Prefeitura banca estrutura e cachê para Diante do Trono

Ontem, na Nova FM, no programa Papo Cabeça, esse blog perguntou ao secretário chefe do Gabinete Civil, Kalazans Bezerra, por duas vezes, se a Prefeitura do Natal tinha bancado o show da banda Diante do Trono.

Ele negou.
 
“Demos apoio logístico ao show. Limpamos meio fio, a rua etc, mas bancar o evento não”. “muito menos pagamos o teatro riachuelo” “se por acaso teve algum patrocínio eu não tenho conhecimento” Essas foram as palavras firme do Secretário Kalazans Bezerra. 
 

Não é o que diz a verdade oficial.


O Diário Oficial do Município desta terça-feira (26) traz extrato no valor de R$ 250 mil, que a Prefeitura firmou com o Instituto Oásis, de Belo Horizonte, para bancar o show. Segue a cópia do extrato de pagamento.
 
EXTRATO DE CONVÊNIO
PROCESSO Nº: 0029056/2011-19
CONVENENTES: SECRETARIA MUNICIPAL DE TURISMO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E FUNDAÇÃO OÁSIS
ENDEREÇO: R. Angico, 283 – Belo Horizonte – MG
OBJETO: Celebração de convênio visando proporcionar a divulgação turística da Cidade do Natal, por intermédio da divulgação e realização do evento que ocorrerá no dia 16 de Julho de 2011, na Praia do Meio, da banda “Diante do Trono”, conforme Emenda parlamentar N°57.
CLASSIFICAÇÃO DA DESPESA: 23.695.025.2-636 – Fortalecimento do Fluxo Turístico
ELEMENTO DA DESPESA: 3.3.50.39 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Jurídica
SUB-ELEMENTO DA DESPESA: 99 – Outros
VALOR: R$ 250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais) – FONTE 111
FUNDAMENTO LEGAL: LEI 8.666/93 – art. 116
DATA DA ASSINATURA: 11/07/2011
ASSINATURAS:
PRIMEIRA CONVENENTE – TERTULIANO PINHEIRO
SEGUNDA CONVENENTE – RODOLFO LUIZ AQUINO HAUCK

No convênio está informando que foi através de uma emenda parlamentar. Quem foi o autor? Qual o valor desta emenda? Essa emenda foi aprovada quando?

Porque a Prefeitura não é clara, não informou desde o início que seria uma emenda de parlamentar com convênio com a Prefeitura?

Qual o problema de se deixar tudo as claras?

Publicidade

Comentários:

  1. Ataulfo Alves disse:

    Se foi por emenda parlamentar deve ter sido de Albert Dickson, pois ele foi o interlocutor com a Prefeitura. Aliás o nobre vereador deve ser muito grato ao erário municipal: Convênio com a clínica de olhos dele.

  2. [email protected] disse:

    VIXE MARIA!!!!