Avião desaparecido há mais de 1 mês no Pará é localizado

O avião que estava desaparecido há mais de um mês no sudoeste do Pará foi encontrado por garimpeiros. O bimotor está enterrado até a cauda em uma área de mata fechada, em Jacareacanga. Uma equipe da Força Aérea Brasileira (FAB) começa, na manhã desta quarta-feira, uma operação para resgatar o avião. Os militares seguem a pé porque o local é de difícil acesso. A FAB não fala das vítimas, mas as famílias disseram que receberam a informação de que não há sobreviventes.

A aeronave transportava funcionários da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) a uma aldeia de índios mundurucus. Estavam no bimotor o piloto Luiz Feltrin, o motorista Ari Lima e as técnicas de enfermagem Rayline Sabrina Brito Campos, Luciney Aguiar de Souza e Raimunda Lúcia da Silva Costa. O último contato fora feito pelo piloto 1 hora e 20 minutos antes de desaparecimento.

Uma das passageiras conseguiu mandar uma mensagem de celular para o tio pedindo socorro. Rayline escreveu que estava no meio de um temporal e que o motor estava parando.

Além das buscas aéreas feitas pela FAB, voluntários também ajudaram, desde moradores de Jacareacanga, garimpeiros e índios.

O Globo

FOTO: van com turistas tomba na rodovia BR-101

Uma van que transportava turistas virou  na BR 101 neste domingo de páscoa. Segundo o proprietário da van, informou  que seu motorista foi trancado por um outro carro modelo Fox de cor preta de placas não identificadas.

A van, estava vindo da praia de Tabatinga direção Natal quando ao chegar no retorno que liga Nísia Floresta com São José de Mipibu   o motorista do Fox preto o trancou fazendo com que a van saindo da rodovia e  caindo dendro do córrego.

Apesar do susto, apenas um dos passageiros teve um machucado no ombro e foi socorrido por uma ambulância do SAMU e encaminhado para o hospital. O dano mesmo foi apenas material.

 

Fonte: Via Certa

    Nenhum Comentário

    FOTOS: confira ocorrências de trânsito deste feriadão no interior do RN

    Sexta – feira
    Um grave acidente foi registrado na tarde desta sexta-feira (18), por volta das 16h00, na RN -086 que liga Parelhas a cidade de Carnaúba dos Dantas/RN, nas proximidades da Serra da Rajada.Segundo informações, o motorista do veículo Audi, seguia com destino a cidade de Carnaúba dos Dantas, quando em um determinado percurso da estrada colidiu frontalmente com um veiculo L200 provocando esse grave acidente.
    A Policia Militar esteve no local fazendo todos os procedimentos e isolou o local, enquanto a SAMU conduzia, João Batista de Lima, 31 anos para o Hospital de Natal com urgência.
    ——————————————————————————————————————————–
    Por volta das 11:00 horas de sexta-feira (18), aconteceu um acidente automobilístico na RN-087 que liga às cidades de Florânia a Tenente Laurentino.
    O acidente ocorreu nas imediações do ”sangrador” do açude conhecido como o açude de Chico Amaral.Segundo informações repassadas pelo próprio condutor do veículo envolvido no acidente, o mesmo estava vindo de Natal para casa de parentes na cidade Tenente Laurentino, com sua filha e sua esposa grávida de seis meses e ao chegar no local onde ocorreu o acidente perdeu o controle do veículo e saiu do asfalto, porém apesar do susto ninguém se feriu.
    ———————————————————————————————————————————-
    No final da tarde de  sexta-feira , foi registrada uma colisão na rodovia RN- 086 no município de Parelhas, nas proximidades do Açude Caldeirão.Foram vitimas desta colisão, Geová José de Souza, residente na comunidade Pau dos Ferros, município de Equador e Sebastião Batista de Souza, também residente na comunidade Pau dos Ferros.Os mesmos estavam em uma moto modelo Honda CG ES 125 Titan, de cor Verde, ano 2000, Placa MXI 2752 RN, quando colidiram com um animal. (vaca). que estava solto na rodovia.

    Com várias escoriações pelo corpo, as vitimas foram conduzidas para a Urgência do Hospital Dr. José Augusto Dantas de Parelhas, onde receberam atendimento médico. A Polícia Militar foi acionada e esteve na ocorrência tomando as medidas necessárias.

    ———————————————————————————————————————————-
    Um acidente envolvendo um carro e uma moto foi registrado na noite de  sexta – feira na RN- 118 / altura do sítio Aroeira situado na zona rural de Jucurutu/RN.Causas do acidente:Informações  dão conta de que a vítima RANIERI FAUSTINO DE BRITO, 18 anos, natural de Caicó/RN residente na RUA ANTÔNIO VIEIRA, BAIRRO NOVA DESCOBERTA estava pilotando uma moto no sentido Caicó/Jucurutu quando foi surpreendido por um carro parado na contra mão o que teria provocado à colisão.

    De acordo com o Hospital Terezinha Lula foram feitos os devidos procedimento e o paciente será transferido para o Hospital Regional de Caicó.

    ———————————————————————————————————————————
    SÁBADO
    IMG-20140419-WA0014
    Na noite deste sábado, 19, por volta das 21h00., uma colisão entre um carro e uma moto foi registrada em Jucurutu, no Bairro Santa Izabel, nas proximidades da Status Dance. Segundo informações de testemunhas, a pessoa identificada por Saul, que conduzia o veículo Pálio, e o condutor da moto, identificado por Adriano, se desentenderam no trânsito e, no momento em que Saul teria sofrido uma agressão de Adriano com um capacete, teria acontecido a colisão. A Polícia não sabe informar ainda se o que ocorreu foi acidental ou proposital.IMG-20140419-WA0013
    Os Policiais do GTO, que atenderam a ocorrência, acionaram uma equipe do DPRE, que veio de Caicó para realizar os procedimentos.

      Nenhum Comentário

      Sobe para 58 o número de mortos em naufrágio na Coreia do Sul

      Mergulhadores conseguiram chegar ao casco da balsa naufragada Sewol pela primeira vez durante a madrugada deste domingo (20) e o número de mortes confirmadas aumentou para 58, com 254 pessoas ainda listadas como desaparecidas.

      Promotores sul-coreanos disseram que querem prolongar a detenção do capitão e de dois outros tripulantes da embarcação, enquanto tentam determinar a causa do acidente da semana passada que provavelmente tirou a vida de mais de 300 pessoas.

      A balsa Sewol fazia uma viagem de rotina de 400 quilômetros de Incheon até a ilha de Jeju, em uma quarta-feira de clima tranquilo, transportando 476 passageiros e tripulantes, entre os quais 339 crianças e professores de um colégio que participavam de uma excursão.

      Uma ideia mais clara sobre a hora do naufrágio começou a surgir depois que a guarda costeira divulgou uma gravação entre os controladores do tráfego marítimo e o navio.

      Testemunhas disseram que o Sewol virou bruscamente antes de começar a naufragar. Ainda não ficou claro por que o navio virou. Mais de duas horas se passaram até ele afundar completamente, mas os passageiros receberam ordens para que ficassem em suas cabines.

      De acordo com a transcrição, às 9:25 os controladores disseram ao capitão Lee Joon-seok, de 69 anos, para “resolver qual seria a melhor forma de retirar os passageiros” e que ele deveria “tomar a decisão final sobre se devia ou não deixar a embarcação”.

      Causas

      Lee não estava à frente da balsa quando ela virou. A navegação estava nas mãos de um terceiro oficial de 26 anos, que estava no comando pela primeira vez naquele trecho, de acordo com membros da tripulação.

      A transcrição mostra a tripulação do navio preocupada por não haver botes de salvamento suficientes para acomodar todos os passageiros. Testemunhas disseram que o capitão e alguns tripulantes entraram nos botes salva-vidas antes dos passageiros.

      Mais cedo, Lee disse que temia que os passageiros fossem arrastados pelas fortes correntezas se saltassem para o mar, porém não explicou por que ele abandonou o navio.

       

      IG

        Nenhum Comentário

        DE NOVO: avião da Malaysia Airlines faz pouso de emergência após problemas em voo

        A Malaysia Airlinesanunciou na segunda-feira (horário local) que um avião com 166 pessoas (159 passageiros e 7 membros da tripulação) a bordo teve de fazer um pouso de emergência em Kuala Lumpur, após o trem de pouso da aeronave apresentar problemas na decolagem.

        O voo MH192 viajava de Kuala Lumpur a Bangalore, na Índia, informou a companhia aérea. Avião fez o pouso e está tudo bem com passageiros.

        Após veículo apresentar problemas do lado direito, piloto fez retorno à Malásia. Voo havia saído às 22h09 locais (11h09 em Brasília) e pousou às 2 da manhã (15h aproximadamente) no aeroporto de KLIA (Kuala Lumpur).

          1 Comentário

          1. Dayana disse:

            Nossa! Assassinato à língua portuguesa!!

          Advogado paraibano morre após ser atropelado em Macaíba

          Um advogado do estado da Paraíba morreu após ser atropelado por um caminhão na manhã de hoje na BR-304, no município de Macaíba. A vítima foi identificada como Flávio Rogério de Aragão Ramalho, de 45 anos.

          Segundo a PRF, o advogado parou seu carro no acostamento. Ao atravessar, foi atingido pelo caminhão.

          O caminhão fugiu do local e não foi localizado. A Polícia informou que Flávio Rogério estava sozinho no carro

            Nenhum Comentário

            FOTO: princípio de incêndio em restaurante no Midway deixa clientes apreensivos

            gabgol

             

             

            IMG-20140418-WA0011

             

            Clientes que estavam na praça de alimentação do shopping Midway Mall hoje a tarde tiveram um grande susto. Houve um princípio de incêndio no restaurante Lang Chao. Uma grande nuvem de fumaça tomou conta de boa parte da praça deixando muita gente assustada e apreensiva. A praça de alimentação ficou uma hora sem funcionar.

            Mais informações em instantes.

             

            FOTOS: Erick Lima; cedida.

              Nenhum Comentário

              Incêndio mata 11 em cidade histórica do Chile

              Uma semana após ser atingido por um violento terremoto, uma nova tragédia foi registrada no Chile. Na cidade portuária de Valparaíso, um incêndio de grande proporções destruiu cerca de 500 casas e matou 11 pessoas. Ontem, os bombeiros tentavam controlar o fogo, que arrasou bairros inteiros e obrigou 10 mil moradores a desocupar suas casas.

              A presidente Michelle Bachelet declarou o local zona de catástrofe. Ela chegou ontem a Valparaíso, a 120 quilômetros da capital Santiago, para coordenar a operação de emergência. Segundo autoridades chilenas, o fogo começou na tarde de sábado em La Pólvora, uma área florestal nos arredores do porto.

              De acordo com a Secretária Nacional de Emergências, a alta temperatura e os fortes ventos levaram à rápida expansão do fogo, cujas chamas atingiram até 20 metros de altura e destruíram 800 hectares em seis morros habitados, ao redor da cidade. As causas da tragédia ainda não são conhecidas. Fontes oficiais acrescentaram que 5 mil pessoas ficaram feridas, pelo menos três pessoas com gravidade.

              Ontem, ao amanhecer, vários focos de incêndio seguiam ativos e os bombeiros alertaram que as tentativas de apagá-los eram complicadas pela geografia da cidade, que possui colinas, ruas estreitas e ventos fortes.

              Após uma noite de terror e já com a luz do dia, muitos moradores voltaram a suas casas para avaliar os prejuízos, mas, na maioria dos casos, só encontraram escombros. Mónica Vergara, por exemplo, perdeu tudo, mas salvou seus quatro filhos. Sua casa está na região de La Cruz, uma das mais afetadas.

              “Senti uma explosão de baixo da terra, que levantou toda a casa, e um bombeiro nos retirou. Perdi tudo, mas meus filhos estão vivos, e é isso que importa” disse.

              No sábado, a fumaça era intensa principalmente entre os morros, assim como o cheiro de madeira queimada. O incêndio afetou principalmente bairros pobres, instalados de forma precária e, às vezes, sem autorização. “Havia um inferno ao redor da minha família”, afirmou Miguel Ramírez, morador de Mariposas. “O fogo começou nas colinas e queimou todas as casas.”
              Luz e água. Ontem, os bombeiros seguiam trabalhando em Mariposas e La Cruz, onde persistia a fumaça. As famílias que não foram levadas a albergues permaneciam nas portas de suas casas, com medo de que o fogo voltasse.

              “Esperamos não encontrar mais vítimas fatais. Há muitos animais que também foram afetados pelo fogo. Estamos procurando entre os escombros”, disse o coronel da polícia Fernando Bywaters.

              Várias áreas afetadas pelo fogo ficaram sem energia elétrica e abastecimento de água. Autoridades locais decretaram a proibição de venda de álcool e evacuaram uma prisão de mulheres localizada na região. Foi a segunda evacuação em massa na cidade nas últimas semanas. A outra foi causada pelo alerta de tsunami após terremoto de 8,2 na escala Richter o norte do país.

              (mais…)

                Nenhum Comentário

                Sobe para 36 os mortos em acidente com ônibus no México

                Subiu para 36 o número de mortos no acidente com um ônibus de turismo que bateu contra um trailer e depois pegou fogo na madrugada deste domingo em Veracruz, leste do México, informaram as autoridades estatais.

                O acidente aconteceu à altura do município Juan Rodríguez, em Veracruz, quando o ônibus vinha da cidade de Villahermosa, no estado vizinho de Tabasco (sudeste), e se dirigia para a Cidade do México.

                Além dos 36 mortos, há quatro feridos que já foram levados para hospitais.

                No ônibus, do qual sobraram apenas ferros retorcidos, havia sido alugado por um grupo de comerciantes, afirmou a Defesa Civil.

                O trabalho de resgate das vítimas foi complicado devido ao fato de o ônibus ter sido destruído pelo fogo e por não haver meios de segurança necessários para esse tipo de incidente, disse o governador de Veracruz, Javier Duarte, à rede de TV local Milenio.

                Os acidentes em estradas são frequentes no México e matam um grande número de pessoas. Em 2012, ao menos 43 pessoas morreram no choque entre um caminhão com um ônibus em Veracruz, e poucos meses depois mais de 30 pessoas perderam a vida em outro acidente no Estado de Guerrero.

                 

                Terra

                  Nenhum Comentário

                  Veja FOTOS do acidente com o ônibus da viação Jardinense

                   

                   

                  Um ônibus da Viação Jardinense que vinha de Natal para Caicó, tombou na curva da Maniçoba, distante dez quilômetros da cidade de Currais Novos, após um pneu estourar.
                  Cerca de quinze passageiros viajavam no ônibus, contudo ninguém saiu ferido gravemente. O acidente ocorreu no final da tarde de ontem..
                  A Policias Militar e  Rodoviária Federal, estiveram no local para prestar toda assistência necessária.
                  FOTOS: Jair Sampaio – Via Certa

                   

                    1 Comentário

                    1. Antonio disse:

                      A concessão desta empresa deveria ser revogada. São linhas rentaveis ( Caicó, Currais, etc). O mínimo que se pode esperar é uma manutenção decente!!!

                    Avião da Malaysia estaria no Afeganistão com todos os passageiros vivos

                    O avião que realizou o vôo MH370, da Malaysia Airlines, pode ter sido alvo de terrorismo e seus passageiros estariam todos vivos, no Afeganistão. As informações foram divulgadas nesta sexta-feira, pelo jornal russo Moskosky Komsomolets.

                    Segundo a publicação, uma “fonte anônima” teria informado que o avião desaparecido estaria próximo à fronteira do país com o Paquistão. Ainda de acordo com o jornal, os pilotos não foram culpados, mas a aeronave teria sido sequestrada por terroristas. Um deles se chama “Hitch”.

                    O avião estaria pousado em uma estrada, perto da serra, e teria apenas uma asa quebrada. Há ainda informações de que todos os passageiros teriam se salvado e estariam vivendo em barracos, dividos em sete grupos e quase sem alimentos.

                    No entanto, as informações do jornal russo não coincidem com todas que foram divulgadas até o momento pelas autoridades da Malásia e Austrália.

                    O governo malaio afirma que a aeronave caiu no Oceano Índico e, desde então, uma operação internacional de buscas foi montada e está na região oeste da Austrália.

                    O avião da Malaysia Airlines decolou de Kuala Lumpur, com 239 pessoas a bordo, rumo a Pequim, e desapareceu no último dia 8 de março.

                    Fonte:Terra

                      Nenhum Comentário

                      Incêndio destrói cerca de 500 casas e deixa ao menos quatro mortos no Chile

                      Um incêndio florestal sem controle destruíu aproximadamente 500 casa e deixou ao menos menos quatro pessoas mortas na cidade portuária chilena de Valparaíso, 120 quilômetros de Santiago, neste sábado. O local está permanece em alerta vermelho.

                      Cerca de 5.000 pessoas foram evacuadas, incluindo mais de 200 prisioneiras. A maioria dascasas de Valparaíso, onde vivem cerca de 250 mil pessoas, é construída com material leve, facilmente inflamável, o que unido ao vento faz com que os incêndios sejam frequentes.

                      A presidente Michelle Bachelet declarou a cidade uma zona de catástrofe, o que encarrega as Forças Armadas de manter a ordem e de evacuar de milhares de pessoas afetadas pela fumaça e chamas

                      “Este é o pior desastre que eu já vi”, disse o governador da região, Ricardo Bravo. “Nosso medo é que o fogo se espalhe até o centro da cidade, o que elevaria a gravidade da emergência.”

                       

                      IG

                        Nenhum Comentário

                        Malásia desmente ligação de copiloto de avião desaparecido

                        A Malásia desmentiu neste domingo que o copiloto do avião da Malaysia Airlines desaparecido tenha feito uma ligação por celular durante o voo, como afirmou um jornal malaio, e acrescentou que não podia perturbar as investigações com especulações a respeito.

                        “Que eu saiba, não”, declarou o ministro dos Transportes malaio, Hishammuddin Husein, ao ser indagado pelos jornalistas.

                        No entanto, acrescentou que não queria realizar especulações dentro do “âmbito da polícia e outras agências internacionais”, que estão investigando o desaparecimento.

                        “Não quero perturbar as investigações que estão sendo realizadas não apenas pela polícia malaia, como também pelo FBI, o MI6, a inteligência chinesa e outras agências internacionais”, afirmou o ministro.

                        O jornal New Straits Times (NST) afirmou na véspera que o copiloto do voo MH370, desaparecido há mais de um mês com 239 pessoas a bordo, tentou fazer uma ligação com seu celular um pouco antes de o avião desaparecer dos radares.

                        A ligação foi cortada “porque, talvez, o avião se afastou subitamente da antena detelecomunicações”, afirmou o New Straits Times (NST), sem indicar para quem ocopiloto ligou.

                        Segundo outra fonte citada pelo jornal, o celular de Fariq Abdul Hamid foi “reconectado” à rede, mas não se sabe com certeza se fez uma ligação do Boeing 777 desaparecido em 8 de março.

                        O avião, que cobria a rota entre Kuala Lumpur e Pequim, teria voado a baixa altitudeperto da ilha de Penang, na costa oeste da Malásia, permitindo assim que uma rede captasse o sinal do celular do copiloto.

                        “Mas uma reconexão não significa necessariamente que ele fez uma ligação”, afirmou uma das fontes.

                         

                         

                        UOL

                          Nenhum Comentário

                          Copiloto de avião desaparecido tentou ligar do celular, diz jornal

                          Investigadores do desaparecimento do voo MH370 da Malaysia Airlines suspeitam que o copiloto da aeronave tentou fazer uma ligação com seu celular depois que o avião foi desviado da rota, disse neste sábado, 12, o jornal New Straits Times, da Malásia, citando fontes não identificadas.

                          O jornal citou fontes da investigação segundo as quais a tentativa de ligação do co-piloto Fariq Abdul Hamid foi registrada por uma torre de celular enquanto o avião estava a cerca de 200 milhas náuticas a nordeste da costa oeste do Estado de Penang. A região foi o último local em que o radar fez contato com o avião desaparecido, às 2h15 da manhã de 8 de março.

                          “A torre da empresa de telecomunicações registrou a ligação que ele estava tentando fazer. Mas a ligação foi cortada porque a aeronave voava rapidamente, e não entrou na cobertura de outra torre”, disse o New Straits Times citando uma fonte não identificada.

                          Autoridades governamentais não puderam ser imediatamente contatadas para comentar a informação. O New Straits Times citou o ministro dos Transportes, Hishammuddin Hussein, segundo o qual a informação precisaria ser verificada.

                          Mas ele questionou a notícia, dizendo que se isso tivesse acontecido, “nós já teríamos ficado sabendo antes”.

                          O jornal citou outras fontes ligadas à investigação, afirmando que o sinal do celular de Fariq foi captado, mas que poderia ser o aparelho sendo desligado, e não sendo usado em uma ligação.

                          A Malásia está focando em sua investigação criminal do pessoal de cabine e pilotos do avião — o capitão de 53 anos Zaharie Ahmad Shah e Fariq, de 27 anos — depois de desvincular qualquer dos 227 passageiros de envolvimento, disse a polícia.

                          Investigadores acreditam que pessoas com conhecimento detalhado do funcionamento do Boeing 777-200ER e de aviação comercial desligaram os sistemas de comunicação do avião antes de desviá-lo de sua rota.

                          As buscas pelo avião no sudeste do Oceano Índico prosseguiam neste sábado, em meio a temores de que as baterias das caixas pretas podem ter acabado.

                            Nenhum Comentário

                            Sinais do voo MH370 estão ‘sumindo rapidamente’

                            poderiam estar vindo do voo MH370, da Malaysia Airlines, estão “sumindo rapidamente” e encontrar a caixa-preta da aeronave será uma “tarefa gigantesca”, advertiu o primeiro-ministro da Austrália, Tony Abbott.

                            O premiê disse estar confiante de que os “pings” detectados pelas equipes de buscas seriam da caixa preta do avião desaparecido. Pings são pequenos sinais de dados emitidos a partir da caixa-preta de um avião.As baterias do dispositivo só são projetadas para durar um mês e poderão perder energia, se já não tiverem perdido.

                            A aeronave fazia a rota de Kuala Lumpur, na Malásia, a Pequim, na China, quando desapareceu, no último dia 8 de março, com 239 pessoas a bordo.

                            Tudo indica que o avião caiu no sul do Oceano Índico, mas até agora nenhum destroço foi achado.

                            As buscas envolvem mais de 20 países e estão sendo comandadas pela Austrália e coordenadas a partir da cidade australiana de Perth.

                            Os comentários de Abbott soaram mais contidos se comparados com o tom otimista demonstrado por ele na sexta-feira, quando se disse “muito confiante” de que os sinais captados uma embarcação australiana eram do Boeing 777 desaparecido.

                            “Tentar localizar qualquer coisa a 4.500 metros abaixo da superfície do oceano, a cerca de mil quilômetros da terra é uma tarefa gigantesca, gigantesca”, afirmou.

                            “Visto que os sinais da caixa preta estão sumindo rapidamente, o que estamos tentando fazer agora é tentar detectar o máximo possível (de sinais), para que possamos estreitar as áreas de buscas para a menor área possível”, acrescentou Abbott.

                            O premiê acrescentou que um micro-submarino não-tripulado munido de um sonar seria enviado para realizar uma busca no fundo do oceano, mas só assim que as equipes de resgate estiverem confiantes em relação à área identificada –mas ele se recusou a dizer quando isso deverá acontecer.

                            Após analisar dados satelitais, autoridades acreditam que o avião saiu de sua trajetória por alguma razão ainda desconhecida e caiu no sul do Oceano Índico, ao oeste da região costeira da Austrália.

                             

                            UOL

                              Nenhum Comentário

                              FOTO: Colisão entre carro e caminhão bloqueia Ladeira do Sol, sentido praias

                              1873c2b8-c4ba-475d-aab1-3dcd344d14b2

                              Na manhã desta sexta-feira (11), por volta de 9h30, um acidente entre caminhão e um carro bloqueou totalmente o tráfego na Ladeira do Sol, no sentido praias. Os veículos precisam fazer o desvio pela rua João Olímpio e depois seguir o trajeto normal pela avenida Gov. Sílvio Pedroza ou Pres. Café Filho.  O registro foi do Via Certa Natal.

                              Carregar Mais Posts