Publicidade

Governo do RN expõe frustração de receitas, adia definição de calendário de pagamento de servidores, e deverá seguir com faixas salariais

29269247161_a384c8528f_zComo já vem ocorrendo nos últimos meses, o Governo do Rio Grande do Norte pretende pagar os salários de setembro dos servidores por faixas salariais. A situação da Folha foi discutida durante reunião nessa quarta-feira (28) com a presença de líderes sindicais, do secretário estadual de Planejamento Gustavo Nogueira e da secretária-chefe da Casa Civil Tatiana Mendes Cunha. Durante o encontro, o Governo, mais uma vez, expôs a frustração de receitas como motivo pelo qual ainda não é possível definir o calendário de pagamento do mês de setembro.

Segundo o o secretário Gustavo Nogueira, a frustração de receitas já ultrapassa o montante de 300 milhões de reais neste ano, sem contar com a  queda significativa no Fundo de Participação dos Estados, que representa 40% das nossas transferências federais.

O calendário e a forma de pagamento do mês de setembro deverão ser anunciados em uma nova reunião no dia 6 de outubro.

Comentários (17) enviar comentário
  1. ana disse:

    Colocar a culpa de mal gestão somente nos petistas e seus eleitores é conversa pra boi dormir. Pois muitos dos milhões e bilhões supostamente desviados a justiça apreende, só não se sabe , de fato, pra onde será encaminhado.
    Além do mais temos vários estados que não estão com essa "conversa"
    A verdade é que esse governador não está nem preocupado com os servidores, se contas estão em atraso, se estão passando fome, se tem ou não dinheiro pra ir trabalhar.
    Estão omitindo e mentindo para a população sobre as arrecadações, seu governador Robson me fez de trouxa só uma vez, não tem mais meu voto.
    Verifiquem os dados das arrecadações no portal da transparência meu povo.
    A pergunta a ser feita é, por que estados menores ou maiores , com arrecadações menores ou maiores estão com sua folha de pagamento dos servidores em dia?
    E não aceitar a conversa de que vários outros estados estão falidos.
    Falidos por mal gestão e motivos políticos de INTERESSE PRÓPIO.

  2. Preceptor disse:

    Todo sofrimento do trabalhador brasileiro é culpa dos petistas e seus eleitores. Quase todos os estados estão com problemas financeiros cujas as origens remonta à política econômica dos governos petistas e, principalmente, do apoio dos petralhas às oligarquias políticas nos Estados. O atual governador teve o apoio do PT nas eleições pretéritas.

  3. Paulo disse:

    Vergonha esses nos políticos, Alves ,Maia, Farias e outras oligarquias, nunca que vamos ser gente de fato é de direito, com essas famílias cada vez mais ricas e a nossa população empobrecida . Só vivem da políticas e são todos milionários com os cargos que ocupam , desviando verbas e mais verbas para suas contas secretas e milionários, teríamos que ter no mínimo 1.000 Sérgio Moura , porque os outros são também vendidos.

  4. JUNI0R PINHEIRO disse:

    VOTEI NESSE SR. E ESTOU ARREPENDIDO, MEUS AMIGOS E AMIGAS ESTAO VENDO A SITUAÇAO DO SERVIDOR ESTADUAL E GARANTO NEM E NEM MEUS AMIGOS VOTARAO MAIS NESSE SR. OU MESMO EM QUEM ELE INDIQUE!!!!! PIOR GOVERNO DOS ULTIMOS TEMPOS …..FORA !!!!!!

  5. ana catarina godeiro araujo disse:

    Tem secretaria recebendo no dia 30 e já recebeu 40 por cento do décimo desde de junho

    • pronto falei disse:

      A Assembleia , o Ministério Público e o Tribunal de Justiça já receberam a antecipação dos 40% do 13º, desde junho e ainda receberam um tal de duodécimo.

  6. Luciana disse:

    Robinson nem mais pra sindico.

  7. escritor disse:

    Pra concluir presidente…….Olhem se a PB e o PI torraram 700 milhoes do fundo previdencia para pagar folha.

  8. Fora PT Cramunhão disse:

    De pior a pior. É a cantiga da perua.

  9. escritor disse:

    O estado mais rico do nordeste, o Piaui, o governo em janeiro lancou o calendario de pagamento de 2016 e 2017. O maximo de atraso, em alguns poucos meses de 2016, sera de pagamento ate o dia 13. Em 2017 pagamento.previsto para no maximo 5 dia do subsequente. Enquanto isso o miseravel RN….

  10. escritor disse:

    site www paraiba gov br mostra que no Estado vizinho o pagamento da folha de setembro sera dias 29 e 30. Aqui no RN a.folha de agosto terminou de ser paga dia 26 de setembro
    Mera opcao politica do Governador.

    • M. D. R. disse:

      Quando era candidato ao governo do ESTADO o Sr. ROBISON, disse no palanque fazendo críticas a ex. -governadora recursos tem o que está faltando é GESTÃO é agora tem ou ñ tem!!..

  11. pronto falei disse:

    Pergunte aos funcionários do TJ, MP e AL, se já receberam e se não receberão até o dia 30/09. O salário não sai todo do dinheiro do Estado, mas existe um grande repasse, que garanto que já foi pago.

    • Aurélio disse:

      Governo ruim e sem rumo é assim mesmo. Agora o que não pode é haver dois pesos e duas medidas com os marajás recebendo seus polpudos salários na frente dos outros.

    • M. D. R. disse:

      Recebe antecipadamente. Só que os barnabés do executivo serão os últimos.

  12. Chico disse:

    Mais eu garanto que os salários dos Secretários e o do Governador serão os primeiros a receber, que hoje são os maiores. Pimenta no dos outros é refresco. Todo mês a mesma coisa, se não tem condições de gestão peça pra sair é mais honroso.

  13. escritor disse:

    Nao houve queda de repasse do Fundo de Participacao. Basta ver os numeros de 2015 e 2016 no Portal da transparecia. A arrecadacao de ICMS no mes passado foi a maior do ano. Porque no Nordeste somente o RN esta atrasando salarios dessa forma? Porque fez uma opcao politica. Nao vou atrasar investimentos e nem alguns fornecedores e vou atrasar o funcionalismo. Pq a paraiba nao atrasou. Seria a Paraiba uma estado nadando em dinheiro?

Publicidade

Governo do Estado inicia pagamento dia 5 para quem recebe até R$ 2 mil

robinson

Foto: Assecom

O Governo do Estado anunciou que o pagamento dos servidores públicos inicia na próxima sexta-feira (5). Os primeiros a receber serão aqueles com vencimentos até R$ 2 mil, sejam eles ativos, inativos ou pensionistas.

O calendário seguirá por nove datas em sequência até atingir o patamar dos que recebem acima de R$ 10 mil. O Governo prev~e que todos recebam até o dia 13, mas pode chegar até o dia 18 de agosto.

 

 

Comentários (8) enviar comentário
  1. Junior pinheiro disse:

    Será que o governo pagará os juros de nossos cartoes ou teremos que arranjar bicos para arcar com isso ou será pior ainda teremos que parar para e trabalhar somente quando receber, pare obras se tiver, economize em outras áreas, mas pague em dia pois somos servidores e auxiliares diretos do governo!!!!!

  2. Rômulo disse:

    Todo mês é esse terrorismo com os servidores, alterando datas e critérios para pagamento! Meu voto ele jamais terá de novo, nem voto em ninguém que ele apoiar!

  3. PINHEIRO disse:

    OS VENCIMENTOS DOS SERVIDORES DEVERÁ SER REALIZADO ATÉ O ÚLTIMO DIA DE CADA MÊS, CORRIGINDO-SE MONETARIAMENTE OS SEUS VALORES, CASO O PAGAMENTO SE DER ALÉM DESSE PRAZO, CONFORME DETERMINA O ARTIGO 28, § 5º DA CONSTITUIÇÃO ESTADUAL DO RIO GRANDE DO NORTE.

    • Val Lima disse:

      Abre-se um parêntese entre as palavras "servidores/deverá", acrescentando-se a seguinte frase "quando houver recursos"…..
      Esse é o entendimento do Governo do RN….

  4. marcelo costa disse:

    Governo ja esta usando. Segundo repasse. Federal. Para pagar o servidor tem que gastar com os candidatos dele para prefeito. No interior

  5. Jose de souza disse:

    Este e gov. Da frustacao de receita, saude, seguranca, educacao.

  6. Lorena Galvão disse:

    o valor e liquido ou bruto temos que saber

  7. paulo martins disse:

    Resumindo: o Estado terminará de pagar o mês de julho aos seus servidores com duas semanas de atraso.

Publicidade

Governo e Forças Armadas discutem atuação no RN

Governo do Estado e forças armadas discutem atuação o RN (5)

Foto: Assecom

A cúpula da Segurança Pública do Rio Grande do Norte esteve reunida durante a manhã desta segunda-feira (1º) com representantes do Exército Brasileiro para discutir o apoio das forças armadas no enfrentamento aos atos de vandalismos que estão ocorrendo desde a sexta-feira (29) no estado. Neste domingo (31), o presidente Michel Temer atendeu ao pedido do governador Robinson Faria e garantiu o reforço de 1.200 homens das forças armadas, sendo mil homens do Exército e 200 fuzileiros navais, para atuar no RN.

O secretário de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), Ronaldo Lundgren, participou do encontro acompanhado do delegado geral da Polícia Civil, Cleiton Pinho, do comandante do Corpo de Bombeiros Militar do RN, coronel Otto Ricardo Saraiva de Souza e o comandante geral da Polícia Militar do RN, coronel Dancleiton Pereira Leite, além do comandante da 7a Região Militar do Exército, sediada em Recife (PE), general Márcio Heise, comandante da 7a Brigada de Infantaria Motorizada, general Jaime Queiroz e comandantes de batalhões do Rio Grande do Norte e da Paraíba.

As forças armadas vem somar às ações policiais que estão sendo realizadas pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) por meio das Polícias Militar e Civil. Uma nova reunião deverá ocorrer até o fim da tarde desta segunda-feira (1), reunindo o governador Robinson Faria e militares do Exército e Marinha do Brasil para definir os detalhes operacionais de apoio.

Comentários (4) enviar comentário
  1. jmscaico disse:

    Quando o bicho pega correm atras das forças armadas. O exercito ja era pra estar atuando .o estado faliu.

  2. Galeguinho disse:

    Boa!! Agora vai!!

  3. Souza disse:

    O interessante é que continuam tratando todos esses ataques como atos de vandalismo. Na minha opinião já são atos terroristas, e assim deveriam ser tratados.

  4. Curioso disse:

    Bandidos se aproximando dos 7×1…

Publicidade

Fecomércio apoia ações do Governo para combater criminosos

image

Foto: Sesed

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio Grande do Norte (Fecomércio RN), vem a público ratificar o seu total apoio ao Governo do Estado nas medidas de enfrentamento das ações criminosas que têm levado pânico à nossa população desde a sexta-feira passada (29/07). Como representante de importantes setores empresariais, cujas particularidades do funcionamento os tornam alvos ainda mais vulneráveis à ação de bandidos, o clamor por uma segurança pública efetiva e eficaz tem sido pauta constante desta Entidade.

Dentro desta linha, entendemos que o levante dos criminosos se dá por uma total inversão de valores, segundo a qual aqueles que transgridem a lei reivindicam direitos que não são seus e que redundam na criação de obstáculos ao trabalho das polícias.

Defendemos que o Governo, as forças de segurança e a sociedade em geral têm obrigação de se postar de maneira firme e irredutível, evitando retroceder e marcando posição em nome da legalidade e dos direitos dos cidadãos de bem, que são maioria e o maior patrimônio de qualquer sociedade.

Comentários (7) enviar comentário
  1. Junior pinheiro disse:

    SÓ NAO ENTENDO O PORQUE DE SÓ TER COLOCADO BLOQUEADOR EM UM PRESIDIO ? DEIXANDO OS OUTROS SEM COLOCAR E POR CONSEQUENCIA SE COMUNICANDO COM OS OUTROS, SE COLOCASSEM EM TODOS DE UMA VEZ, OS BANDIDOS NAO IAM NEM ENTENDER O PORQUE DE SEUS APARELHOS NAO FUNCIONAREM!!!!

  2. Maria disse:

    Concordo com todos os comentários, menos com o do amigo Kleber. Não gosto de nenhum político, mas também não podemos só criticar, o governo atual só pegou bomba, e para completar perdeu o apoio que tinha do governo federal, mas como o que está ruim ainda pode piorar, veio a crise NACIONAL, ele não pode fazer milagres, muito menos em tão pouco tempo. Em relação a divulgação que ele faz das ações tomadas, acredito que seja para dar uma satisfação a população que clama por segurança. Mas do que justo na minha humilde opinião.
    Espero que o amigo não se ofenda, mas é que as vezes precisamos analisar melhor o cenário e ponderar nossas críticas.
    Talvez a solução mais viável fosse tocar fogo nos presídios mesmos, matar um a um que encontrasse na rua, mas quem vai autorizar? Ninguém pq depois "os direitos humanos" caem em cima.

  3. Kleber disse:

    Rapaz aqui e uma metralhadora de propaganda desse governo,isso nao passa mais do que obrigação desse governo que nunca teve empenhos contra a violência do nosso estado,se nao for as forças federais o estado não tem condições mais de conter tanta violência.

  4. sandra disse:

    Vamos tocar fogo nas penitenciarias do RN, rapidinho tudo se resolve. QUEM TEM MEDO DE POLICIA ATUANTE É BANDIDO. POLICIA TEM QUE SER FIRME,EFICAZ, FORTE E PRINCIPIANTE APOIO DA POPULAÇÃO DE BEM, GOVERNO E JUDICIARIO.

  5. Joca disse:

    Colocar em cada entrada de morro ou vila uma penca de militares do exército ,para não entrar e nem sair droga alguma ,revistar QUSLQUER tipo de suspeito ,entrar nas vilas tocando o terror ,enfiando o pe em cada barraco suspeito ,colocar os moradores contra esses marginais,fazer a comunidade denúncia -los …..tocar o terror dentro do presídio ,baixando o cacete ,é de lá que está saindo às ordens ???? Baixar o pau ,de meia em meia hora dar um jato de água de caminhão dos bombeiros …..voltar a tortura ,pau de arara …dentro de presídio não existe gente do bem

  6. Moacir Carvalho disse:

    A hora do Governo agir e tomar TODAS AS MEDIDAS É AGORA. Tem APOIO da população e se fizer o dever de casa certo, vai reverter o desgaste e colher frutos políticos. Tem que agir e tomar as rédeas da situação em todos os sentidos, dentro e fora do sistema prisional.

  7. ELTON disse:

    ESSES MARGINAIS QUE FORAM PRESOS DEVIA A POLICIA TOCAR FOGO EM TODOS ELES, NUM INSTANTE CHEGARIA AO FIM ESSES ATAQUES.

Publicidade

Decisão do PMDB de deixar governo se dará por aclamação

DF - CONCESSÕES/PACOTE/DILMA ROUSSEFF - POLÍTICA - A presidente Dilma Rousseff, e o vice-presidente Michel Temer na cerimônia de anúncio da nova etapa do Programa de Investimento em Logística, no Palácio do Planalto em Brasília. 09/06/2015 - Foto: ANDRÉ DUSEK/ESTADÃO CONTEÚDO
Foto: André Dusek / Estadão Conteúdo

Após se reunir com o presidente do Senado, Renan Calheiros, o vice-presidente Michel Temer decidiu não comparecer à reunião do Diretório Nacional do PMDB marcada para esta terça-feira (29), quando o partido vai decidir se permanece ou não na base aliada do governo. Além dele, os sete ministros da legenda que compõem o governo não devem participar do encontro.

Com parte das representações estaduais da legenda já sinalizando que vão votar pelo desembarque do governo, a decisão de amanhã se dará por aclamação e não mais por votação, cuja deliberação se daria por maioria simples. O líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira (CE), também participou do encontro entre Renan e Temer.

Antes de costurar o acordo sobre a decisão de amanhã, o vice-presidente, que é presidente nacional do partido, reuniu lideranças durante todo o dia de hoje no Palácio do Jaburu, residência oficial da Vice-Presidência. Pela manhã, a presidenta recebeu seis ministros da legenda, com exceção de Kátia Abreu, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

enviar comentário
Publicidade

Governo recorre ao Supremo contra suspensão de Lula na Casa Civil

O advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, apresentou recurso nesta quarta-feira (23) contra decisão do ministro Gilmar Mendes, da semana passada, que suspendeu a nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no cargo de ministro-chefe da Casa Civil.

O recurso pede que o próprio Gilmar Mendes conceda efeito suspensivo à sua decisão e que depois o caso seja levado ao plenário do Supremo. A peça não aborda decisão desta terça (22) do ministro Teori Zavascki que determinou o envio ao STF das investigações sobre o ex-presidente, por conta de gravações envolvendo outras autoridades.

Na peça, a Advocacia Geral da União (AGU) argumenta que “em período de notória crise política e turbulência institucional, não se pode manietar a Presidenta da República no seu típico espaço de discricionariedade na direção política”, em referência à escolha da presidente Dilma Rousseff em chamar Lula para integrar o Executivo.

O recurso também nega que o objetivo da nomeação tenha sido livrar o ex-presidente das investigações da Operação Lava Jato. Na decisão, Mendes apontou que o ato buscou tirar o caso do juiz Sérgio Moro, da primeira instância, e levá-lo ao STF, o que poderia configurar “desvio de finalidade” por parte da presidente.
A AGU destaca que Lula não está condenado em qualquer instância, “muito menos
despido de seus direitos políticos” e que “mera existência de investigação ou ação penal em
curso não configura causa a obstar o ingresso” no ministério.

Sobre o argumento de que a decisão poderia aliviar as investigações contra Lula, a AGU diz que trata-se de premissa “inteiramente equivocada”. “Adota pressuposto de que essa Suprema Corte seria leniente, menos capaz ou eficaz do que qualquer juízo inferior no processamento e julgamento das ações penais originárias, como que um loeus para proteção e impunidade”, diz a peça.

Por fim, o recurso argumenta que a decisão de Gilmar Mendes “deixa em aberto o exercício de pasta ministerial absolutamente estratégica, com risco de graves prejuízos às ações governamentais”.

A manutenção da decisão, acrescenta, deixa “acéfalo um Ministério da envergadura da Casa Civil, comprometendo a execução de uma série de políticas públicas e ações governamentais que necessitam da anuênica e/ou assistência daquela Pasta para a sua execução, além de retirar do cargo de Presidente da República a competência, que lhe é própria, de nomear um Ministro de Estado”.

Fonte: G1

Comentário (1) enviar comentário
  1. paulo disse:

    BG
    Pode espernear,chorar se arrepender e tudo mais. Está chegando ao fim o pior governo nunca visto antes na historia desse PAÍS chamado Brasil onde um MAFIA tomou de ASSALTO A NAÇÃO BRASILEIRA.

Publicidade

Governo discute reestruturação das Centrais do Cidadão

Central do Cidadão fot Ivanizio Ramos4
Foto: Ivanízio Ramos

Uma reunião liderada pelo governador Robinson Faria com secretários e técnicos do Governo, na tarde desta segunda-feira (22) abordou a reestruturação das Centrais do Cidadão do Rio Grande do Norte. Pontos como agendamento dos atendimentos e a perfilização das unidades foram alguns dos assuntos abordados na pauta. A reunião contou com a secretária de Estado da Habitação, do Trabalho e da Assistência Social, Julianne Faria, e representantes da Seplan, Sejuc, Procuradoria Geral do Estado, Detran, Sine e Caern.

Ao todo, o estado possui 20 unidades da Central do Cidadão, que passarão por um processo de compartilhamento de custos com os órgãos prestadores de serviço para auxiliar no custeio e manutenção de cada estrutura. Outra decisão é que cada prédio terá o aluguel redefinido e será implantando um sistema de agendamento eletrônico nos moldes do Detran de forma a evitar filas.

Segundo o governador Robinson Faria, as medidas têm um objetivo comum a todos os órgãos que integram as Centrais. “ O que estamos discutindo é a questão da qualidade da prestação dos serviços e a comodidade que queremos oferecer a todos os que procuram atendimento. Vamos trabalhar para oferecer uma melhor estrutura aos potiguares em um curto espaço de tempo”, disse.

A secretária Julianne Faria declarou que a perfilização dos prédios compõe uma das medidas para reestruturação das unidades. “Queremos oferecer um serviço de padrão e qualidade independente de onde a Central esteja instalada. Para isso, vamos classificar as 20 unidades em pequenas, médias e grandes nessa nova fase e com custos de manutenção compartilhados”, completou a titular.

Participaram da reunião também o procurador Geral do Estado, Francisco Wilkie, os secretários de Planejamento, Gustavo Nogueira, e da Sejuc, Cristiano Feitosa, e o diretor presidente da Caern, Marcelo Toscano.

Comentários (2) enviar comentário
  1. anna disse:

    Gente do céu, que as providências sejam tomadas o quanto antes, pois não se consegue falar em nenhum dos telefones da central do cidadão nem do Alecrim, nem do via direta ou diz que o telefone não está recendo ligações ou simplesmente não atende. Preciso tirar as segunda via do Rg de meu filho e a primeira via dos outros. E agora? Diversos relatos no google de pessoas que chegam a 5hs da manha e não pegam mais filha, porque os "funcionários" dão preferencia a parentes e amigos, inclusive furando fila. Desrespeito total com cidadãos que pagam seus impostos.

Publicidade

Governo inicia distribuição de 604 toneladas de sementes aos agricultores

SorgoO Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape), inicia nesta terça-feira (16) a distribuição de 604 toneladas de sementes de arroz, feijão, milho e sorgo aos agricultores potiguares dentro do programa Bancos de Sementes. O secretário de Agricultura Haroldo Abuana fará uma entrega simbólica nesta terça em Pau dos Ferros, às 10h, no ginásio coberto da comunidade Perímetro Irrigado, na BR-226.

O volume é 18% maior do que o entregue em 2015, quando 39 mil agricultores foram beneficiados em 158 municípios com 509 toneladas de grãos. Dessa vez, 45.570 produtores receberão as sementes do Governo do Estado. Serão 204,8 toneladas de feijão, 252,8t de milho, 137,2t de sorgo Ponta Negra e 10 mil quilos de arroz BRS Tropical.

Segundo o secretário, este ano o Governo está investindo R$ 5,98 milhões na distribuição de sementes, R$ 1,2 milhão a mais do que o aplicado em 2015 (R$ 4,7 milhões).

“Esta é mais uma alternativa ao produtor, que tanto tem sofrido com a seca em nosso estado, e uma prova do compromisso do governador Robinson Faria com a agropecuária potiguar”, ressalta o secretário. Os grãos serão distribuídos em 159 municípios potiguares. Em 2015, o volume de sementes entregue superou em 188 toneladas o de 2014.

Saiba mais
O Programa Banco de Sementes teve início em 2005 e prevê em sua filosofia o fornecimento do estoque inicial de sementes selecionadas para o plantio de milho, arroz e feijão para subsistência das famílias e sorgo Ponta Negra para forragem dos rebanhos. Todas são variedades adaptadas para o semiárido e têm o acompanhamento dos pesquisadores da Emparn e Embrapa, que através de suas pesquisas proporcionam ao agricultor familiar do RN sementes precoces e de ciclo rápido, de forma que o produtor possa aproveitar ao máximo a quadra chuvosa no nosso estado.

enviar comentário
Publicidade

Deputado Dison deve ser anunciado como líder do governo na próxima semana

disonO deputado estadual Dison Lisboa deve ser anunciado como líder da bancada governista da Assembleia Legislativa já na sessão ordinária da próxima terça-feira (16).

O deputado evitou entrar em detalhes informando que ainda não conversou com o governador Robinson Faria e que outros nomes também devem ser avaliados para desempenhar a função. “Existem outros nomes também. Ainda não há nada confirmado, mas acredito que esse assunto será resolvido já para a próxima semana”, disse.

Filiado ao mesmo partido do governador Robinson Faria, Dison já vinha sendo tratado como líder do governo há mais de três desde que começaram as especulações sobre a entrega da liderança do então líder Fernando Mineiro, que oficializou na semana passada a entrega para se dedicar a campanha de prefeito de Natal esse ano.

Robinson deve aproveitar o final de semana para conversar com Dison, que já vinha atuando em defesa dos projetos do Governo, e traçar as estratégias para o resto do mandato.

enviar comentário
Publicidade

Robinson Faria reconhece dificuldades e reafirma compromisso de trabalho por mais segurança

robinsonO governador Robinson Faria emitiu uma nota agora há pouco falando sobre a situação da segurança pública no Rio Grande do Norte. No texto publicado nas redes sociais, ele fez uma prestação de contas do que já foi feito na área, reconheceu as dificuldades que atingem todos os estados brasileiros e ainda apresentou um plano do que vai ser feito ainda durante a sua gestão.

Confira na íntegra o texto:

Segurança Pública: reflexão e enfrentamento

Tenho recebido reclamações e críticas, todos os dias, por mais segurança. Entendo e compartilho da angústia de vocês. Segurança é a minha maior preocupação, como governador e cidadão. Também como pai de seis filhos. A violência, meus amigos, infelizmente é hoje uma epidemia nacional. No Rio Grande do Norte, a situação se agravou por décadas de descaso e descontinuidade de políticas públicas. Mas, apesar desta dura realidade, não desanimo. Tenho trabalhado incansavelmente para mudar este quadro.

Fazendo uma análise bem franca, apesar de já sermos o governo da história do RN que mais promoveu policiais, de termos revertido a curva crescente de crimes contra a vida que há 10 anos só aumentava, ainda assim, as ações realizadas até agora se revelam insuficientes. Há muito, ainda, o que ser feito. Mas todo o norte-rio-grandense pode ter absoluta certeza que, diariamente, estamos enfrentando esta crise!

Decidi realizar concurso público para preenchimento de vagas na Polícia Militar e Polícia Civil em 2016. Neste ano vamos também inaugurar a cadeia pública de Ceará-Mirim. Vamos ainda ampliar o Ronda Cidadã para a Zona Norte de Natal e as cidades de Parnamirim e Mossoró.

Determinei à Sejuc a abertura de uma sindicância para apuração das circunstâncias das fugas registradas no RN. As polícias trabalham para prender os foragidos. Não vamos descansar nessa missão.

Continuem mandando mensagens, compartilhando comigo suas reclamações e sugestões. Essa participação é fundamental para que possamos acertar mais. O protagonismo para vencer a violência e conquistar a paz tão almejada é de todos nós. Vamos fazer um pacto pela paz.

Comentários (7) enviar comentário
  1. Manoel disse:

    É governador, ouvindo suas declarações, fica aparentando que o senhor tem boas intenções no trato com a segurança pública, que aliás, conforme preconiza nossa Carta Magna, é dever do estado e responsabilidade de todos. Em tempos pretéritos, o RN teve um governador que impôs austeridade na nossa segurança pública. Foi Geraldo Mello, o qual carrega até hoje o título do único governador que apesar da falta de estrutura da época, bandido temia à polícia. Sou PM daquele tempo, e falo com muita propriedade, pois eu trabalhava na Rádio Patrulha, nem coletes existia, mas os policiais tinham o comprometimento com a profissão, tinham o sacerdócio. Hoje, a grande maioria só pensam em vantagens pessoais e ainda criticam e hostilizam quem realmente trabalham com amor a profissão que abraçou. Para se obter uma sensação de segurança, é necessário investir em vários seguimentos sociais, a começar pela educação, seguindo com as demais.
    Finalizando meu comentário, gostaria de saber do governador se a Lei de Organização Básica da PM (Reestrutura nossa instituição), sai agora, pois, na solenidade do aniversário da PM, o governador falou para todos presentes que até dezembro de 2015 iria enviar para a Assembleia. Legislativa, mas até agora nada .

  2. Olimpio disse:

    ´´Engraçado, o vice de Rosalba disse em campanha que os problemas do no estado era falta de gestão, pergunta-se inclusive a segurança , e agora.

  3. Miguel disse:

    Governador não só de críticas vive um Gestor, mas sim de motivação, acreditamos no seu potencial e coragem e otimismo! Vá em frente ainda há cidadãos que acreditam no seu trabalho. Força pra tocar esse RN tão extorquido durante décadas.

  4. Charles disse:

    Kkkkk. Tá se vendo. Um ano se foi e até agora só conversa fiada.

  5. José Avelino disse:

    É incompetência mesmo, os potiguares sentirão saudade do governo de Rosalba, infelizmente..
    Já passou do tempo de mostrar serviços, sr. Robson Farias, seus blá, blá, blá já está cansando os potiguares.

  6. caio fabio disse:

    Conversa muito, tem que parar de olhar pro retrovisor e fazer alguma coisa. Tá cheirando a incompetência.

  7. Suely disse:

    governador nao diga que tem 6 filhos e se preocupa com a seguranca deles porque eles andam com segurancas pagos por nós contribuintes.

Publicidade

Governo do RN descumpre acordo com Policiais e Bombeiros Militares

pm rnAs Associações Representativas de Militares do Rio Grande do Norte, em virtude no atraso das promoções previstas para o dia 25 de dezembro, estiveram em reunião no último dia 30, com a Secretária de Segurança Pública, Karina Leite e os Comandantes Gerais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, para tratar das promoções dos mais de mil policiais e bombeiros, que foram suspensas temporariamente. Diante do que foi apresentado, as Associações convidam os interessados no assunto para Assembleia Geral, segunda-feira, dia 11 de janeiro, às 9 horas, em frente a Governadoria, em pauta, será discutido sobre as medidas a serem adotadas com o objetivo de que se cumpra o que foi pactuado em agosto.

Segundo o Sargento Eliabe Marques, presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares – ASSPMBMRN, houve um desrespeito do governo com os representantes das Associações que estiveram presente nas negociações em agosto de 2015. “A categoria suspendeu na época o movimento, acreditando no calendário apresentado pelo governo. O próprio governo disse como seria realizado essas promoções e os pagamentos, e hoje descumpri com o prometido, afirmou Sargento Eliabe.

O acordo proposto pelo governo, em agosto de 2015, apresentava quatro datas para que fossem realizadas as promoções dos praças, sendo cumprida apenas a de agosto. Além do descumprimento com as promoções, o governo também não cumpriu o que foi acordado sobre o pagamento das promoções de 2012, 2013 e 2014. De acordo com o Sargento Eliabe, estes policiais e bombeiros militares foram promovidos a mais de três anos e houve a promessa que os pagamentos seriam realizados em outubro e novembro do ano passado, tendo havido até o momento apenas um pagamento parcial.

De acordo com as informações apresentadas na reunião com a Secretária Karina Leite, o Governo do Estado estaria suspendendo temporariamente as promoções, uma vez que o acordão a ser publicado pelo TCE implicaria riscos de inelegibilidade ao Governador do Estado, Robinson Faria, e afetava a todos os setores do Governo, não apenas à pasta de Segurança Pública.

Comentário (1) enviar comentário
  1. escritor disse:

    Acordaonde TCE nao.coloca ninguem em inegibilidade. Veja o caso de Dilma. TCU.condenou. E dai? Tem q ser apreciado pelo Senado. No caso do RN, tem q ser apreciado pela assembleia legislativa, onde o governo ganha o q quer. So mais uma desculpa, e repassando a culpa do descumprimento para outrem.

Publicidade

Presidente do PEN faz balanço positivo do primeiro ano do governo Robinson

LuizO presidente do diretório estadual do PEN, Luiz Gomes, fez um balanço do primeiro ano de trabalho da gestão do governador Robinson Faria. Na análise dele, os 12 primeiros meses foram bastante positivos com avanços importantes para o Rio Grande do Norte.

Luiz Gomes lembrou que, em 2015, o país vivenciou uma das piores crises econômicas e políticas que terminaram interferindo diretamente nos governos estaduais, porém pontuou que no RN o trabalho e o empenho do governador permitiram minimizar o impacto da crise.

“Robinson fez um excelente trabalho nesse primeiro ano de gestão mesmo com as adversidades da crise. Tivemos avanços significativos em todas as áreas graças ao trabalho do governador, da sua equipe e do próprio PEN que o apoia. Robinson se mostrou um excelente gestor que deve fazer ainda mais em 2016”, elogiou.

Mesmo sem ter cargos no governo, o PEN tem apoiado a gestão de Robinson Faria tanto na construção de projetos, quanto na manutenção do diálogo com a base.

Comentários (4) enviar comentário
  1. paulo disse:

    BG.
    Este País não vai para lugar nenhum nunca, tome-se o exemplo dos partidos políticos (ou são sub-legendas de ALUGUEL?????????). Isto é um escarnio com o CIDADÃO BRASILEIRO. Agora a pouco dias um destes "partidos" comprou um helicóptero e um avião com o fundo partidário, que vergonha estes indivíduos fazem com o POVO Brasileiro MASSACRADO com uma carga tributaria ESCORCHANTES e esses MELIANTES gastando dinheiro do Povo à toa.

  2. Oswaldo disse:

    Aguardem 2016!!!

  3. Junior pinheiro disse:

    É tanto partido que eu nem sei o que diabo é PEN, pein, pein!!! será uma onomatopeia??!!

  4. charles disse:

    Positivo pra eles que engordaram suas contas bancárias. Agora o povo só levou fumo, que o diga os aposentados que tiveram sua previdência raspada por esses incompetentes.

Publicidade