Publicidade
Publicidade

A Traquinagem de Leandrão custou caro ao ABC

Não fiquei surpreso, nem acho a pena de Leandrão severa. O que ele falou foi muito agressivo. Jogador de futebol tem que se ater a jogar bola, ainda mais quando ganha muito bem como é o seu caso no ABC. No frigir dos ovos o único prejudicado é o clube.

Segue Texto do Blog de Itamar Ciríaco:

O atacante do ABC, Leandrão foi julgado no STJD pelos comentário que fez após o jogo entre Vasco e ABC, em São Januário. Condenado, o jogador terá que cumrpir quatro jogos de suspensão e pagar uma multa de R$ 1 mil.

O relator do processo, José Teixeira Fernandes pediu a condenação do atleta com a suspensão de quatro jogos, O auditor Nicolao Constantino absolveu o jogador e a auditora Giseli Amantino ampliou a pena de quatro jogos e mais R$ 1 mil em multa. O voto da auditora foi seguido pelo presidente da turma, que condenou o atacante Alvinegro.

Logo após o segundo jogo da segunda fase da Copa do Brasil contra o Vasco, em que seu time foi eliminado, o atacante postou em seu Twitter a seguinte mensagem: “Qual turista vem ao Rio e não é roubado?”

(mais…)

Comentários (2) enviar comentário
  1. Renato Vilar disse:

    O que me irrita são os dois pesos e duas medidas. Não discuto a punição. Apenas pergunto: quantos ja foram punidos? Robinho pegou quantos jogos? Se o Twitador fosse Felipe do vasco daria em que?

  2. @borgesneto12 disse:

    BG, sei que Leandrão falou demais, mas o STJD pegou o atacante do ABC para Cristo. Por que Felipe (Flamengo) e Neymar (Santos) não foram punidos anteriormente em casos semelhantes? Porque os auditores do STJD não possuem coragem de condenar jogadores dos times dito grandes. Agora quando é caso envolvendo atletas de clubes pequenos e médios (caso do ABC) do Brasil afora, especialmente do Nordeste, aí os caras pegam pesado. Isso é revoltante! Mesma punição para quem é expulso por agressão a adversários. O ABC deve pedir efeito suspensivo e recorrer para o pleno do STJD. Mas que fique claro que isso não vai tirar o foco do Mais Querido nessa série "B": ascender para a "A".

Publicidade

O Marketingue do desastre

O problema jurídico que pousa hoje sobre as agendas do deputado federal Henrique Eduardo Alves e do senador Garibaldi Alves Filho, da perda dos seus direitos políticos, e que já foi até repercutido pela imprensa nacional, poderia ter sido evitado se, lá atrás, nos idos do ano de 2001, ambos não tivessem sido mal orientados por uma estratégia de marketing desastrosa.

Na época, foi criada a “SEGOV – Secretaria de Governo”, que nada mais era do que uma estratégia para dar visibilidade ao então secretário Henrique Eduardo, quando o então governador Garibaldi Filho era pré-candidato a Senador, para que Henrique pudesse fortalecer sua imagem de gestor e assumir sua candidatura ao Governo do Estado nas eleições ano seguinte.

Até aí, nenhuma novidade, pois todo político tem que demostrar ser um bom gestor pra poder concorrer a um cargo majoritário. O problema foram os exageros na dose e os erros no conteúdo da tal estratégia de divulgação e a forma como a mesma foi conduzida por um profissional (?) despreparado. Para citar aqui apenas um dos tipos de erro comuns cometidos à época, dentre os outros vários que ocorreram, chegava-se ao cúmulo de colocar o deputado Henrique Eduardo no ar, ao vivo na rádio, via celular, direto do aeroporto de Brasília, com uma voz apressada e ofegante, e com todos aqueles os ruídos próprios de um check-in de aeroporto, no programa de rádio veiculado diariamente e especialmente criado para o período. Isso sem falar na exposição de imagem exagerada a que se refere a sentença proferida recentemente contra os parlamentares, fruto de uma total falta de zelo do profissional (?) responsável pela “Estratégia Segov”.

(mais…)

Comentário (1) enviar comentário
  1. @borgesneto12 disse:

    Na ferida! …

Publicidade

Motoristas vão parar. GREVE

Os motoristas de ônibus, depois da paralisação feita hoje pela manhã que teve duração de 2 horas na Bernardo Vieira, voltarão a realizar outra paralisação também com duração de 2 horas nesta tarde no Baldo em frente ao Sindicato.
A categoria também afirmou que a partir de sábado, irá cruzar os braços e iniciar uma nova greve, porém dessa vez será geral.
Enquanto a categoria paralisa tudo, quem sofre é a população que infelizmente não tem nada haver com isso.

Comentários (2) enviar comentário
  1. Diogo disse:

    Cidadão paga R$2,20 na passagem de ônibus, espera em "parada" descoberta exposto ao sol quente ou a chuva, paga seus impostos em dia para se deparar com absurdo desse! Imagina quem tem um compromisso sério a ser resolvido e fica na parada de ônibus esperando a boa vontade deles. Cade as autoridades tomarem providências e pagar um salário DIGNO aos profissionais para esse tipo de coisa não voltar a acontecer, para onde vai o dinheiro que pagamos nos impostos ?????????????

  2. Rodrigo disse:

    Já que o problema dos motoristas e cobradores é com os empresários, podiam continuar circulando com os ônibus, porém com a porta traseira escancarada, transportando todo mundo de graça!!! Assim não prejudicaria quem precisa do serviço, que já é precário e também não atrapalharia o trânsito.
    No fim das contas quem vai arcar mesmo com tudo isso é a população, com mais um aumento da passagem e a permanência do péssimo serviço!

Publicidade

OAB pede investigação sobre Palocci

A marola que os PTistas levaram na brinceira segunda-feira, quando veio a tona mais essa traquinagem do ministro, virou um tsunami e a situação do super Palocci piora a cada minuto. Segue reportagem da VEJA:

As justificativas apresentadas pelo ministro da Casa Civil, Antônio Palocci, sobre as atividades e os lucros obtidos com sua empresa de consultoria são, por enquanto, insuficientes, afirmam dois representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O argumento de que outros cinco ministros da gestão Dilma também são proprietários de consultorias, assim como outros ex-ministros da área econômica do governo Fernando Henrique Cardoso, seria apenas uma cortina de fumaça.

Para o presidente da OAB, Ophir Cavalcante, o desgaste seria menor se o Ministério Público Federal iniciasse logo uma investigação. Cavalcante cobra iniciativa por parte da Procuradoria Geral da República a partir do noticiário da imprensa. “Arquivar ou deixar o caso para lá não seria razoável”, diz.
(mais…)

enviar comentário
Publicidade

Ônibus estão parados na Bernardo Vieira

Da Redação do DIARIODENATAL.COM.BR

Os motoristas que atuam nas linhas de transportes urbanos de Natal, realizam uma paralisação de advertência na manhã desta quarta-feira (18), nas duas vias da Avenida Bernardo Vieira, em Natal. A ação da categoria esta provocando um grande engarrafamento no local, e os passageiros estão abandonando os veiculos e seguindo a pé pela avenida. A previsão é que a mobilização da categoria, ocorra durante uma hora.

enviar comentário
Publicidade

Prefeitura arrecada mais de R$ 98 Milhões em Março

A Prefeitura do Natal publicou hoje no DOM do município o extrato das receitas referente ao mês de Abril 2011. Em relação a Março a receita caiu R$ 10 Milhões.

Arrecadação Total Prefeitura Municipal em Abril – R$ 98.416.640,01 (Noventa e Oito Milhões, Quatrocentos e Dezesseis Mil, Seiscentos e Quarenta Reais e Um Centavo).

Destacam-se na arrecadação os seguintes itens:

IPTU – R$ 2.237.920,85 – diminuiu em relação a março

ISS – R$ 14.332.407,11 – aumentou em relação a março

FPM – R$ 17.958.347,88 – Aumentou em relação a março

PARTE DO – IPVA 5.137.909,50 – Manteve em relação a março

FUNDEB – R$ 10.524.534,36 (Fundo de Educação) – Aumentou em relação a março

Taxa Limpeza Publica – R$ 1.404.159,13 – Diminuiu em relação a março

COTA – PARTE DO ICMS – R$ 18.124.901,09 – Diminuiu em relação a março

CONTRIBUIÇÃO PARA O SERVIÇO DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA – COSIP – R$ 3.203,99 – Aumentou em relação a março

TRANSFERÊNCIA DE RECURSOS SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE – SUS – R$ 12.437.532,81 – Diminuiu em relação a março

Comentário (1) enviar comentário
  1. Meu Deus!!!!! Cuida dessa cidade.

Publicidade
Publicidade

Carreta tomba na BR 101 carregada de Soda Cáustica

Foto de Ana Karla Martins
Foto Emanuel Amaral

TN Online:

Uma carreta carregada de soda cáustica tombou no início da manhã desta quarta-feira (18), na BR-101. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, o acidente ocorreu no km 117 da via, próximo da entrada da cidade de Monte Alegre, distante 34 km de Natal. O caminhão tem placas KFH-0646, de Jaboatão dos Guarapes (PE), e conduzia a carga de Macrió (AL) para Natal. A rodovia foi interditada por motivos de segurança

O Corpo de Bombeiros e a equipe de Controle Ambiental foram acionados, porque grande parte da carga escorreu para a pista, e há uma lagoa próxima ao local – Lagoa de Passagem de Cavalos-, mas ainda não se tem notícias sobre uma possível contaminação. O motorista da carreta sofreu ferimentos leves e conta que perdeu o controle da direção, e não conseguiu evitar o tombamento.

A interdição da BR começa no km 119. O local funcionava com pista dupla, mas no momento apenas uma faixa está liberada.

enviar comentário
Publicidade

Marcelinho Carioca assume como Deputado Federal

UOL Esportes

Marcelinho Carioca começará efetivamente sua carreira política. Nesta quinta-feira, ele toma posse como deputado federal pelo PSB. O ídolo do Corinthians é primeiro suplente do partido e assumirá a função devido à licença de seis meses pedida pelo deputado Abelardo Camarinha.

“Fiquei feliz demais quando soube que terei essa oportunidade de retribuir ao meu país tudo de bom que recebi dele”, comemorou o ex-meio-campista. “Vou pautar meu mandato na busca por fazer do esporte um meio efetivo de inclusão social para as crianças que mais precisam”, emendou.

A cerimônia de posse acontecerá às 10h de quinta-feira, 19 de maio. A data, inclusive, é bastante marcante para Marcelinho. “O dia 19 de maio é muito marcante na minha vida, pois é o aniversário do meu pai [Adílson], o falecimento de minha mãe [Sueli] e agora será o início de uma trajetória que eu espero que seja tão ou mais vitoriosa do que a que tive como jogador de futebol”, projetou.

Marcelinho recebeu 62.399 mil votos nas eleições realizadas no início de outubro do ano passado. Essa foi sua primeira tentativa na política nacional. No mesmo pleito, Vampeta e Dinei, também muito identificados com o Corinthians, não conseguiram votação suficiente.

Comentário (1) enviar comentário
  1. @borgesneto12 disse:

    Danrley, Marcelinho, Romário, Popó… Aposentados do esporte mas "representantes do povo" em Brasília. Vamos ver o que fizeram ao final dessa legislatura.

Publicidade

Ronaldo chuta o pau da barraca

Quando ainda eram correligionários

 

Do Blog de Thaisa Galvão.

O chefe da Controladoria Geral da União (CGU) no Rio Grande do Norte, Moacir Rodrigues de Oliveira, confirmou ontem, em entrevista à TV Ponta Negra, denúncias feitas pelo ex-prefeito Ronaldo Soares, contra o atual prefeito de Assu, Ivan Júnior.
Ronaldo entregou à CGU, um volume grande de documentos federal destinas a obras emergenciais depois das inundações ocorridas no município de Assu no inverno do ano passado.

“Do total de casas previstas para reforma, que eram 862, havia 267 casas reformadas e pagas. E nós fomos fazer o que chamamos de inspeção física: comparar o que tinha sido realizada em cada casa com o que tinha sido pago. E identificamos inconsistências, seja no quantitativo, seja na qualidade desses trabalho, dessas execuções de reforma”, declarou o chefe CGU-Regional/RN, cobrando uma explicação do prefeito.

(mais…)

enviar comentário
Publicidade

Intervenção na URBANA

Tribuna do Norte:

Hoje pela manhã, às 9h, uma audiência pública comandada pelo Ministério Público Estadual pode definir ou não a intervenção da Companhia de Limpeza Urbana de Natal.

A empresa deve apresentar as respostas às recomendações do Ministério Público entregues no dia 9 deste mês. Caso não seja possível a celebração de um acordo, o promotor de justiça do Meio Ambiente, João Batista Machado, cogita a possibilidade de pedir a intervenção na Urbana.

“Iremos esgotar todas as formas de negociação, caso não tenha sucesso, haverá intervenção. A cidade não pode continuar neste desmando de gestão”, afirma.

O Ministério Público impetrou somente este ano oito ações civis públicas que investigam desde o recolhimento e tratamento do lixo, a danos ambientais e processos de contratação de empresa para prestação de serviço.

A TRIBUNA DO NORTE, do último dia 11, denunciava cerca de 80 contratos, termos de subcontratação e aditivos contratuais firmados entre a empresa Trópicos Engenharia e pessoas físicas e jurídicas para prestarem serviços à Urbana, também investigados pelo MPE.

A subcontratação – possível somente mediante ao aval da contratante – foi aprovada pelos diretores da Urbana nos últimos cinco anos.

Somente em 2010, foram firmados 24 termos de subcontratação cujas despesas chegam a R$ 1,7 milhão.

enviar comentário
Publicidade