Preso de Alcaçuz suspeito de matar guarda municipal em Natal morre por “asfixia a esclarecer”

É destaque no portal G1-RN. Um dos suspeitos de ter matado um guarda municipal em fevereiro, em Natal, morreu no último dia 10 após passar mal em Alcaçuz. O corpo de Caio Victor de França, de 25 anos, chegou ao Instituto Técnico-Científico de Perícia nesta quarta-feira (15) e a causa da morte, de acordo com o órgão, é ‘asfixia a esclarecer’.

Caio Victor é suspeito de participar da morte de Abimael Freitas, de 50 anos, no dia 14 de feveiro e foi preso no mesmo dia. O guarda chegou a ser socorrido com vida, mas não resistiu. Segundo a Polícia Militar, Abimael estava do lado de fora do posto quando um carro preto parou e dois homens efetuaram pelo menos 10 disparos. Veja detalhes de laudo do Itep e ainda a morte por “asfixia” do guarda clicando aqui

 

Publicidade

Comentários:

  1. Alexandre Magno disse:

    Suspeito? Sei não enquanto se tratar bandido filmado matando como suspeito eu suspeito que nada ser a feito pelo cidadão de bem .

  2. Charles disse:

    Pelo que li foi asfixia. Ele se matou. Arquiva o caso e é só torcer pra o resto fazer a mesma coisa.

  3. Edu disse:

    Notícia animadora para um final de tarde, que o satanás o tenha recebido com carinho.