Gancho Igapó

Publicidade

iPhones têm 2º semestre seguido de recorde, e receita da Apple cresce 27%

A Apple vendeu 61,2 milhões de iPhones nos primeiros três meses deste ano, um aumento de 40% em relação ao mesmo período de 2014 -trata-se do segundo trimestre seguido em que a companhia bate recorde na comercialização desses smartphones.

O resultado foi determinante para que a companhia liderada por Tim Cook tivesse aumento de 27% nas receitas no período, valor que chegou a US$ 58 bilhões. O lucro líquido foi de US$ 13,57 milhões, 33% a mais que os US$ 10,2 bilhões do primeiro trimestre de 2014.

“Nós estamos vendo um número maior de pessoas mudando para o iPhone do que em ciclos anteriores, e iniciamos um trimestre excitante com o lançamento do Apple Watch”, afirmou Cook, em comunicado.

enviar comentário
Publicidade

Sejuc instaura investigação em Alcaçuz

A Secretaria de Estado da Infraestrutura iniciou o processo de fechamento do túnel encontrado na manhã desta segunda-feira (27) na penitenciária de Alcaçuz, após uma ação conjunta entre policiais do Batalhão de Choque da PM e agentes penitenciários. O secretário estadual de Justiça e Cidadania, Edilson França, determinou ao diretor de Alcaçuz, Eider Brito, e ao coordenador penitenciário, Durval Oliveira, que seja instaurado um inquérito policial e aberta uma investigação administrativa para o caso.

De acordo com o secretário Edilson França, toda e qualquer infração ou lesão de lei resulta em uma apuração administrativa, além de um inquérito policial quando se tratar de ação penal. O titular da Sejuc disse ainda que o trabalho da polícia foi fundamental para evitar uma fuga do presídio.

Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar do RN (BPChoque) já estão orientados a intensificar os patrulhamentos nas áreas onde se situam as unidades prisionais.

Diante dos últimos acontecimentos envolvendo o Sistema Prisional do Rio Grande do Norte, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), solicitou a renovação da permanência da Força Nacional de Segurança Pública no RN, a fim de garantir um reforço policial nas áreas ao entorno das unidades prisionais consideradas mais críticas pela Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania (Sejuc). Além disso, os militares da Força Nacional também estão disponíveis para colaborar, sempre que necessário, nas intervenções nos presídio, em apoio aos agentes penitenciários.

O Governo do RN também autorizou, por meio da liberação de diárias operacionais, a complementação de mais policiais militares para reforçar as guaritas dos presídios e, assim, obter uma maior fiscalização quanto a rotina diária dos presos.

DO BLOG: São tantos túneis em Alcaçuz, que virou brincadeira nas redes sociais a imagem da construção do Eurotúnel.

enviar comentário
Publicidade

Investigado na Lava Jato, José Dirceu fecha firma de consultoria

Investigado em um inquérito sigiloso na operação Lava Jato, o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu encerrou suas atividades como consultor de grandes grupos empresariais.

Em um ofício enviado ao juiz Sergio Moro, o advogado do petista, Roberto Podval, informou que a empresa da JD Assessoria e Consultoria Ltda demitiu os seus funcionários e pôs à venda o prédio na rua República do Líbano, no Ibirapuera, onde funcionava.

Todas as linhas telefônicas da empresa já foram desativadas.

A firma foi aberta em 1998, mas Dirceu só começou a trabalhar como consultor em 2006, logo depois de ser abatido pelo escândalo do mensalão. Conforme a Folha de S.Paulo revelou no início de abril, a JD Consultoria teve receitas brutas de R$ 39,1 milhões entre 2006 e 2013.

No ofício ao juiz Moro, o advogado de Dirceu afirma que a JD está “inoperante”, mas ainda não foi formalmente encerrada porque ainda tem débitos tributários em parcelamento. “A empresa peticionária já cessou todas as suas atividades e não tem nenhum pagamento a receber”.

Segundo ele, a empresa chegou a ter 15 empregados em 2013, oito no ano passado e “recentemente demitiu todos os funcionários restantes, com exceção de uma, por razões de preservação de direitos trabalhistas”.

O defensor também pede que o ex-ministro seja chamado a depor em um inquérito policial que corre em segredo de Justiça e apura se Dirceu recebeu propina de pelo menos duas empreiteiras suspeitas de integrar o cartel que agia na Petrobras: a Toyo Setal e a Engevix. Em ocasiões anteriores, Dirceu negou que as atividades de consultoria envolvessem a estatal e que todos os pagamentos se referiam a serviços prestados.

YOUSSEF

O ex-ministro entrou no radar da investigação sobre o esquema de corrupção na Petrobras depois que o doleiro Alberto Youssef afirmou que o petista recebia pagamentos do empresário Júlio Camargo, da Toyo Setal. Nas planilhas que controlavam pagamentos de suborno, segundo Youssef, Dirceu era associado à sigla “Bob”.

A quebra de sigilo bancário e fiscal da JD Consultoria mostrou que recebeu R$ 10 milhões de empreiteiras e firmas suspeitas de pagar propinas em troca de contratos com a estatal -entre as receitas, R$ 1,45 milhão vieram da Jamp Engenheiros Associados, de Milton Pascowitch, apontado como um dos onze operadores da propina na Diretoria de Serviços, comandada por Renato Duque (indicado pelo PT). Pascowitch era ligado à Engevix.

Tanto a Engevix quanto Dirceu negam que os pagamentos sejam propina disfarçada. O executivo Gerson Almada, preso em novembro, afirmou que Dirceu prestou serviços à Engevix prospectando negócios no exterior.

Folha Press

enviar comentário
Publicidade

Trabalho Seguro-RN lembra do Dia em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho

MostraImagemNesta terça, 28 de abril, faz 46 anos que uma explosão em uma mina nos Estados Unidos vitimou fatalmente 78 trabalhadores. Em 2003, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) instituiu a data 28/04 como um dia para reflexão e reforço dos ideais de prevenção dos acidentes e doenças do trabalho.

Segundo a OIT, os acidentes de trabalho são a causa da morte de mais de dois milhões de trabalhadores no mundo por ano. São três pessoas que morrem a cada minuto devido a condições impróprias de trabalho. Os setores que apresentam menores condições de segurança em todo o mundo, inclusive no Brasil, são a agricultura, a construção civil e a mineração.

Conforme o último Anuário Estatístico da Previdência Social, lançado em janeiro de 2015 e referente a 2013, foram registrados, naquele ano, 717.911 acidentes de trabalho no Brasil que resultaram em 2.792 mortes.

Para promover uma reflexão e o reforço dos ideais de prevenção dos acidentes e doenças do trabalho existe o Programa Trabalho Seguro do TST e CSJT que realiza, durante todo o ano, atividades de conscientização para trabalhadores e empregadores.

No Rio Grande do Norte, o Programa é desenvolvido pelos juízes do trabalho Alexandre Érico e Simone Jalil que atuam na realização de palestras educativas em empresas, escolas e Universidades, participam de Semanas de Prevenção de Acidentes do Trabalho quando esclarecem dúvidas de trabalhadores e empregadores, além da realização de um Seminário anual e do Prêmio Trabalho Seguro de Jornalismo, dentre outras ações.

Nos dias 16 e 17 deste mês, os Gestores Regionais do Programa Trabalho Seguro de todo Brasil estiveram reunidos no TST para uma avaliação das ações implementadas no ano de 2014 e, ainda, para uma apresentação das ações programadas para a campanha 2015 que tem como tema a NR12 que trata dos cuidados com o manuseio de máquinas e equipamentos.

“Nessa reunião foram apresentadas as realizações do programa em 2014 traçando um paralelo diante das metas prefixadas para o programa e, das 06 Metas para o biênio 2014/2015, o Trabalho Seguro-RN cumpriu 05″, informou o juiz do trabalho Alexandre Érico Alves.

Para lembrar o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho, a juíza Simone Jalil vai participar, nesta terça-feira (28), às 18h, do I Seminário pela Construção de uma Cultura de Prevenção de Acidentes na SST, no Instituto Federal de Educação Tecnológica do Rio Grande do Norte (IFRN).

O evento é realizado pelo curso de Saúde e Segurança do Trabalho e acontece até a quarta-feira (29), das 18h às 22h, no Auditório Pedro Silveira e Sá Leitão do Campus Natal Central.

Fonte: Ascom – TRT/21ª Região

enviar comentário
Publicidade

FOTOS: ‘Museo della Merda': Itália tem museu dedicado ao cocô

102_2736-blog-museo-merda
No Louvre, em Paris, você encontra obras dos mais variados estilos, de artista consagrados. No MoMa, em Nova York, as portas são abertas para a arte moderna. Na Itália, entre dezenas de importantes museus, uma chama atenção pela “matéria prima”. O Museo della Merda, em Castelbosco, é dedicado simplesmente ao cocô.

Situado em uma fazenda de criação de gado para produção de Grana Padano, o museu rende homenagem às várias formas do cocô: humano, animal e até de dinossauros. Sim, há peças de cocô fossilizadas! Além disso, o local reproduz instalações arquitônicas erguidas com a utilização de esterco.

Nas palavras da direção do museu: “Um gabinete de curiosidades contemporânea que encontra o seu princípio na ciência e na arte de transformação”.

A ideia, nas palavras dos curadores Luca Cipelletti, Gaspare Luigi Marcone e Massimo Valsecchi é “dar ao cocô o valor que ele tem”, na prática e metaforicamente. Eles exigem que o museu não seja encarado como uma brincadeira.

102_2736-blog-museo-shitO Globo

enviar comentário
Publicidade