Publicidade

Castração de animais domésticos em Natal começa neste sábado

O serviço de castração animal no município, por meio dos castramóveis, foi iniciado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), com a triagem dos gatos domésticos no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). As castrações dos animais selecionados ocorrerão durante todo este sábado (23), como um plano piloto para o projeto.

O médico veterinário da SMS, Joussie Maia, explicou que a triagem dos animais compreendeu uma avaliação das condições de saúde, com exame físico e de sangue, dos gatos selecionados, para diagnóstico de possíveis doenças que possam impedir a realização do procedimento, temporariamente. “Os animais considerados aptos serão liberados para a cirurgia no dia seguinte”.

Neste primeiro momento, a ação está voltada para atender às pessoas que cuidam de três ou mais animais (ou acumuladores) que já haviam se cadastrados no CCZ para o procedimento. Após a avaliação positiva, os donos dos gatos assinaram o termo de consentimento para a cirurgia

Essa primeira etapa do projeto, desenvolvido em parceria pela SMS e a Universidade Potiguar (UnP), será avaliada posteriormente, para os ajustes que sejam necessários. O coordenador do curso de Medicina Veterinária da UnP, Rodrigo Padilha, acompanhou o trabalho de triagem, realizada no prédio do CCZ da zona Norte de Natal.

Em junho passado, os técnicos e veterinários integrantes do CCZ e voluntários de ONGs participaram do curso de capacitação para as atividades de castração. Durante a qualificação, foi abordado todo o conhecimento necessário para que seja realizada a castração, de modo a abordar a maneira correta para castração, a proteção individual adequada, formas de assepsia, como deve ser feita a captura e manejo dos animais.

 

enviar comentário
Publicidade

Malware “nRansomware” exige pagamento em nudes ao invés de Bitcoin

O grupo MalwareHunterTeam descobriu um novo ransomware que está exigindo nudes ao invés de moedas virtuais como pagamento de resgate. A mensagem do malware, apelidado de “nRansomware”, pede que a vítima envie fotos íntimas pessoais. Após o envio da imagem, seria liberada uma chave para resgatar o computador.

Ainda não há muitas informações sobre o malware, mas o programa é considerado como uma ameaça real pelo VirusTotal e Hybrid Analysis. O vírus atua por meio de um arquivo chamado “nRansom.exe”.

O ransomware força a vítima a criar uma conta Protomail para enviar ao menos 10 nudes. Além disso, o hacker decide se a conta da vítima é “legítima”. De acordo com um tweet do MalwareHunterTeam, não há como saber se é uma pegadinha bem elaborada ou se o malware é uma ameaça real.

Em todo caso desaconselhamos qualquer pagamento de resgate de ransomware, especialmente assim. Vale sempre lembrar o último grande ataque em que o pagamento não recuperou os dados de ninguém.

Adrenaline – UOL

 

enviar comentário
Publicidade

Quinze por cento das rodovias federais estão privatizadas

Foto: (Ueslei Marcelino/Reuters)

Atualmente, 15% da malha rodoviária federal são administrados pela a iniciativa privada, de acordo com levantamento da CNI com base nos dados da ANTT.

O percentual corresponde a 21 trechos, que totalizam 9 700 quilômetros. O plano do governo federal, sob a batuta de Moreira Franco, prevê a privatização de mais vinte trechos, o equivalente a 8 000 quilômetros de estradas, aproximadamente.

Radar On-line, Veja

Comentário (1) enviar comentário
  1. FORA CORRUPTOS disse:

    Obviamente que são os trechos de maior fluxo é rentabilidade. Pq é assim que funciona o capitalismo selvagem. Se fosse aqui, seria por exemplo a reta tabajara…

Publicidade

Moradores de São Miguel do Gostoso plantam flores e distribuem sementes na chegada da primavera

O dia 23 de setembro marca o início da primavera no Brasil, a estação do ano em que tudo floresce. Os cheiros e as cores invadem as casas e os jardins, período propicio para plantar flores.

Pensando assim, o Instituto de Ação Social e Cidadania Nilo e Isabel Neri (Iasnim) e a Rede Eu Sou do Amor realizam, no próximo sábado (23) às 10 horas da manhã, a Primavera do Amor em São Miguel do Gostoso com o objetivo de deixar a cidade ainda mais encantadora e florida.

A programação começa na entrada da cidade com banda de música para recepção aos visitantes e o plantio de mil mudas de Jasmim do Caribe, conhecido como Bouquet de Noiva, que na localidade foi batizado de Jasmim do Amor, pintura de muros e distribuição de sementes junto a ONG Baobá. No início da tarde, um passeio ciclístico e atividades culturais na sede do Iasnim dão prosseguimento as atividades que terá também homenagem a idosos octogenários da cidade. Já às 16 horas, as festividades constam com a realização de dança meditativa, elaboração de um coração gigante e limpeza da Praia da Xepa. O evento se encerra às 20 horas numa festa dançante no Espaço Girassol com músicas que marcaram várias primaveras.

A Primavera do Amor é uma das ações da Rede Eu Sou Do amor, que tem como objetivo mapear, unir e integrar pessoas, instituições e empresas que fazem algo pela humanidade. Em São Miguel do Gostoso a parceria foi efetiva através do Instituto de Ação Social e Cidadania Nilo e Isabel Neri e com representantes dos moradores e empresários da cidade que se uniram para receber com muito amor a primavera.

enviar comentário
Publicidade

Precatórios: magistrados defendem bloqueio por inadimplemento de entes devedores

O bloqueio de contas por inadimplemento foi o tema escolhido para o primeiro painel do 1º Seminário Nacional de Precatórios, promovido pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte nesta sexta-feira (22), na Escola da Magistratura do RN (Esmarn). O evento é uma iniciativa do TJRN e conta com a participação de juízes, desembargadores e especialistas no tema de diversos estados da Federação.

Desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo, Pedro Cauby Pires de Araújo foi o primeiro palestrante no painel. Com experiência na gestão de precatórios no tribunal paulistano, o desembargador criticou fortemente o que classificou como “calote” dos gestores públicos em relação aos precatórios.

“O precatório foi concebido como uma forma de organizar o pagamento da dívida das unidades federativas, organizando a fila para o pagamento. Acontece que ele se tornou com o tempo uma ferramenta de não pagamento, acumulando uma série de credores. A única maneira de evitar que isto aconteça é respeitando o orçamento”, afirmou Araújo.

De acordo com o raciocínio exposto pelo desembargador, a forma de combater um possível calote de gestores públicos a seus credores – cidadãos comuns, como destacou – é por meio da aplicação de sanções àqueles que não cumprem com o pagamento, como o bloqueio por inadimplemento.

“Os tribunais não podem ficar preocupados com a verba que será bloqueada. O precatório é uma dívida transitada em julgado. É obrigação do Estado ou Município pagar ao credor. Quando eles não pagam, estão descumprindo uma decisão judicial. É necessário que se faça algo mais objetivo, como o bloqueio, para que o dinheiro seja destinado ao pagamento dos precatórios”, frisou.

Na sequência, encerrando as palestras da manhã, a juíza Sílvia Maria Bentes de Souza Costa, do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA), discorreu sobre a aplicação do bloqueio por inadimplemento e a importância dos tribunais estaduais cumprirem com o pagamento dos precatórios.

“O sequestro não ocorre somente pela vontade do presidente do Tribunal de Justiça. Ele pressupõe um requisito, que é a inadimplência do ente federativo. É uma obrigação constitucional de o gestor cumprir com o pagamento dos precatórios. Ou seja, apenas se ele não cumprir a obrigação é que vem a punição: o sequestro”, explicou.

A magistrada ainda falou sobre a importância do Judiciário se manter transparente sobre suas ações e sobre o papel que desempenha perante a sociedade. Segundo Costa, o próprio conhecimento da população seria um fator importante para diminuir a pressão sobre os juízes ao definir pelo bloqueio de uma conta.

“A partir do momento que a população entender que o Judiciário é apenas um cobrador e que o precatório não é direcionado ao Judiciário, mas sim ao credor, que pode ser um professor, médico ou enfermeiro, alguém que já esgotou o processo legal, ele passará a cobrar o próprio gestor público pelo pagamento”, opinou.

Além dos palestrantes, a mesa também foi composta pelo juiz Eduardo Fontenelle, do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) que mediou o debate.

TJRN

 

enviar comentário
Publicidade
Publicidade

Lula diz que petistas devem doar dinheiro para partido não precisar ‘fazer negociata’ atrás de fundo

Foto: Edilson Dantas / Agência O Globo

Ao convocar os militantes do PT a fazer doações, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta sexta-feira, em São Paulo, que o partido precisa encontrar mecanismos para se auto-financiar e não precisar “ficar fazendo negociata atrás de um fundo”. Mais adiante, o petista disse, porém, ser defensor da criação do fundo público para financiar as eleições.

— Quem tem que financiar as nossas armas somos nós mesmos. Nós precisamos voltar a ter, junto com a campanha de filiação, uma campanha de convencimento de que uma pequena contribuição de cada companheiro pode ajudar o PT a não precisar de dinheiro empresarial e não ficar fazendo negociata atrás de um fundo que a sociedade compreenda que possa ser imoral para o partido — declarou Lula, durante o lançamento de uma campanha virtual da legenda para atrair novos filiados.

Apesar de ter relacionado o fundo a uma eventual “negociata”, o ex-presidente foi contraditório, em seguida, ao defender a sua implantação:

— Sou defensor do fundo partidário. Acho que é a forma mais democrática de fazer política neste país. A sociedade tem que saber quanto vai custar uma eleição, quanto cada partido tem direito e vai fiscalizar.

Em outro momento, Lula ironizou os partidos que pretendem mudar de nome. O PMDB, do presidente Michel Temer, passará a se chamar MDB. O DEM, do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, estuda uma mudança em sua denominação, além de legendas menores como o PTN, que virou Podemos, e o PEN, que passará a se chamar Patriota.

— Os partidos estão com vergonha de dizer que são partidos políticos. As pessoas estão inventando nome. Daqui a pouco é maionese, é vamos que vamos, é nós podemos, nós queremos. Nascemos PT e queremos terminar sendo PT.

O Globo

 

Comentários (4) enviar comentário
  1. IVAN NOGUEIRA DE MORAIS disse:

    A Classe Trabalhadora precisa provar e demonstrar seu valor em bancar todas as iniciativas do Partido. Não podemos ser reféns dos Empresários. A saída será sempre o Voto Consciente !!!

  2. Joca disse:

    Esse verme ladrao condenado vem falar merda

  3. CURITIBA JÁ disse:

    kkkkkkkkkkkk, um partido que ficou 13 anos recebendo doações legais devidamente registada no tre, (aquele bla bla bla ) para enganar idiotas , e agora vem pedir dinheiro aos militontos pé muita cara de pau, sera que vai aparecer algum idiota que vai chegar a este ponto???

  4. Vicácio Ribeiro disse:

    Dessa fala de Lula o que se tira de proveitoso? O que tem a ser considerado?
    Tudo que os outros fazem é questionável e criticado pelo PT, só quem faz certo é o PT.
    Qualquer iniciativa de outro partido o PT desfaz.
    O PT passou 20 anos na oposição prometendo e 13 no poder sem fazer, faltou o quê?
    O PT explorou a máquina pública a exaustão e não consolidou 10% do que tanto prometeu.
    O PT sempre é contra projetos que possam elevar o nível de alguma área, pois o PT só sabe trabalhar com o caos implantado.

Publicidade
Publicidade

Bancos brasileiros que se cuidem: os chineses vêm aí

Foto: (David Gray/Reuters/VEJA)

Uma comitiva do governo chinês esteve no Senado ontem à tarde. Eles avisaram aos parlamentares que estão preparando o terreno para a chegada de bancos chineses no Brasil.

Durante as conversas, reiteraram os já conhecidos planos de investimento em projetos de infraestrutura.

Radar On-line, Veja

enviar comentário
Publicidade

Parnamirim recebe neste final de semana o III Open RN de Plastimodelismo

Parnamirim receberá neste final de semana, o III Open RN de Plastimodelismo 2017, no Cine Teatro na Cohabinal. Organizado pelo grupo de Plastimodelismo e Pesquisa JG 400 e Projeto Cultural Gallopin Ghost Models, o evento não tem fins lucrativos e terá entrada franca, sendo uma opção de lazer para toda a família.

Com o apoio da Prefeitura, o III Open RN apresentará ao público exposições de carros antigos, inclusive com viatura militares antigas, motos, veículos Off Road e estandes de forças militares, além de Plastimodelos. Sábado e domingo: Das 9h às 17h No Cine Teatro Vereador Paulo Barbosa – Parque Aluízio Alves – Cohabinal

Comentário (1) enviar comentário
  1. Domingos Fernandes disse:

    Muito bacana vou levar meu filho

Publicidade

Governo do Estado decreta corte de R$ 63 milhões no orçamento dos poderes; AL, TJ, MP, TCE entre eles

Um decreto assinado pelo governador Robinson Faria (PSD) e publicado nesta sexta-feira(22, no Diário Oficial do Rio Grande do Norte, contingenciou R$ 63 milhões dos orçamentos dos poderes estaduais. O valor equivale à frustração – a diferença negativa entre as receitas previstas e os recursos que realmente foram arrecadados – entre janeiro e agosto deste ano.

Confira íntegra do DOE abaixo(ou link aqui):

Reprodução

PODERES / ÓRGÃOS¹

VALORES A CONTINGENCIAR

Assembleia Legislativa
5.215.339,38

Fundo Legislativo do Estado do RN
496.502,07

Fundação Djalma Marinho
462.738,88
Subtotal
6.174.580,33

Tribunal de Contas
1.558.969,38

Fundo de Reaparelhamento e Aperfeiçoamento do TC
117.673,87
Subtotal
1.676.643,25

Tribunal de Justiça
5.203.352,14

Fundo de Desenvolvimento da Justiça – FDJ
4.499.245,73

Fundo Estadual da Segurança dos Magistrados – FUNSEG
263.405,22
Subtotal
9.966.003,09

Defensoria Pública Geral do Estado
534.400,59

Fundo de Manutenção e Aparelhamento da DPGE
238.069,73
Subtotal
772.430,32

Procuradoria Geral da Justiça
2.585.946,09

Fundo de Reaparelhamento do Ministério Público – FRMP
1.452.078,79
Subtotal
4.038.024,88

Poder Executivo
40.508.758,33
Subtotal
40.508.758,33

Total do Orçamento
63.136.480,20

 

 

Comentários (10) enviar comentário
  1. Rodrigo disse:

    Finalmente alguma coisa realista hein governador!?
    Agora tem que acabar as regalias dos juízes e promotores com tudo que tipo de auxílio e gratificações, criando vários artifícios que todo mundo já sabe, visando driblar o teto salarial quando devia ser 33mil e ganham mais de 50mil, uma verdadeira farra desses caras de pau.
    Fim do auxílio moradia já!!!

  2. Carlos Teixeira disse:

    Vão recorrer! E vão levar!
    Rosalba tentou fazer isso. O judiciário recorreu. E Lewandowski mandou pagar.
    Não importa se houve frustração de receita e o governo não tem dinheiro para as despesas básicas – saúde, educação, segurança – nem para pagar os salários do executivo.
    As verbas do judiciário são intocáveis!

  3. Heineken disse:

    Finalmente uma bola dentro.

  4. Almir Dionisio disse:

    Não fez mais que sua obrigação – o executivo sempre paga o pato – e olhe que são os menores salários – excluindo os auditores fiscais e procuradores.
    Tá na hora de pensar na fatia maior que vem sofrendo durante todo o governo com atraso de salário.
    Chega de DESgoverno – agora tenta limpar a barra e fazer maquiagem para tentar reeleição.

  5. 007 disse:

    APOIADO !

  6. Otávio Soares de Moura Linhares disse:

    Nunca vi um governador ter tamanha coragem, dividir o peso do problema entre os poderes.
    Historicamente sempre sobra para o Executivo, os demais nem parecem que são do RN, pois se a receita diminui, as despesas dos outros poderes sempre aumentam.
    O Executivo tem se se virar para arrecadar e repassar o que foi solicitado pelos demais poderes, cortando apenas na pele das obras, serviços e salários do executivo, exatamente quem arrecada vai para o sacrifício. Me corrijam se estiver errado.

  7. Claudomiro disse:

    Finalmente o Governador acertou uma. Parabéns!

  8. Sergiomacaiba disse:

    Salário de agosto agora será que sai

  9. Everton disse:

    Apoiado.

    • Everton disse:

      Sejamos um pouco mais objetivos, sobretudo em uma situação em que o orçamento público norte-riograndense está distribuído em 56% para pagamento de servidores, quase um quarto para transferência de duodécimos e 11% para tapar o rombo previdenciário estadual. Tomemos como exemplo, mas não de forma seletiva, o que se passa bem perto de nós.
      Hoje, o nosso vizinho, a Paraíba, tem cerca de três bilhões de reais a mais por mandato para investir em segurança, pagar os salários dos servidores em dia – lá bem menores do que os daqui – e realizar outros investimentos. A Paraíba gasta 17% de toda a sua arrecadação para manter os poderes (judiciário, legislativo, MP, Tribunal de contas, etc). Já o RN transfere cerca de 23,5%, um dos maiores repasses do país entre todos os entes federados. (MENEZES, Daniel)

Publicidade

Empresários da indústria estão mais confiantes, diz CNI

Os empresários estão mais confiantes, segundo pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulgada nesta sexta-feira (21) pela internet. O Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei) alcançou 55,7 pontos em setembro, o maior nível desde março de 2013, antes do início da crise econômica.

Com o aumento de 3,1 pontos em relação a agosto, o indicador deste mês é superior à média histórica de 54 pontos. Os indicadores da pesquisa variam de zero a cem pontos. Quando ficam acima de 50 pontos, mostram que os empresários estão confiantes.

A confiança é maior nas grandes indústrias, segmento em que o índice alcançou 57,4 pontos. Nas pequenas empresas, o indicador ficou em 53,4 pontos e, nas médias, foi de 54,7 pontos.

O índice de confiança sobre as condições atuais aumentou 4 pontos em relação a agosto e alcançou 50,5 pontos.

Foi a primeira vez, desde novembro de 2012, que o indicador ficou acima da linha divisória dos 50 pontos, informou a CNI. A pesquisa foi realizada entre 1º e 15 deste mês com 2.966 indústrias em todo o país.

Agência Brasil

enviar comentário
Publicidade