PSD aproveita onda de paralisações no RN e entra em greve

A representação do Partido Social Democrata no Rio Grande do Norte entrará em greve hoje aproveitando a onda de paralisações iniciada em razão do descumprimento da implantação dos planos de cargos e salários.

O PSD defende que o acordo com o Governo do Estado não incluía cooptar deputados que já foram anunciados como quadros do partido, tais como o presidente da Assembleia Legislativa Ricardo Motta, Vivaldo Costa, Raimundo Fernandes e Gustavo Carvalho.

O Executivo estadual informou que não negocia com grevistas sem que antes voltem às suas funções. O anúncio causou tumulto. “Ninguém no PSD sabe exatamente qual o seu papel”, disse um filiado do partido ao blog.

*Todas as publicações de Sátira são criações do blog.

Publicidade

Comentários: