “cateterismo” esta veio a falecer em razão da demora injustificada na realização do procedimento cirúrgico.

Diante disso, o viúvo e os filhos recorreram à justiça requerendo a condenação do Estado do RN ao pagamento de indenização por danos morais no valor de 600 salários mínimos para o esposo, 500 salários mínimos para cada filho que ainda residia com a genitora e 450 salários mínimos para cada filho que não residia mais sob o mesmo teto, mas que ainda mantinham convivência diária com a falecida.

Decisão

Ao apreciar a matéria, o magistrado entendeu existente a omissão específica pelo Estado, uma vez que o exame foi solicitado tão logo a paciente deu entrada no Hospital, bem como pela existência da perda de um chance, uma vez que caso a realização do referido exame tivesse ocorrido em data anterior havia um alto grau de probabilidade de restabelecimento da saúde da genitora e esposa da parte autora, evitando-se a dor da antecipação do evento morte, uma vez que este exame se presta tanto a identificar como a tratar as doenças cardíacas, por meio da desobstrução das artérias coronárias.

“Nesse passo, entendo como comprovadas a configuração de conduta omissiva específica por parte do Estado (foi instado a realizar o exame e não o fez em tempo hábil), a ocorrência da perda de uma chance e o nexo causal entre ambos, uma vez que a omissão do Estado em fornecer o exame em tempo hábil foi o fato determinante para a configuração do dano”, comentou.

(Processo n.º 0803764-09.2012.8.20.0001)
TJRN

http://www.tjrn.jus.br/index.php/comunicacao/noticias/10596-familia-de-idosa-vitima-de-erro-medico-sera-indenizada-pelo-estado

Comentários (3) enviar comentário
  1. ta ligado. disse:

    É isso q vale uma vida?

  2. paulo roberto disse:

    Onde está o "erro médico"???Não entendi!

  3. Victor disse:

    Pelo que entendi não foi "erro médico". Existe uma cultura de se tentar jogar todos os problemas da saúde nas costas dos medicos. O exame foi solicitado e não foi realizado pelas dificuldades inerentes ao SUS. A culpa foi atribuída ao Estado.

Publicidade